Sunteți pe pagina 1din 10

RELATÓRIO DO VI ERENAJU

(ENCONTRO DA REDE NACIONAL DE ASSESSORIA JURÍDICA


UNIVERSITÁRIA)

O VI ERENAJU aconteceu na cidade de Teresina/PI nos dias 07, 08, 09,10 e 11


de Abril de 2004 e contou com a participação de oito entidades da RENAJU e quatro
entidades participantes.

Entidades da RENAJU presentes no encontro: CAJU/CE, SAJU/BA, SAJUP/PR,


NAJUP- NEGRO COSME/MA, SAJU/CE, CAJUINA/PI, NAJUC/CE e SAJU/RS.

Entidades Participantes: Projeto JA/PI, Projeto MANDACARU/PI, NAJUP/GO E


SAJUPP/PI.

PLENÁRIA FINAL

Sábado 10/04/2004.

Coordenação da Mesa: Ricardo Viana- CAJUINA

Relatora da Mesa: Pilar –Negro Cosme

1ª PAUTA: REVISTA DA RENAJU

Propostas:

1) Formar uma comissão externa, uma assessoria para avaliar os textos;


2) Elencar os temas da revista;
3) Não elencar os temas da revista;
4) Que fossem colocados na rede, pelo CAJUINA, os critérios para a feitura da
revista;
5) Analisar quais são os critérios necessários para dar a revista um caráter
científico;
6) Colocar na revista as monografias já existentes nos núcleos de assessoria;
7) A revista seria dividida em seções como: histórico da rede, baú de
experiências...etc

DECIDIU-SE:
O CAJUINA ficará encarregado de pesquisar os critérios necessários para a
elaboração de uma revista cientifica e à medida que for avançando nos estudos
exporá na rede e no ENAJU esses critérios.

2ª PAUTA: HOME PAGE.

Propostas:

1) Necessidade de um CNPJ para a formalização do registro do site;


2) O CAJUINA será o responsável pela elaboração do site e levantamento dos
custos.
3) O pagamento da anuidade será de responsabilidade da sede do ERENAJU;
4) O site apresentaria as seguintes seções: O que é a RENAJU, O que é a AJUP,
apresentação institucional, baú de oficinas, histórico.

DECIDIU-SE:

1) O NAJUP - NEGRO COSME ficará encarregado de tentar junto ao CAIM a


disponibilizarão do CNPJ para formalização do registro do site;
2) O CAJUINA ficará responsável pela elaboração do site, do levantamento dos
custos e pagamento da primeira anuidade, visto que foi a sede do encontro deste
ano;
3) O SAJU-CE, NAJUC E CAJU/CE serão os responsáveis pela elaboração da
seção “ O QUE É ASSESSORIA JURIDIA POPULAR”;
4) A apresentação da RENAJU será copiada do folder;
5) Todas as entidades da rede, presentes no encontro, assumiram o compromisso de
até o final de maio colocarem na operadores todas as oficinas que disponham
em seus bancos de dados, afim de que posteriormente sejam organizadas e
colocadas no site.

3ª PAUTA: CRITÉRIOS DE ENTRADA DAS NOVAS ENTIDADES

Propostas:

1ª) Proposta:

1) Para a entrada de novas entidades será necessária a participação em (02) dois


ERENAJUS não consecutivos e com justificativa do não comparecimento em
um deles, sendo que o prazo de prescrição é de (01) um ano.
2) Para a entrada de novas entidades será necessária a participação em (02) dois
ERENAJUS consecutivos.
DECIDIU-SE:

CAJU/CE, SAJU/BA, SAJUP/PR, NAJUP-NEGRO COSME/MA, SAJU/CE,


CAJUINA/PI e NAJUC/CE votaram pela primeira proposta.

SAJU/RS votou pela segunda.

Dessa forma, fica definido que para a entrada de novas entidades na


rede será necessária a participação em (02) dois ERENAJUS não consecutivos e
com justificativa do não comparecimento em um deles, sendo que o prazo de
prescrição é de (01) um ano.

