Sunteți pe pagina 1din 40
Programação completa do FIG 2011 Atualizada em 11 de julho SHOWS Quinta-feira (14/07) Palco Guadalajara

Programação completa do FIG 2011

Atualizada em 11 de julho

SHOWS

Quinta-feira (14/07)

Palco Guadalajara 21h Lucyole Maranhão (Garanhuns-PE) Tributo a Lula Côrtes Triângulo do Poder, Má Companhia e convidados (PE) Geraldo Azevedo (PE) Alceu Valença (PE)

Sexta-feira (15/07)

Palco da Cultura Popular 11h Grupo de Bacamarteiros Mandacarú (Abreu e Lima) Reisado Santíssimo Redentor (Garanhuns) Cariri Olindense (Olinda) Afoxé Oyá Alaxé (Recife)

14h Cortejo do Boneco do Seu Malaquias Saída da Matriz de Santo Antônio com término no Palco da Cultura Popular

17h - Recital Cantos (Di) Versos, com Chico Pedrosa, Marcos Passos, Marconi Melo, Adiel Luna e Tiago Martins (Recife)

Palco Instrumental 18h Fahrenheit (Garanhuns-PE) Alex Corezzi x Alejandro Vargas e Lar Legido (PE) Homenagem João Neto (PE) Vítor Araújo e Convidados (PE)

Palco Pop 18h Os Valvulados (Garanhuns-PE) Seu Chico (PE) Mônica Feijó (PE) Eddie (PE)

Palco Guadalajara 21h Rogério e os Cabra (Garanhuns-PE) Pato Fu (MG) Otto (PE) Frejat (RJ) Nando Reis (RJ)

Palco Forró - 0h O Bom Kixote (Garanhuns-PE) Forró do Matulão (PE) Zé de Teté

Palco Forró - 0h

O Bom Kixote (Garanhuns-PE)

Forró do Matulão (PE)

Zé de Teté (PE) Maciel Melo (PE)

Sábado (16/07)

Palco da Cultura Popular 11h Palhaços Gigantes (Olinda) Caboclinho Oxossi Pena Branca (Recife) Cavalo Marinho Boi Pintado do Mestre Grimário (Aliança) Luiz Paixão (Recife)

14h Cortejo Clube Boneco Vem Comigo Saída da Matriz de Santo Antônio com término no Palco da Cultura Popular

18h - Projeto Sanfona Daqui, Sanfona de Lá Walter Roldan (Montevidéu - Uruguai) Arlindo dos Oito Baixos (PE) Renato Borghetti (RS)

Palco Instrumental 18h

O Sam3a (Garanhuns-PE)

Breno Lira e Tríduo (PE) Projeto Areia (PE)

Palco Pop 18h Archë (Garanhuns-PE) Zeh Rocha (PE) Mariana Aydar (RJ)

Palco Guadalajara 21h Muendas (Garanhuns-PE) Orquestra Contemporânea de Olinda (PE) Orchestra Santa Massa (PE) Bebel Gilberto (RJ) Gal Costa (BA)

Palco Forró - 0h Gena de Altinho (Garanhuns-PE) Edson do Acordeon (PE) Orquestra Popular do Recife (PE)

Domingo (17/07)

Palco da Cultura Popular 11h Urso Cangaçá de Água Fria (Recife) Caiporas de Pesqueira (Pesqueira) Escola de Samba Labariri (Pesqueira)

Marins do Caetés (Olinda)

Marins do Caetés (Olinda) 14h – Cortejo do Bloco Rural Caravana Andaluza (Tracunhaém) Saída da Matriz

14h Cortejo do Bloco Rural Caravana Andaluza (Tracunhaém) Saída da Matriz de Santo Antônio com término no Palco da Cultura Popular

18h - Projeto Sanfona Daqui, Sanfona de Lá Beto Hortis (PE) Camarão (PE) Rob Curto (NYC-EUA)

Palco Instrumental 18h Só Choro (Garanhuns-PE) Danda e Seu Regional de Ouro (PE) José Arimatéia e o Quinteto de Prata (PE)

Palco Pop 18h Banda Outono (Garanhuns-PE) Granada (Garanhuns - PE) Mukeka di Rato (ES) Desalma (PE) Devotos

Palco Guadalajara 21h Mourinha do Forró (Garanhuns-PE) Bongar (PE) Josildo Sá (PE) Marina Lima (RJ) Marcelo Camelo (RJ)

Palco Forró - 0h Forró Pesado (Garanhuns-PE) Casas Populares da BR 232 (PE) Terezinha do Acordeon (PE)

Segunda-feira (18/07)

