Sunteți pe pagina 1din 2

Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão – Edital 002/2011 1020 – Analista Judiciário – Assistente Social

CARGO: 1020

– Analista Judiciário – Assistente Social CARGO: 1020 QUESTÃO 01 (Teórica): Leia atentamente a questão a
– Analista Judiciário – Assistente Social CARGO: 1020 QUESTÃO 01 (Teórica): Leia atentamente a questão a

QUESTÃO 01 (Teórica):

Leia atentamente a questão a seguir e responda o que se pede, fundamentada e objetivamente, em no mínimo 20 (vinte) e no máximo 30 (trinta) linhas, no espaço equivalente a referida questão no CADERNO DE RESPOSTAS, iniciando na linha de número 01.

A trajetória dos/as Assistentes Sociais na sociedade

brasileira, tem traçado um percurso extraordinariamente progressivo do ponto de vista técnico-político e vem avançando por meio de novas conquistas e responsabilidades profissionais e de novos espaços ocupacionais, entre eles podemos destacar a Gestão e Planejamento no campo das políticas sociais. O planejamento é muitas vezes confundido com Plano, Programa e Projeto. Portanto, apresente teoricamente os conceitos de Plano, Programa e Projeto e a seguir descreva de que forma eles se articulam na operacionalidade das políticas sociais.

RESPOSTA:

Plano - Documento mais abrangente e geral, que contém estudos, análises situacionais ou diagnósticos necessários

à identificação dos pontos a serem atacados, dos

programas e projetos necessários, dos objetivos, estratégias e metas a serem desenvolvidos; Programas – É o documento que indica um conjunto de projetos cujos resultados permitem alcançar o objetivo maior de uma política pública; Projeto – É a menor unidade do processo de planejamento. É um instrumento técnico administrativo de execução em espaços públicos ou provados. Na concretização das Políticas Sociais, os Planos, Programas e Projetos tem lugar específico no interior do processo geral que pretende concretizar.

QUESTÃO 02 (Teórica):

Leia atentamente a questão a seguir e responda o que se pede, fundamentada e objetivamente, em no mínimo 20 (vinte) e no máximo 30 (trinta) linhas, no espaço equivalente a referida questão no CADERNO DE RESPOSTAS, iniciando na linha de número 01.

Apresente suas reflexões a partir dos referencias teóricos

do Serviço Social na cena contemporânea, considerando

o/a Assistente Social comprometido com a defesa dos direitos; e por outro lado, dos direitos e competências

profissionais no marco das tensas relações entre os princípios norteadores do projeto profissional e sua condição de trabalhador assalariado. RESPOSTA:

A análise partirá do entendimento que a luta pela

afirmação dos direitos é hoje também uma luta contra o

capital, que parte de um processo de acumulação de

forças para uma forma de desenvolvimento social, que possa vir a contemplar o desenvolvimento de cada um e

de todos os indivíduos sociais, apontando estes também

como dilemas do Serviço Social. A regulamentação Profissional Lei 8662/1993 ratificou a profissão na divisão social e técnica do trabalho como trabalhador assalariado, sendo o seu empregador as instituições organizadas no âmbito da sociedade capitalista, nos espaços públicos ou privados . Mas em seu projeto ético político profissional é comprometido efetivamente com a classe trabalhadora e, é neste campo contraditório de tensões que o Assistente Social exerce

sua atividade profissional a partir das competências técnico-opetativa e teórico-prático. Deve buscar a efetivação dos direitos sociais e a emancipação humana.

QUESTÃO 03 (Teórica):

Leia atentamente a questão a seguir e responda o que se pede, fundamentada e objetivamente, em no mínimo 20 (vinte) e no máximo 30 (trinta) linhas, no espaço equivalente a referida questão no CADERNO DE RESPOSTAS, iniciando na linha de número 01.

A assistência social no Brasil historicamente refletiu os

impasses e dilemas vividos por uma cultura periférica, limitada pelo preconceito e pela mentalidade conservadora, colocando o “pobre” numa condição de subalternidade. A partir de 1988 a trajetória histórica da assistência social na profissão apresenta novos padrões, é assegurada na ótica do direito. Portanto, descreva os avanços e refluxos, considerando principalmente os anos 1988, 1993, 2004, 2005, 2006 na construção da política de assistência social.

RESPOSTA:

Os avanços e retrocessos assegurados na ótica do direito são assim apresentados:

1988 – Assegurado a Assistência Social – como Política

Pública através da Constituição Federal;

1993 – Promulgação da LOAS – Lei Orgânica da

Assistência Social ;

2004 – Aprovada a Política Nacional Nacional de

Assistência Social;

2005 – Implantado a NOB/SUAS - Norma Operacional

Básica – Organiza a política de Assistência Social;

2006 – Aprovado a NOB/RH -Norma Operacional de

Recursos Humanos .

QUESTÃO 04 (Prática):

Leia atentamente a questão a seguir e responda o que se pede, fundamentada e objetivamente, em no mínimo 20 (vinte) e no máximo 30 (trinta) linhas, no espaço equivalente a referida questão no CADERNO DE RESPOSTAS, iniciando na linha de número 01.

A questão a seguir é fictícia, devendo ser respondida com referência ao código de Ética dos Assistentes Sociais. “João da Silva é Assistente Social do município de Videira Nova e na sessão plenária na Câmara dos Vereadores no dia 28/06/2010, o vereador Natanael Almeida relatou que o Assistente Social João da Silva não gosta de pobre, pois não atende quem necessita e que o mesmo não deve mais

participar das reuniões da associação de moradores da comunidade da vila da cruz, pois a única coisa que faz lá é colocar os moradores contra os vereadores e a prefeitura”.

O relato consta na Ata e foi Gravado. Perguntamos: As

prerrogativas profissionais foram afetadas? Qual providência João da Silva deverá encaminhar? Qual

função compete ao Conselho Regional de Serviço Social

na Jurisdição de João da Silva?

RESPOSTA:

Perguntamos: As prerrogativas profissionais foram afetadas? Resposta esperada: SIM Qual providência João da Silva deverá encaminhar? Resposta esperada: Deve noticiar o Conselho Regional de sua jurisdição , encaminhado cópia dos documentos.

Regional de sua jurisdição , encaminhado cópia dos documentos. Planejamento e Execução IESES Página 1 de
Regional de sua jurisdição , encaminhado cópia dos documentos. Planejamento e Execução IESES Página 1 de

Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão – Edital 002/2011 1020 – Analista Judiciário – Assistente Social

CARGO: 1020

– Analista Judiciário – Assistente Social CARGO: 1020 Qual função compete ao Conselho Regional de Serviço
– Analista Judiciário – Assistente Social CARGO: 1020 Qual função compete ao Conselho Regional de Serviço

Qual função compete ao Conselho Regional de Serviço Social na Jurisdição de João da Silva? Resposta esperada: deverá averiguar os fatos, juntar cópia dos fatos, ata e áudio da sessão da Câmara de Vereadores. Comprovado os fatos, deverá encaminhar Desagravo Público, conforme consta no código de Ética dos Assistentes Sociais.

QUESTÃO 05 (Teórica):

Leia atentamente a questão a seguir e responda o que se pede, fundamentada e objetivamente, em no mínimo 20 (vinte) e no máximo 30 (trinta) linhas, no espaço equivalente a referida questão no CADERNO DE RESPOSTAS, iniciando na linha de número 01.

A luz dos debates teóricos contemporâneos no serviço social e com o seu acúmulo de estudos e leituras, perguntamos: A sistematização da prática é importante para o Serviço Social? Sim ou Não? Fundamente a sua resposta. RESPOSTA:

sistematização da prática é importante

para o Serviço Social? Sim ou Não? Resposta esperada:

SIM Fundamente sua resposta: apresentar elementos acerca da relação teoria e prática, sendo a sistematização um elemento importante da ação/reflexão; sistematização como elementos para desenvolvimento de pesquisa na área social; avaliação dos alcances da atuação profissional.

Perguntamos

A

avaliação dos alcances da atuação profissional. Perguntamos A Planejamento e Execução IESES Página 2 de 2
avaliação dos alcances da atuação profissional. Perguntamos A Planejamento e Execução IESES Página 2 de 2