OBS: SAJU/SE NÃO PARTICIPOU DO ENCONTRO.

2ª Proposta:

1) (02) Dois encontros com trabalho efetivo;


2) O primeiro encontro sem trabalho efetivo e o segundo com trabalho efetivo.

DECIDIU-SE:

CAJU/CE, SAJU/BA, SAJUP/PR, NAJUP-NEGRO COSME/MA, SAJU/CE,


CAJUINA/PI e NAJUC/CE votaram pela segunda proposta.

SAJU/RS votou pela primeira.

Dessa forma, fica decidido que as novas entidades para entrarem na rede
poderão participar do primeiro encontro sem trabalho efetivo e do segundo com
trabalho efetivo.

OBS: SAJU/SE NÃO PARTICIPOU DO ENCONTRO.

3ª Proposta:

1) O tempo de andamento das atividades efetivas do projeto é irrelevante.

DECIDIU-SE:

CAJU/CE, SAJU/BA, SAJUP/PR, NEGRO COSME/MA, SAJU/CE, CAJUINA/PI


e NAJUC/CE, SAJU/RS, votaram a favor da proposta.
Dessa forma, fica decidido que o tempo de andamento das atividades efetivas
do projeto é irrelevante.

OBS: SAJU/SE NÃO PARTICIPOU DO ENCONTRO.

4ª Proposta:

1) Participação de 100% em todos os momentos do ERENAJU.

DECIDIU-SE:

CAJU/CE, SAJU/BA, SAJU/RS, CAJUINA/PI, SAJU/CE votaram a favor da


proposta.

NAJUC/CE, SAJUP/PR, NAJUP-NEGRO COSME votaram contra a proposta.

OBS: SAJU/SE NÃO PARTICIPOU DO ENCONTRO

Dessa forma, fica decidido que as entidades participantes devem ter 100% de
participação em todos os momentos do ERENAJU.

5ª Proposta:

1) Anulação da proposta de 100% de participação das entidades participantes.

DECIDIU-SE:

NAJUC/CE, SAJU/BA, SAJUP/PR, SAJU/CE, CAJU/CE, CAJUINA/PI votaram


pela anulação.

SAJU/RS votou pela não anulação.

NEGRO COSME se absteve.

OBS: SAJU/SE NÃO PARTICIPOU DO ENCONTRO

Dessa forma, fica decidido que a proposta de 100% de participação esta anulada.
6ª Proposta:

1) A carta de princípios será utilizada para definir os critérios de


participação e entrada das novas entidades.
Cada uma das entidades membros da rede tem o direito, caso entenda que
uma das entidades participantes, mediante completa discrepância, não cumpre as
diretrizes previstas na carta de princípios, de levar a mesa de avaliação do dia suas
queixas e dizer por que motivos à entidade participante não deverá entrar na rede.
As entidades da rede mediante diálogo com a entidade participante em questão
tentarão solucionar o problema. Caso não se chegue a uma solução, a permanência
ou não da nova entidade no encontro será decidida mediante uma votação.
O momento de recebimento das novas entidades na rede será realizado
através de uma dinâmica e não de uma votação formal.

DECIDIU-SE:

CAJU/CE, SAJU/BA, SAJUP/PR, NAJUP-NEGRO COSME/MA, SAJU/CE,


CAJUINA/PI e NAJUC/CE, SAJU/RS votaram a favor da proposta.

OBS: SAJU/SE NÃO PARTICIPOU DO ENCONTRO

Dessa forma, fica decidido que a carta de princípios será utilizada, como base,
para definir os critérios de participação e entrada das novas entidades e que cada
uma das entidades membros da rede tem o direito, caso entenda que uma das
entidades participantes, mediante completa discrepância, não cumpre as diretrizes
previstas na carta de princípios, de levar a mesa de avaliação do dia suas queixas e
dizer por que motivos à entidade participante não deverá entrar na rede. As
entidades membro mediante diálogo com a entidade participante em questão
tentarão solucionar o problema. Caso não se chegue a uma solução, a permanência
ou não da nova entidade no encontro será decidida mediante uma votação.
O momento de recebimento das novas entidades na rede será realizado
através de uma dinâmica e não de uma votação formal.