Palco da Cultura Popular 11h Orquestra Gigantes do Frevo (Garanhuns) Maracatu Baque Mulher (Recife) Mamulengo Teatro do Riso (Glória do Goitá) Grupo de Coco de Roda “Zeca do Rolete” (Paulista) Ciranda Mimosa de João da Guabiraba (Olinda)

14h Cortejo - A Bela da Tarde Saída da Matriz de Santo Antônio com término no Palco da Cultura Popular

Palco Castainho 16h Grupo Cultural Corpos e Tambores do Movimento Pró-Criança (Recife) Timbó (Garanhuns)

Palco Instrumental – 18h Embuás (PE) Duo Rafael Marques e Júlio Cesar (PE) Octeto de

Palco Instrumental 18h Embuás (PE) Duo Rafael Marques e Júlio Cesar (PE) Octeto de Violoncelos - toca Luiz Gonzaga - por Dadá Malheiros (PE)

Palco Pop 18h Cravar (Garanhuns-PE) Geraldo Maia (PE) Arabiando (PE)

Palco Guadalajara 21h Paulinho Groove (Garanhuns-PE) Zé Cafofinho e Suas Correntes (PE) Adilson Ramos (PE) Fafá de Belém (PA)

Palco Forró - 0h Cascabulho (PE) Karolinas com K (PE) Zé Bicudo e Paula Forrozeira (PE)

Terça-feira (19/07)

Palco da Cultura Popular 11h Bonecos Gigantes de Pernambuco (Recife) Pastoril Giselly Andrade (Recife) Banda de Pífanos Folclore Verde (Garanhuns) Véio Mangaba (Recife)

14h Cortejo do Caboclinho Sete Flechas do Recife Mirim Saída da Matriz de Santo Antônio com término no Palco da Cultura Popular

18h - Banda Musical Manoel Lafaiete (Palmeirina), Banda Musical Santa Cecília (São Bento do Una)

Palco Castainho 16h Grupo de Dança Tigre (Garanhuns-PE)

Palco Instrumental 18h Contrabanda (Garanhuns-PE) Orquestra Henrique Dias (PE) Banda Musical Curica (PE)

Palco Pop 18h À-Deriva (Garanhuns-PE) Diablo Motor (PE) Autoramas (RJ)

Palco Guadalajara – 21h Lux Time (Garanhuns-PE) Rogerman e Maestro Ademir Araújo (PE) Spok Frevo

Palco Guadalajara 21h Lux Time (Garanhuns-PE) Rogerman e Maestro Ademir Araújo (PE) Spok Frevo Orquestra (PE) Elba Ramalho (PB)

Palco Forró - 0h Roberto Cruz (PE) João do Pife e Banda Dois Irmãos (PE) Ed Carlos (PE)

Quarta-feira (20/07)

Palco da Cultura Popular 11h Maracatu Carneiro Manso (Glória do Goitá) Reisado Unidos com Alegria (Garanhuns) Grupo Indígena Fethxá (Águas Belas) Afoxé Alafin Oyó (Olinda)

14h Cortejo do Maracatu de Baque Virado Nação de Luanda Saída da Matriz de Santo Antônio com término no Palco da Cultura Popular

18h - Banda de Música do 71º BIMTZ (Garanhuns), Banda de Música Filarmônica Euterpina Juvenil Nazarena (Nazaré da Mata)

Palco Castainho 16h Atikun (Salgueiro) Banda de Pífano Quilombolas Euflazino (Carnaíba) Banda de Pífe Raízes do Caruá (Carnaíba)

Palco Instrumental 18h Amarilis Rebuas (Garanhuns-PE) Conjunto de Música Antiga Renantique (SE) Sonoris Fábrica (PE)

Palco Pop 18h Sconcrut (Garanhuns-PE) Rui Ribeiro (PE) Paulo Perdigão (PE)

Palco Guadalajara 21h Lucas Notaro (Garanhuns-PE) Daúde com participação de Nelson Sargento (BA/RJ) Roberta Sá (RN) Margareth Menezes (BA)

Palco Forró - 0h Daniel Bento (PE) Maciel Salu (PE)

Naurêa (SE) Quinta-feira (21/07) Palco da Cultura Popular – 11h Maracatu Carnavalesco Misto Leão Coroado

Naurêa (SE)

Quinta-feira (21/07)

Palco da Cultura Popular 11h Maracatu Carnavalesco Misto Leão Coroado (Olinda) Boi Faceiro (Recife) Maracatu Baque Solto Leão da Fortaleza de Goiana (Goiana) Boi de Mainha (Recife) Coco de Roda de Mazuca do Mestre Borges Luca e Cia (Lagoa de Itaenga)

