Sunteți pe pagina 1din 10
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DO ALENTEJO CENTRO DE ÁREA EDUCATIVA DO ALTO ALENTEJO
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DO ALENTEJO CENTRO DE ÁREA EDUCATIVA DO ALTO ALENTEJO

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DO ALENTEJO CENTRO DE ÁREA EDUCATIVA DO ALTO ALENTEJO

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS N.º 2 DE PORTALEGRE

ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE

CÓDIGO 340637

ATA DE REUNIÃO DE CONSELHO DE TURMA –

 

Segurança

Nº Ata

5

3º CICLO

Ano

e

7º D

Turma

Ano Letivo

2011/2012

Aos vinte e um dias do mês de novembro de dois mil e onze, sob a

Período

presidência de Gilberto Rocha, diretor de turma da turma D do 7º

Presidente

Gilberto

Ano,

reuniu-se o Conselho acima

indicado, com a presença dos

Rocha

 

Cristina

seguintes elementos:

 

Secretário

Pereira

 

Diretor

J. Correia

   

Intervenientes

 

Nome

 

Rubrica

Presidente Reunião

Gilberto Rocha

 

Língua Portuguesa

Gilberto Rocha

 

Professores de:

Língua Estrangeira l -ING

Cristina Pereira

 

Língua Estrangeira lI -ESP

Amália Santos

 

História

Maria João Gasalho

 

Geografia

Maria de Lurdes Páscoa

 

Matemática

Ana Redondo

 

Ciências Naturais

Márcia Prado

 

Ciências Físico-Químicas

Maria João Vilela

 
 

Educação Tecnológica

Bartolomeu Milheiro

 

Educação Visual

Sofia Mariano

 

Educação Musical

Manuela Carrilho

 

Educação Física

Hugo Realinho

 

E M.R. Católica

Dulce Catarino

 

Formação Cívica

Gilberto Rocha

 

Outros

Apoios Educativos

Cristina Cacheiro

 
     

Ordem de trabalhos:

Ponto um: Informações; Ponto dois: Avaliação dos alunos da turma; Ponto três: Avaliação dos Planos de Acompanhamento; Ponto quatro: Elaboração dos Planos de Recuperação; Ponto cinco: Reformulação das grelhas dos Apoios Educativos; Ponto seis: Avaliação/ reformulação do P.C.T; Ponto sete: Outros assuntos.

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre

ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

ATA DE REUNIÃO DE CONSELHO DE TURMA

Deu-se início à reunião com a presença de todos os docentes pertencentes ao Conselho de

Turma.-------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Em relação ao ponto um da ordem de trabalhos, o presidente da reunião começou por informar o

Conselho de Turma que os alunos Afonso Miranda, número um; Filipe Barbas, número doze; Pedro

Martins, número dezassete e Vasco Sequeira, número vinte e dois, já cumpriram o período de suspensão decorrente do processo disciplinar que lhes foi instaurado; encontram-se a desempenhar tarefas de apoio à comunidade – já cumpriram cinco dias de tarefas, faltam cumprir mais cinco dias, o que acontecerá só no início do segundo período. Estes alunos têm realizado as tarefas de forma correta, sem quaisquer incidentes.------------------------------------------------------------------------------- O aluno número dez, Diego Duarte encontra-se a cumprir o período de suspensão que decorreu do processo disciplinar que lhe foi instaurado. No segundo período cumprirá dez dias de tarefas de apoio à comunidade, tal como está previsto. As datas ainda não foram marcadas pelo Diretor de Turma, mas prevê-se que realizará as tarefas nas segunda e terceira semanas de Janeiro, após a conclusão das medidas aplicadas aos outros alunos do primeiro procedimento disciplinar.-------- O Diretor de Turma informou ainda que têm vindo à escola para se inteirarem do percurso escolar dos seus educandos os Encarregados de Educação dos seguintes alunos: Afonso Miranda, número um; Cláudia Faria, número oito; Diego Duarte, número dez; Filipe Barbas, número doze, Miguel Ribeiro, número dezasseis; Pedro Martins, número dezassete, Tiago Martins, número vinte; Vânia Santos, número vinte e um e Vasco Sequeira, número vinte e dois.--------------------------- O Conselho de Turma foi ainda informado que a turma iniciará a unidade de “Educação Sexual”, integrada na disciplina de Formação Cívica, durante o segundo período. A unidade já está previamente delineada pelo Diretor de Turma, que contou com a ajuda da professora Maria Ausenda Lourenço, da área das Ciências.------------------------------------------------------------------- No cumprimento do ponto dois da ordem de trabalhos, o Conselho de Turma procedeu à avaliação dos alunos da turma, tendo sido discutidos os níveis a atribuir. Neste seguimento, foram preenchidos e verificados os registos de avaliação individuais dos alunos e a pauta, com as devidas