4ª PAUTA-DESLIGAMENTO.

1ª Proposta:
1) Discutir o tema na plenária do próximo ERENAJU e discutir na rede.

DECIDIU-SE:

CAJU/CE, SAJU/BA, SAJUP/PR, NAJUP- NEGRO COSME/MA, SAJU/CE,


CAJUINA/PI e NAJUC/CE, SAJU/RS votaram a favor da proposta.

OBS: SAJU/SE NÃO PARTICIPOU DO ENCONTRO

Dessa forma, fica decidido que o desligamento das entidades será discutido na
plenária do próximo ERENAJU e na rede.

4ª PAUTA: REGISTRO DO ENCONTRO

Propostas:

1) A sede ficará responsável pela divulgação do relatório do encontro;


2) As entidades mais antigas (SAJU/RS E SAJU/BA) terão de fazer um resgate
histórico do passado da rede e enviar para a operadores;
3) Cada mesa será responsável pela organização e sistematização das propostas
encaminhadas durante a avaliação de cada dia.

DECIDIU-SE:

CAJU/CE, SAJU/BA, SAJUP/PR, NAJUP-NEGRO COSME/MA, SAJU/CE,


CAJUINA/PI e NAJUC/CE, SAJU/RS votaram a favor de todas as propostas.

OBS: SAJU/SE NÃO PARTICIPOU DO ENCONTRO

Dessa forma, fica decidido que todas as entidades, presentes, aprovaram


todas as propostas.

5ª PAUTA: SEDE DO ERENAJU-2005

Propostas:
1) Rio Grande do Sul (Entidade sede-SAJU/RS)

DECIDIU-SE:

CAJU/CE, SAJU/BA, SAJUP/PR, NAJUP-NEGRO COSME/MA, SAJU/CE,


CAJUINA/PI e NAJUC/CE, SAJU/RS votaram a favor da proposta.

OBS: SAJU/SE NÃO PARTICIPOU DO ENCONTRO.

Dessa forma, fica decidido que o VII ERENAJU (2005) será realizado no
estado do Rio Grande do Sul e terá como entidade sede o SAJU/RS.

6ª PAUTA: ATUAÇÃO DA RENAJU JUNTO A FENED.

Propostas:

1) Elaboração de uma carta de proposição e afirmação da RENAJU para ser


apresentada a FENED durante o CORERED de Curitiba no dia 27 de maio de
2004.
A carta deve ter como finalidade:
.Reafirmar a RENAJU como movimento independente;
.Explicar o que é a rede;
.Debater o processo de construção do ENED;
.Solicitar abatimento das inscrições dos facilitadores nos ENEDS;
.Solicitar um espaço próprio da RENAJU no ENED;
.Solicitar a produção de material de divulgação do ENAJU pela sede do ENED;
.Ser mais uma opção de oficina nas manhãs do encontro;
.Ter também uma tarde do encontro (que não seja a sexta feira)
.Reivindicar cartazes ENED/ENAJU;

2) O NAJUP-NEGRO COSME/MA será o responsável, juntamente com a rede- na


operadores-, pela elaboração da carta.
.

DECIDIU-SE:
CAJU/CE, SAJU/BA, SAJUP/PR, NEGRO COSME/MA, SAJU/CE, CAJUINA/PI
e NAJUC/CE, SAJU/RS votaram a favor da proposta.

OBS: SAJU/SE NÃO PARTICIPOU DO ENCONTRO.

Dessa forma, fica decidido que será elaborada de uma carta de proposição e
afirmação da RENAJU para ser apresentada a FENED durante o CORERED de
Curitiba no dia 27 de maio de 2004.

7ª PAUTA: REFORMA UNIVERSITÁRIA.

Propostas:

1) O tema será debatido pelas entidades da rede na operadores.