15h Cortejo do Maracatu Almirante do Forte Saída da Matriz de Santo Antônio com término no Palco da Cultura Popular

Palco Castainho 16h Estivas (Garanhuns) Chã de Negros (Passira)

Palco Instrumental 18h Marcos Cabral (Garanhuns-PE) Quarteto Egan (PE) Projeto B (SP)

Palco Pop 18h Vertigo 105 (Garanhuns-PE) Tio Zé Ba e Apocalypse reggae (PE) Nzambi (PE) Tribo de Jah (MA)

Palco Guadalajara 21h Karla Rafaella (Garanhuns-PE) Karina Buhr (PE) Luiza Possi (SP) Seu Jorge (RJ)

Palco Forró - 0h Kiara Ribeiro (Garanhuns-PE) Dudu do Acordeon (PE) Edmilson do Pífano (PE)

Sexta-feira (22/07)

Palco da Cultura Popular 11h O Bonde Bloco Carnavalesco Lírico (Recife) Grupo Artístico Percussivo Conxitas (Olinda) Cavalo Marinho Mirim Boi de Chupeta (Glória do Goitá) Mestres Coquistas de Pernambuco - Ana Lúcia/Selma do Coco/Aurinha do Coco (Olinda)

15h – Cortejo do Maracatu Nação Porto Rico Saída da Matriz de Santo Antônio com

15h Cortejo do Maracatu Nação Porto Rico Saída da Matriz de Santo Antônio com término no Palco da Cultura Popular

Palco Castainho 16h Grupo Cultural Samba de Coco Palha Verde (São Bento do Una) Maracatu Batuque do Sertão (Arcoverde)

Palco Instrumental 18h Street Striet’s Jazz (Garanhuns-PE) Beto do Bandolim e Bozó 7 Cordas (PE) Quinteto Violado (PE) Marco Cesar Trio (PE)

Palco Pop 18h No Clear (Garanhuns-PE) Estrela Leminski e Téo Ruiz (PR) Jr. Black (PE) Tulipa Ruiz (SP)

Palco Guadalajara 21h Alexandre Revoredo (Garanhuns-PE) Mesa de Samba Autoral (PE) Beth Carvalho (RJ) Jorge Aragão (RJ) Unidos da Tijuca (RJ)

Palco Forró - 0h Ronaldo César e a Tropicana (Garanhuns-PE) Gaspar Andrade (AL) Assisão (PE)

Sábado (23/07)

Palco da Cultura Popular 11h Clube Carnavalesco Misto Elefante de Olinda (Olinda) Boi da Macuca (Correntes) Ciranda Pernambucana de Olinda (Olinda) Reisado os 3 do Oriente, Maracatu de Baque Solto Pinguim (Araçoiaba) G.R.C.A Gigante do Samba (Recife)

15h Cortejo do Homem da Meia Noite Saída da Matriz de Santo Antônio com término no Palco da Cultura Popular

Palco Instrumental 18h Roberto Lima (Garanhuns-PE) Krakatoa (Garanhuns-PE) A Banda de Joseph Tourton (PE)

Palco Pop – 18h Batuque Mojubá (Garanhuns-PE) Banda Viruz (PE) Lurdez da Luz (SP) Zé

Palco Pop 18h Batuque Mojubá (Garanhuns-PE) Banda Viruz (PE) Lurdez da Luz (SP) Zé Brown e convidados (PE)

Palco Guadalajara 21h Instinct Noise (Garanhuns-PE) Siba (PE) Mundo Livre S/A (PE) Nação Zumbi (PE)

Palco Forró - 0h Djair e Banda (Garanhuns-PE) Joci Batista (AL) Nádia Maia (PE)

CORTEJO DE BLOCOS LÍRICOS Palco Cultura Popular

23/07 Sábado

Concentração a partir das 17h, na Praça do Chafariz

Bloco Lírico Seresteiros de Salgadinho (Olinda) Bloco Carnavalesco Misto Flor da Lira (Olinda) Bloco Carnavalesco Cordas e Retalhos (Paulista) Um Bloco em Poesia (Recife) Banhistas do Pina (Recife) Eu Quero é Mais Amantes das Flores de Camaragibe (Camaragibe) Com Você no Coração Flôr do Eucalipto Flôr de Limoeiro (Limoeiro) Menestréis do Paulista (Paulista) Flabelo Encantado

MÚSICA ERUDITA Igreja Matriz de Santo Antônio

15/07 - Sexta-feira 16h30 - Duo Mosaico (Cláudio Moura - Violão e Frederica Bourgeois Flauta Transversa) 21h - Grupo ALLEGRETTO

16/07 - