Sunteți pe pagina 1din 11
CONTAS (CONTINUAÇAO) Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande REPRESENTAÇÃO GRÁFICA DAS CONTAS

CONTAS

(CONTINUAÇAO)

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande

REPRESENTAÇÃO GRÁFICA DAS CONTAS (ELEMENTOS MÍNIMOS)

Nos registros contábeis utilizamos diversos livros e formas de evidenciação. Uma das formas de evidenciação é a individualizada por conta, isto é, cada uma das contas terá um espaço próprio pelo qual podemos observar toda a evolução do componente patrimonial representado por esta conta. Todavia, estes registros não são efetuados ao bel prazer de quem detém a responsabilidade de fazê- lo, pois hão de ser efetuados em ordem cronologia e em livro próprio, chamado de RAZÃO. Por mais que falamos que os registros serão efetuados no livro RAZÃO, é comum que este livro seja substituído por fichas, as chamadas fichas do Razão, sendo utilizada uma ficha para cada uma das contas.

Nas fichas do Razão, a conta possui como elementos necessários o valor do débito, o valor do crédito, o valor do saldo, o histórico, o título e a data da movimentação. Estes elementos podem ser representados, graficamente, como se demonstra a seguir:

Título da Conta:

graficamente, como se demonstra a seguir: Título da Conta: Didaticamente, na solução de problemas e de

Didaticamente, na solução de problemas e de questões de provas, usamos o modelo de conta resumida ou simplificada, chamado de RAZONETE ou conta em “T”, sendo débitos e créditos convenções como a seguir, e o saldo assim classificado:

SALDO CREDOR Total dos créditos > Total dos débitos SALDO DEVEDOR Total dos créditos < Total dos débitos SALDO NULO Total dos créditos = Total dos débitos

Professor: Silvio Sande www silviosande com br

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande FUNCIONAMENTO DAS CONTAS Um aspecto fundamental que

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande

FUNCIONAMENTO DAS CONTAS Um aspecto fundamental que precisamos saber é o relativo ao funcionamento das contas. Já vimos pela teoria Personalista que as contas representativas de bens e direitos possuem saldo devedor e as que representam obrigações possuem saldo credor, assim como as do Patrimônio Líquido.

• DEBITAR a conta significa lançar valores no lado esquerdo do razonete. • CREDITAR a conta significa lançar valores no lado direito do razonete.

CONTAS DO ATIVO E DESPESAS

Por representarem os investimentos da entidade (bens e direitos) e seus gastos (despesas), isto é, por representarem as aplicações dos recursos, estas contas têm obrigatoriamente natureza devedora, apresentando sempre saldos devedores ou nulos (exceto as contas retificadoras do ativo que possuem saldo credor). Assim, os aumentos de valor dos bens e direitos serão registrados por meio de débitos e as reduções por créditos.

CONTAS DE ATIVO OU DESPESA Todo aumento de ativo ou de despesa deve ser lançado no lado esquerdo, ou seja, DEBITA-SE a conta.

CONTAS DO PASSIVO, PATRIMÔNIO LÍQUIDO E RECEITAS

As fontes ou origens de recursos da empresa estão representados, no Balanço Patrimonial, pelas contas do passivo exigível e pelas contas do Patrimônio Líquido. As contas de receita também representam origens de recursos provenientes de terceiros, mas não representam obrigações. Representam recursos que tendem a aumentar o Patrimônio Líquido, pois no seu confronto com as despesas (apuração do resultado), pode gerar lucro e este é incorporado ao Patrimônio Líquido via conta de Lucros ou Prejuízos Acumulados.

Assim, as contas destes grupos, por representarem as fontes de recursos da entidade, que podem ser provenientes de terceiros (passivo), de sócios ou acionistas (patrimônio líquido) ou de suas próprias atividades (receitas), elas têm obrigatoriamente natureza credora, apresentando sempre saldos credores ou nulos e, assim, os aumentos de valor virão através de créditos e as diminuições por débitos. Ressaltamos, todavia, a existência de contas retificadoras de passivo e de Patrimônio Líquido

Professor: Silvio Sande www silviosande com br

que, por suposto, possuem saldo devedor. Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande CONTAS DE

que, por suposto, possuem saldo devedor.

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande

CONTAS DE PASSIVO, PL, RECEITAS Todo aumento de passivo, PL ou receita deve ser lançado no lado direito, ou seja, CREDITA-SE

FUNCIONAMENTO DAS CONTAS

lançado no lado direito, ou seja, CREDITA-SE FUNCIONAMENTO DAS CONTAS Professor: Silvio Sande www silviosande com
lançado no lado direito, ou seja, CREDITA-SE FUNCIONAMENTO DAS CONTAS Professor: Silvio Sande www silviosande com

Professor: Silvio Sande www silviosande com br

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande No que se refere ao balanço patrimonial, julgue

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande No que se refere ao balanço patrimonial, julgue os
Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande No que se refere ao balanço patrimonial, julgue os

No que se refere ao balanço patrimonial, julgue os itens que se seguem.

01(CESPE/FUB/2014)

controlado pela entidade e resultante de eventos passados; por isso, o item que gera benefício futuro não compõe o ativo.

Para que se reconheça um item como ativo, é necessário que o recurso seja

02 (CESPE/FUB/2014) No ativo, as contas são classificadas em ordem crescente de grau de liquidez dos elementos nelas registrados.

03. (CESPE/ANTAQ/2014) O balanço patrimonial representa, quantitativa e qualitativamente, a posição financeira e patrimonial da entidade em determinada data.

Professor: Silvio Sande www silviosande com br

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande 04 (CESPE/FUB/2014) O objetivo do balanço patrimonial é

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande

04 (CESPE/FUB/2014) O objetivo do balanço patrimonial é evidenciar a situação financeira e

patrimonial da organização em determinada data, representando, desse modo, uma posição dinâmica

do negócio.

05 (CESPE/FUB/2014) O balanço patrimonial é composto pelo ativo, pelo passivo e pelo patrimônio

líquido. Considerando-se que o ativo e o passivo sejam divididos em circulante e não circulante, é correto afirmar que as obrigações que vencerem após o término do exercício social seguinte deverão

ser classificadas no passivo não circulante.

06(CESPE/FUB/2014)

o passivo, inclui as contas capital social, reservas de capital, ajustes de avaliação patrimonial, reservas de lucros, ações em tesouraria e prejuízos acumulados.

O grupo do patrimônio líquido, que representa o valor residual entre o ativo e

Julgue os itens a seguir quanto ao objeto e à finalidade da contabilidade.

07. (CESPE/EMBASA/2010)

08. (CESPE/EMBASA/2010)

a tomada de decisões.

O objeto da contabilidade é o patrimônio das entidades.

A principal finalidade da contabilidade é prover informações para auxiliar

09. (CESPE/IBRAM/DF) A contabilidade tem como objeto o patrimônio e como um de seus objetivos

prover seus usuários de informações úteis para a tomada de decisão.

Acerca do conceito, do objetivo e da composição do balanço patrimonial das companhias, julgue os próximos itens.

10. (CESPE/TRE/2010)

direitos.

As contas do ativo compreendem as aplicações de recursos em bens e

11. (CESPE/TRE/2010) O patrimônio líquido da entidade compreende as suas exigibilidades e

obrigações para com terceiros.

12. (CESPE/TRE/2010) No balanço patrimonial, as contas do ativo devem ser classificadas em ordem

decrescente do grau de liquidez, enquanto, no passivo, devem ser dispostas em ordem crescente de

Professor: Silvio Sande www silviosande com br

prioridade de pagamento das exigibilidades Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande 13.

prioridade de pagamento das exigibilidades

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande

13. (CESPE/SERPRO/2013)Um bem (ou um direito) somente sera ́ considerado como ativo quando satisfaz a tre ̂s condic ̧o ̃es: gerar benefi ́cios econo ̂micos futuros; ser controlado pela entidade e ser resultante de um evento que tenha ocorrido no passado.

14. (CESPE/SERPRO/2013) A definic ̧a ̃o do passivo pode ser dividida em tre ̂s aspectos cruciais: e ́ uma obrigac ̧a ̃o atual; a liquidac ̧a ̃o implicara ́ desembolso de benefi ́cios econo ̂micos para a entidade; e ́ resultado de eventos passados.

15. (CESPE/TRE/2011) Na empresa cujo ciclo operacional tiver duração menor que o exercício social,

a classificação no circulante ou longo prazo terá por base a duração do exercício social.

16. (CESPE/TRE/RN/2010) Muitas são as condições em que a equação patrimonial de uma entidade

pode apresentar-se, mas em nenhuma hipótese a situação líquida pode ser maior do que o ativo

total.

17. (CESPE/AUDITOR/ES) Os elementos diretamente relacionados com a mensuração da posição

patrimonial e financeira são: ativos, passivos e patrimônio líquido.

18. (CESPE/AUDITOR/ES) Receitas são aumentos nos benefícios econômicos durante o período

contábil, sob a forma de entrada de recursos, de aumento de ativos ou de diminuição de passivos, que resultam em aumentos do patrimônio líquido e que não sejam provenientes de aporte dos

proprietários da entidade.

19.(CESPE/TRE/2011) De acordo com a teoria materialista, as contas denominadas integrais são aquelas representativas de bens, direitos, obrigações e situação líquida das entidades, enquanto as receitas e despesas formam o conjunto de contas denominadas diferenciais.

20 (CESPE/FUB/2014) A situação líquida de uma organização, que resulta da diferença entre seus

ativos e seus passivos, é afetada negativamente pelas despesas da organização e positivamente pelo

reconhecimento de receitas e investimentos feitos por seus acionistas.

21 (CESPE/FUB/2014) O balanço patrimonial de uma empresa representa graficamente a sua

situação patrimonial.

Professor: Silvio Sande www silviosande com br

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande 22 (CESPE/ANTAQ/2014) Classificam-se no grupo de ativos não

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande

22 (CESPE/ANTAQ/2014) Classificam-se no grupo de ativos não circulantes apenas os direitos com

vencimento superior a um exercício social após o levantamento do balanço patrimonial.

Com relação aos preceitos contábeis estabelecidos na legislação societária, julgue o item subsequente.

23 (CESPE/SUFRAMA/2014) Integram o ativo não circulante os grupos: realizável a longo prazo,

permanente e diferido.

24 (CESPE/MPU/2013) Os empréstimos concedidos a sociedades coligadas e controladas, realizáveis

no curso do exercício social subsequente e que não sejam caracterizados como negócios usuais na

exploração do objeto social da companhia, devem ser classificados no ativo circulante.

No que diz respeito ao plano de contas, julgue os seguintes itens.

25 (CESPE/FUB/2014) A explicação da função e do funcionamento das contas compõe um documento

anexo ao plano de contas, visto que tais informações são do domínio dos técnicos e contadores que utilizarão o rol de contas da organização.

26 (CESPE/SUFRAMA/2014) O rol de contas é um dos elementos do plano de contas, um conjunto de normas destinadas a amparar os registros contábeis de uma instituição.

27(CESPE/FUB/2014) O elenco de contas deve ser elaborado para guiar os procedimentos de contabilização e estruturado de acordo com as necessidades de cada organização ou, em casos especiais, de certos segmentos econômicos.

28 (CESPE/CADE/2014)

passivo circulante ou no passivo não circulante, tomando-se como referência o exercício social ou o

ciclo operacional da empresa, se este tiver duração maior que o exercício social.

As obrigações da companhia com terceiros devem ser classificadas no

29. Quanto à classificação da conta impostos a recolher, pode-se dizer que ela é uma conta:

a) integral, de saldo credor;

b) integral, de saldo devedor;

c) patrimonial, de saldo devedor;

d) diferencial, de saldo credor;

Professor: Silvio Sande www silviosande com br

e) diferencial, de saldo devedor. Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande 30(FGV 2010)Assinale a

e) diferencial, de saldo devedor.

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande

30(FGV 2010)Assinale a alternativa que apresenta contas com saldo credor.

(A)

Fornecedores, salário a pagar e clientes.

(B)

Provisão para férias, adiantamento a fornecedores e impostos a recolher.

(C)

Empréstimos bancários, juros ativos e capital.

(D)

Juros passivos, mercadorias e estoques.

(E)

Contas a pagar, depreciação acumulada e imóveis para uso.

31. Considerando as diversas partes que compõem um Plano de Contas, é correto afirmar que a descrição da função e do funcionamento é indicada

(A)

no Elenco de Contas.

(B)

no Sistema de Contas.

(C)

nos Modelos Padronizados de Demonstrações Contábeis.

(D)

no Manual de Contas.

(E)

na Relação de Contas.

32. (ESAF/Agente Executivo/SUSEP/2006) A empresa A de Amélia S/A, possuindo dinheiro, máquinas e dívidas, respectivamente, na proporção de 30, 70 e 40 por cento do patrimônio total, ostenta um patrimônio líquido de R$ 48.000,00. Tecnicamente, isso significa que a empresa possui

a) Disponibilidades de R$ 24.000,00.

b) Passivo a Descoberto de R$ 32.000,00.

c) Passivo Exigível de R$ 40.000,00.

d) Capital Próprio de R$ 60.000,00.

e) Ativo de R$ 100.000,00.

33. Uma entidade ou empresa financia os seus investimentos, expressos na variedade de ativos, usando capital obtido junto aos sócios ou a terceiros. A respeito dos registros contábeis dos saldos desses capitais, assinale a alternativa correta.

(A) Tanto os valores do capital próprio quanto os obtidos junto a terceiros são demonstrados,

conforme o seu prazo de exigibilidade, nos subgrupos Circulante e Exigível a Longo Prazo do BP (Balanço Patrimonial).

(B) Os capitais obtidos junto a terceiros são constituídos pelo somatório de todos os empréstimos

Professor: Silvio Sande www silviosande com br

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande concedidos a terceiros. (C) Apenas os valores representativos

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande

concedidos a terceiros.

(C) Apenas os valores representativos do capital próprio são registrados no subgrupo Patrimônio

Líquido do BP da empresa.

(D) A empresa que operar com capital de terceiros estará, sempre, incorrendo em situação líquida

conhecida como Passivo a Descoberto.

(E)

O capital próprio é registrado contabilmente no ativo e o de terceiros no passivo da empresa.

34

(CESGRANRIO/BNDES 2010) Em um determinado exercício social, a empresa apresentou, em

reais, os seguintes dados:

Capitais de Terceiros Circulantes

350.000,00

Disponíveis

120.000,00

Estoques

500.000,00

Imobilizado

100.000,00

Investimentos em Controladas

50.000,00

Realizáveis a Longo Prazo

Considerando exclusivamente as informações acima, nesse exercício, o capital próprio, em reais, é

130.000,00

(A)

100.000,00

(B)

150.000,00

(C)

500.000,00

(D)

550.000,00

(E)

900.000,00

35(CARLOS CHAGAS/CONTADOR NOSSA CAIXA 2011) O contador observou, ao analisar a equação patrimonial da Cia. Raio de Luz, que o valor total do Ativo correspondia ao dobro do valor do Patrimônio Líquido. Nesse caso,

(A)

o total do Patrimônio Líquido é igual ao total do Passivo.

(B)

o total do Passivo é igual ao dobro do Ativo.

(C)

existe Passivo a Descoberto nessa companhia.

(D)

o total do Ativo equivale a três vezes o total do Passivo.

(E)

o total do Passivo equivale à metade do total do Patrimônio Líquido.

36

(CARLOS CHAGAS/ANALISTA JUDICIÁRIO TRF 4ª REG 2010)

São dadas as informações abaixo sobre o balanço patrimonial de uma companhia, em R$, relativas ao

Professor: Silvio Sande www silviosande com br

exercício findo em 31/12/2009: Ativo Circulante 320.000,00 Passivo Circulante 250.000,00 Patrimônio

exercício findo em 31/12/2009:

Ativo Circulante

320.000,00

Passivo Circulante

250.000,00

Patrimônio Líquido

220.000,00

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande

Sabendo-se que o valor do Ativo Não Circulante é 50% maior que o do Passivo Não Circulante, o valor desse último corresponde, em R$, a

(A)

450.000,00.

(B)

150.000,00.

(C)

300.000,00.

(D)

330.000,00.

(E)

770.000,00.

37 (CARLOS CHAGAS/ANALISTA JUDICIÁRIO TRF 4ª REG 2010) No Balanço Patrimonial da Cia. BemTeVi, relativo ao exercício encerrado em 31/12/2009, o Ativo Não Circulante representava 70% do total dos ativos da companhia. O Passivo Circulante no valor de R$ 180.000,00 representava 60% do valor do Ativo Circulante e 50% do Passivo Não Circulante. O Patrimônio Líquido da companhia, no dia 31/12/2009, equivalia, em R$, a

(A)

700.000,00.

(B)

360.000,00.

(C)

460.000,00.

(D)

180.000,00.

(E)

300.000,00.

38. (TRF 2R 2012 FCC) Numa determinada empresa, o valor dos saldos das seguintes contas patrimoniais, apo ́s o encerramento das contas de resultado, era, em R$, de

Disponi ́vel Perdas estimadas em recebi ́veis no curto prazo Estoques Mo ́veis e Utensi ́lios Despesas do exerci ́cio seguinte Imo ́veis Ativos Intangi ́veis Amortizac ̧a ̃o Acumulada

́ lios Despesas do exerci ́ cio seguinte Imo ́ veis Ativos Intangi ́ veis Amortizac
́ lios Despesas do exerci ́ cio seguinte Imo ́ veis Ativos Intangi ́ veis Amortizac
́ lios Despesas do exerci ́ cio seguinte Imo ́ veis Ativos Intangi ́ veis Amortizac
́ lios Despesas do exerci ́ cio seguinte Imo ́ veis Ativos Intangi ́ veis Amortizac
́ lios Despesas do exerci ́ cio seguinte Imo ́ veis Ativos Intangi ́ veis Amortizac
́ lios Despesas do exerci ́ cio seguinte Imo ́ veis Ativos Intangi ́ veis Amortizac
́ lios Despesas do exerci ́ cio seguinte Imo ́ veis Ativos Intangi ́ veis Amortizac

90.000,00

25.000,00

130.000,00

50.000,00

35.000,00

220.000,00

60.000,00

25.000,00

Professor: Silvio Sande www silviosande com br

Empre ́ stimos de curto prazo a empresas coligadas 40.000,00 Duplicatas a receber (curto prazo)

Empre ́stimos de curto prazo a empresas coligadas

40.000,00

Duplicatas a receber (curto prazo)

Contabilidade Curso FISCAL 2015 Professor: Silvio Sande

105.000,00 Depreciac ̧a ̃o Acumulada

180.000,00

O total do Ativo Circulante da referida empresa nesse exerci ́cio social, correspondia, em R$, a

a) 410.000,00.

b) 375.000,00.

c) 435.000,00.

d) 515.000,00.

e) 540.000,00.

Professor: Silvio Sande www silviosande com br