DECIDIU-SE:

CAJU/CE, SAJU/BA, SAJUP/PR, NAJUP-NEGRO COSME/MA, SAJU/CE,


CAJUINA/PI e NAJUC/CE, SAJU/RS votaram a favor da proposta.

OBS: SAJU/SE NÃO PARTICIPOU DO ENCONTRO.

Dessa forma, fica decidido que o tema da REFORMA UNIVERSITÁRIA


será debatido pelas entidades da rede na operadores.

8ª PAUTA: EXPOSIÇÃO DE CARTAZES SOBRE CAPACITAÇÃO DE CADA


ENTIDADE.

Propostas:

1) Utilização dos cartazes de apresentação para a exposição também de temas sobre


capacitação.

DECIDIU-SE:
CAJU/CE, SAJU/BA, SAJUP/PR, NAJUP-NEGRO COSME/MA, SAJU/CE,
CAJUINA/PI e NAJUC/CE, SAJU/RS votaram a favor da proposta.

OBS: SAJU/SE NÃO PARTICIPOU DO ENCONTRO.

Dessa forma, fica decidido que os cartazes de apresentação serão utilizados


também para a exposição de temas sobre capacitação.

9ª PAUTA: ATUAÇÃO DA REDE NOS ENAJUS E ERAJUS

Propostas:

1) O NAJUP-NEGRO COSME/MA/CAIM ficará encarregado de conseguir junto a


FENED a lista com as datas e locais de todos os EREDS do Brasil para discutir
o papel da RENAJU.
2) A atuação das entidades nos encontros regionais será no sentido de afirmar o que
é a AJU e relatar as suas experiências praticas.

DECIDIU-SE:

CAJU/CE, SAJU/BA, SAJUP/PR, NEGRO COSME/MA, SAJU/CE, CAJUINA/PI


e NAJUC/CE, SAJU/RS votaram a favor da proposta.

OBS: SAJU/SE NÃO PARTICIPOU DO ENCONTRO.

Dessa forma, fica decidido que O NAJUP-NEGRO COSME/CAIM ficará


encarregado de conseguir junto a FENED a lista com as datas e locais de todos os
EREDS do Brasil para discutir o papel da RENAJU e que a atuação das entidades
nos encontros regionais será no sentido de afirmar o que é a AJU e relatar as suas
experiências praticas.

10ª PAUTA: AVALIAÇÃO DO ENCONTRO.

1) Avaliação positiva das avaliações diárias e sobrecarga da programação;


2) A maioria dos grupos apresentou suas oficinas temáticas sem uma metodologia
voltada para a educação popular;
3) Propostas para o próximo ERENAJU: Realização das oficinas temáticas em
duplas de entidades;
4) Houve um questionamento a cerca da possibilidade de haver um revezamento na
apresentação dos grupos nas oficinas temáticas; Superficialidade nas discussões;
5) Proposta: Escolha de temas mais específicos para trabalhar;
6) Questionamento sobre o esvaziamento da operadores;
7) Crítica a sede: Programação sobre carregada;
8) Cobrar explicações do SAJU/SE pela sua ausência no encontro;
9) Critica e estrutura do dois painéis: Os painelistas se alongavam muito não
permitiram uma discussão horizontal;
10) Critica da sede a confirmação por parte dos participantes do encontro, pois não
houve uma boa comunicação previa;
11) Critica aos participantes, pois não houve solidariedade para com os
organizadores. As entidades devem se organizem melhor para trabalhar com
oficinas mais lúdicas, interessantes e entre as entidades;
12) Foi proposta que as oficinas devem ser divididas em mais grupos, com menos
quantidade de pessoas, o que facilitaria a participação de todos.
13) Objetivação das discussões, pois as mesmas encontravam-se muito repetitivas.
14) Não foi discutido na pauta sobre a entrada de novos grupos se as regras
aprovadas nessa plenária valem para os projetos que se apresentaram nesse
encontro (NAJUP/GO, MANDACARU/PI, JA/PI E SAJUPP/PI).