classificações.----------------------------------------------------------------------------------------------------

O aproveitamento da turma foi considerado como pouco satisfatório face aos níveis apresentados pelos alunos. O Diretor de Turma apresentou ao conselho o gráfico respetivo aos resultados da avaliação dos alunos do sétimo D, tendo esse gráfico sido analisado e verificadas as disciplinas em que os alunos têm apresentado maiores dificuldades.------------------------------------------------------

 

Presidente da

Secretário da

 

Turma: 7º

 

Elementos

reunião

reunião

Direção

D

Nº Ata: 05

de

         

Segurança

     

Página 2 de 8

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

ATA DE REUNIÃO DE CONSELHO DE TURMA

A assiduidade foi considerada satisfatória, com exceção para os alunos Diego Duarte, número dez, Vânia Santos, número vinte e um e Vasco Sequeira, número vinte e dois. Os dois primeiros alunos já ultrapassaram o limite de faltas injustificadas permitido na Lei.---------------------------- O comportamento foi considerado não satisfatório, destacando-se pela negativa o comportamento dos alunos Afonso, número um; Diego Duarte, número dez; Filipe Barbas, número doze; Pedro Martins, número dezassete e Vasco Sequeira, número vinte e dois que foram alvo de processo disciplinar, como referido anteriormente.-------------------------------------------------------------------- Os professores da turma, após análise conjunta, consideraram ser importante vir a desenvolver, durante o segundo período, estratégias de maior responsabilização dos alunos e dos respetivos encarregados de educação, para além da tentativa de diversificação das práticas e metodologias de ensino-aprendizagem em sala de aula, como forma de motivação dos alunos. Valorizar-se-á ainda mais a participação escrita e oral nas tarefas de sala de aula e, sempre que possível, realizar-se-á ensino individualizado para superação de dificuldades. Será necessário valorizar, também, hábitos e métodos de trabalho, que se encontram muito pouco desenvolvidos nos alunos desta turma.----- Nas disciplinas de Educação Tecnológica e Educação Musical os alunos são avaliados no final do semestre de acordo com a circular nº5/GD/ 2011 de DEB.----------------------------------------------- Na área curricular não disciplinar de Formação Cívica registaram-se várias menções “Não Satisfaz”. O docente da área referiu que esta situação se deveu essencialmente à falta de empenho dos alunos e também à circunstância de não terem apresentado o trabalho obrigatório, que fazia parte da avaliação, dedicado ao tema “Serviços ao Consumidor”.--------------------------------------- Na disciplina de Ciências Naturais não é atribuído nível (avaliação sumativa) devido à falta de elementos de avaliação, da responsabilidade do professor titular da disciplina, professor Mário da Cruz Carita Infante. O professor da disciplina encontra-se doente tendo sido entregue atestado médico nos serviços administrativos. O referido professor foi substituído pela professora Márcia Andreia dos Santos Prado que iniciou funções no dia vinte e nove de novembro de dois mil e onze. De seguida os professores que atribuíram mais de cinquenta por cento de níveis inferiores a três entregaram as suas declarações individuais para a ata. A professora de Inglês afirmou que o facto de ter atribuído um elevado número de níveis inferiores a três deve-se essencialmente à falta de hábitos e métodos de trabalho em casa por parte dos alunos. A maioria não realiza os trabalhos de casa, nem participa nas tarefas realizadas na sala de aula, demonstrando um enorme desinteresse por qualquer atividade desenvolvida na aula. Para além disso, é notória a falta de estudo/ treino para os testes de

 

Presidente da

Secretário da

 

Turma: 7º

 

Elementos

reunião

reunião

Direção

D

Nº Ata: 05

de

         

Segurança

     

Página 3 de 8

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre

ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

ATA DE REUNIÃO DE CONSELHO DE TURMA

avaliação, uma vez que alguns exercícios semelhantes são realizados e corrigidos anteriormente. De realçar ainda o comportamento perturbador e desadequado na sala de aula por parte de alguns alunos o que obriga a constantes paragens nas tarefas, quebrando o ritmo de trabalho de aula. Por fim, a maioria dos alunos evidencia falta de pré-requisitos, demonstrando a necessidade das aulas de apoio para consolidar conhecimentos, não adquiridos em anos anteriores, sobretudo a nível gramatical e de produção escrita.----------------------------------------------------------- A professora de Matemática fez a seguinte declaração para a ata: atribuí treze níveis dois à turma do sétimo D, representado este número mais de cinquenta por cento de negativas. A turma é constituída por alunos que, na sua maioria, não sabe estar dentro de uma sala de aula, não demonstrando respeito pela professora nem pelos restantes colegas. Para além disso, os alunos não têm hábitos de estudo, visto que, como forma de preparação para o segundo teste de avaliação, resolvi alguns exercícios muito semelhantes aos que iam sair no teste e, mesmo assim, a maior parte dos alunos, errou esses mesmos exercícios, demonstrando que, para além de não estarem com atenção nas aulas, também não

estudam em casa e nem se preocupam em resolver, mais uma vez, o que foi feito nas aulas.

------------------------------------------------------------------------------------------

Na minha opinião são alunos que, na sua maioria, têm algumas dificuldades de aprendizagem mas essencialmente de comportamento e de estudo e, como tal, acho que não devo baixar em demasia o nível de exigência nos testes. Para tentar diminuir o nível de negativas, vou realizar testes de avaliação abordando apenas o último conteúdo lecionado, de forma a haver uma maior consolidação da matéria lecionada por parte dos alunos. Vou continuar a resolver na véspera alguns exercícios que irão integrar os testes de forma a beneficiar os alunos que realmente se preocupam em estudar e em ter um aproveitamento positivo. Vou apostar ainda mais nos trabalhos de casa, de forma a tentar melhorar os hábitos de estudo dos alunos fora da escola.------------------------------ A professora de Geografia informou que por não ter realizado trabalhos de grupo nem individuais, os dez por cento dos critérios de ponderação foram repartidos igualmente entre “fichas de avaliação” e “participação / empenho / autonomia / espírito crítico”. A mesma professora refere que a elevada percentagem de insucesso à disciplina de Geografia, na turma, deve-se à ausência de determinados pré-requisitos indispensáveis na progressão da aprendizagem, à falta de estudo e trabalho em casa, à falta de compreensão e interpretação de enunciados, assim como, à ausência de hábitos e métodos de trabalho, pela maioria dos alunos que têm nível inferior a três. Os alunos apresentam dificuldade na aquisição, relacionação e compreensão de determinados conhecimentos. Alguns alunos têm interesses

 

Presidente da

Secretário da

 

Turma: 7º

 

Elementos

reunião

reunião

Direção

D

Nº Ata: 05

de

         

Segurança

     

Página 4 de 8

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre

ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

ATA DE REUNIÃO DE CONSELHO DE TURMA

divergentes dos escolares, mostram pouca afinidade pelos conteúdos lecionados, facto que os prejudica e aos restantes colegas. Para que estas dificuldades sejam superadas, a professora

implementará as seguintes estratégias: incentivar, ainda mais, os hábitos de estudo e métodos de trabalho; produzir, com maior frequência, exercícios práticos e exercícios de aplicação dos

conteúdos.----------------------------------------------------------------------------------------

A professora de Ciências Físico-Químicas referiu que o número elevado de níveis inferiores a três à sua disciplina, o correspondente a sessenta e quatro por cento de insucesso, deve-se à falta de

atenção/concentração revelada pelos alunos, ao comportamento perturbador, à falta de hábitos e métodos de trabalho na sala de aula e em casa, às dificuldades na aquisição, interpretação e aplicação de conhecimentos, ao incumprimento das tarefas escolares, à ausência de material escolar, nomeadamente, manual e caderno de atividades e à falta de preparação/estudo para os testes de avaliação, pois os alunos ainda não se consciencializaram da necessidade de estudo e de treino

requeridos.---------------------------------------------------------------------------------------------------------

No sentido de inverter a situação, a professora continuará a incentivar os alunos para a necessidade de serem mais empenhados e cumpridores, a fazer referência à importância dos hábitos, métodos de trabalho e organização (verificar e acompanhar a organização do caderno diário), continuar a controlar o cumprimento dos trabalhos de casa, incentivar e valorizar a participação oral em contexto de sala de aula, continuar a solicitar a participação e a propiciar-lhes momentos que facilitem a exposição das suas dúvidas, recorrendo sempre que se justifique, ao “reforço positivo”. A docente informou ainda que durante o primeiro período foi pedido aos alunos que realizassem um trabalho sobre o tema “As Constelações”, com a finalidade de realizar uma exposição com os mesmos, em conjunto com as restantes turmas do sétimo ano de escolaridade. Importa referir que de vinte e dois alunos da turma apenas cinco o fizeram. Assim, uma vez que, de acordo com os critérios de avaliação da disciplina, dados a conhecer no início do ano letivo, os trabalhos realizados, em grupo ou individuais, têm um peso percentual na avaliação dos alunos, esta situação veio também agravar a sua avaliação.--------------------------------------------------------------------------- De seguida passou-se ao ponto três da ordem de trabalhos com a avaliação dos planos de acompanhamento. Assim, foram preenchidos e analisados os planos de acompanhamento dos alunos:

Bárbara Gonçalves, número três, Vânia Santos, número vinte e um e Vasco Sequeira, número vinte e dois. A aluna Bárbara Gonçalves, no presente ano letivo, neste primeiro período, apresenta três níveis inferiores a três nas disciplinas de Inglês, Matemática, Geografia e menção “Não Satisfaz” a

 

Presidente da

Secretário da

 

Turma: 7º

 

Elementos

reunião

reunião

Direção

D

Nº Ata: 05

de

         

Segurança

     

Página 5 de 8

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

ATA DE REUNIÃO DE CONSELHO DE TURMA

Formação Cívica. A aluna continua a demonstrar algumas dificuldades no seu processo de aprendizagem, não é muito empenhada e manifesta poucos hábitos e métodos de trabalho. Para o seu

plano de acompanhamento entra a disciplina de Geografia. Está proposta para pedagogia diferenciada na sala de aula, nas disciplinas em que apresentou nível inferior a três e para aulas de apoio a Língua Portuguesa e Inglês. Na aula de Matemática a aluna será alvo do apoio de uma

assessoria.-----------------------------------------------------------------------------------------------------

A aluna Vânia Santos apresentou três níveis inferiores a três a Língua Portuguesa, Geografia e Educação Física. Entra para o seu plano de acompanhamento a disciplina de Geografia. Aparenta ser uma aluna com algumas capacidades, mas apresenta um ritmo de trabalho instável, tal como acontece com o seu comportamento. Apresenta uma assiduidade irregular. Está proposta para pedagogia diferenciada na sala de aula a Língua Portuguesa. -------------------------------------------- O aluno Vasco Sequeira regista seis níveis inferiores a três nas disciplinas de Língua Portuguesa, Inglês, Geografia, Matemática, Físico-Química e Educação Física. O aluno está proposto para aulas de apoio a Inglês e a Físico-Química para pedagogia diferenciada em sala de aula a Língua Portuguesa, Inglês, Matemática, Geografia e a Físico-Química. A Matemática será alvo de assessoria na sala de aula. Entra para o plano de acompanhamento a disciplina de Educação Física. Este aluno apresenta comportamento pouco satisfatório, tendo sido alvo de um procedimento disciplinar. Demonstra, também, poucos hábitos e métodos de estudo. É pouco responsável, falta muitas vezes com os materiais necessários para as aulas, a sua assiduidade é muito irregular e manifesta interesses divergentes dos escolares.------------------------------------------------------------- Em relação ao ponto quatro da ordem de trabalhos foram elaborados os planos de recuperação dos alunos que registaram três ou mais níveis inferiores a três: André Antão, número dois nas disciplinas de Língua Portuguesa, Inglês, História, Geografia, Matemática e Físico Química; Carina Marques, número cinco nas disciplinas de Língua Portuguesa, Inglês, História, Geografia, Matemática e Físico Química; Catarina Drogas, número seis nas disciplinas de Inglês, Geografia e Físico Química; Cláudia Faria, número oito nas disciplinas de Inglês, História, Geografia, Matemática e Físico Química; Daniel Candeias, número nove nas disciplinas de Língua Portuguesa, Inglês, História, Geografia, Matemática e Físico Química; Diego Duarte, número dez nas disciplinas de Língua Portuguesa, Inglês, Espanhol, História, Geografia, Matemática, Físico Química, Educação Visual e Educação Física; Filipe Barbas, número doze nas disciplinas de Língua Portuguesa, Inglês, Matemática, Físico Química e Educação Física; MengjieYe, número quinze nas disciplinas de

 

Presidente da

Secretário da

 

Turma: 7º

 

Elementos

reunião

reunião

Direção

D

Nº Ata: 05

de

         

Segurança

     

Página 6 de 8

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

ATA DE REUNIÃO DE CONSELHO DE TURMA

Espanhol, Geografia e Físico Química; XiaoyingYe, número vinte e três nas disciplinas de Língua Portuguesa, Inglês e Físico Química.---------------------------------------------- Foi ainda abordada a questão dos alunos das Necessidades Educativas Especiais, que estão ao abrigo da Lei 3/2008. Foram elaborados os relatórios de avaliação do Programa Educativo Individual dos seguintes alunos que se encontram em regime educativo especial: Afonso Miranda, número um, Diogo Morais, número onze, Pedro Martins, número dezassete e Sofia Lopes, número dezoito. Os relatórios de avaliação destes alunos foram devidamente preenchidos. As medidas do regime educativo especial foram debatidas, no sentido de se aferir da necessidade ou não de fazer alterações

às estratégias a adotar durante o segundo período. O aluno Afonso Miranda registou nível inferior a três às disciplinas de Inglês, Espanhol, Geografia, Matemática e Educação Física e menção “Não satisfaz” a Formação Cívica. O aluno Diogo Morais apenas apresentou menção “Não satisfaz” a Formação Cívica. O aluno Pedro Martins registou níveis inferiores a três nas disciplinas de Inglês, Espanhol, Geografia, Matemática, Físico Química, Educação Física e menção “Não satisfaz” a Formação Cívica. A aluna Sofia Lopes registou níveis inferiores a três nas disciplinas de Inglês, História, Geografia, Matemática, Físico Química e menção “Não Satisfaz” a Formação

Cívica.--------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Relativamente ao ponto cinco foi reformulada a Grelha dos Apoios Educativos. A lista dos alunos propostos para as aulas de apoio segue em anexo a esta ata. Os professores presentes procederam às alterações que consideraram necessárias para as aulas de apoio. Face às dificuldades verificadas durante o primeiro período, foram propostos outros alunos. Os apoios de Língua Portuguesa e de Inglês iniciar-se-ão logo no início do segundo período, por se ter encontrado disponibilidade de horário apenas no final do primeiro período. O professor do apoio de Língua Portuguesa será o próprio diretor de turma, que leciona a disciplina e decorrerá às quintas feiras, pelas 12 horas. A professora de apoio de Inglês será a professora da disciplina, Cristina Pereira, e decorrerá segundas feiras, pelas 14.25 horas. Na disciplina de Matemática o apoio continuará a ser prestado no formato de assessoria. No início do segundo período, os alunos passarão a usufruir de apoio na disciplina de Físico-Química em horário ainda a estabelecer. Atendendo ao número elevado de alunos propostos para apoio e às dificuldades sentidas pelos alunos nesta disciplina, a professora considera imprescindível que a aula de apoio seja atribuída prioritariamente e exclusivamente aos alunos do sétimo D. Nas aulas de apoio, os alunos em que não se verificar interesse em frequentá-lo, será ponderada a sua exclusão.----------------------------------------------------------------------------------------

 

Presidente da

Secretário da

 

Turma: 7º

 

Elementos

reunião

reunião

Direção

D

Nº Ata: 05

de

         

Segurança

     

Página 7 de 8

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

ATA DE REUNIÃO DE CONSELHO DE TURMA

No que diz respeito ao ponto seis procedeu-se à avaliação do Projeto Curricular de Turma. Foi feita a atualização das atividades propostas anteriormente pelas disciplinas envolvidas em projetos. Na disciplina de Ciências Naturais os alunos participaram na “Semana da Conservação da Floresta Autóctone”, atividades do Projeto Planta Bosques. Na disciplina de Língua Portuguesa o professor referiu que irá realizar-se no início do terceiro período a atividade de apresentação de uma leitura de um texto narrativo denominada “Torna-te Leitor”. Na disciplina de Educação Física, os alunos participaram ainda no torneio inter-turmas na vertente masculina e feminina. A atividade decorreu de forma satisfatória. A professora de Educação Moral Religiosa e Católica referiu que, em Março, irá

decorrer em Castelo de Vide a atividade “O Dia do Aluno de Moral”, na qual os alunos desta turma irão participar.---------------------------------------------------------------------------- Em relação ao ponto sete, outros assuntos, o Conselho de Turma debruçou-se em particular sobre a falta de assiduidade dos alunos número dez, Diego Duarte e número vinte e dois, Vasco Sequeira. O aluno Diego excedeu o limite de faltas injustificadas permitido por Lei às seguintes disciplinas:

Língua Portuguesa a treze de Dezembro, Espanhol a doze de Dezembro, História a dezassete de Novembro, Geografia a treze de Dezembro, Físico Química a doze de Dezembro, Matemática a nove de Dezembro e Educação Visual a nove de Dezembro. O aluno Vasco excedeu o limite de faltas injustificadas permitido por Lei às seguintes disciplinas: Língua Portuguesa a doze de Dezembro, Geografia a treze de Dezembro e Matemática a treze de Dezembro. Os professores das disciplinas acima mencionadas terão de organizar atividades individuais para estes dois alunos. Estes trabalhos farão parte de um portefólio integrante do Plano Individual de Trabalho.-------------- Nada mais havendo a tratar, deu-se por encerrada a reunião, da qual se lavrou a presente ata, que depois de lida e aprovada será assinada por mim que a secretariei, pelo Presidente da reunião e pelo

Diretor

deste

Estabelecimento

de

Ensino.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637
----------------------------------------------------------------- Presidente da Secretário da Turma: 7º Direção Nº Ata: 05 Elementos reunião reunião D de
-----------------------------------------------------------------
Presidente da
Secretário da
Turma: 7º
Direção
Nº Ata: 05
Elementos
reunião
reunião
D
de
Segurança
Página 8 de 8
Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

ATA DE REUNIÃO DE CONSELHO DE TURMA

 

Presidente da

Secretário da

 

Turma: 7º

 

Elementos

reunião

reunião

Direção

D

Nº Ata: 05

de

         

Segurança

     

Página 9 de 8

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

Agrupamento de Escolas n.º 2 de Portalegre ESCOLA BÁSICA 2,3 CRISTÓVÃO FALCÃO – PORTALEGRE – 340637

ATA DE REUNIÃO DE CONSELHO DE TURMA

 

Presidente da

Secretário da

 

Turma: 7º

 

Elementos

reunião

reunião

Direção

D

Nº Ata: 05

de

         

Segurança

     

Página 10 de 8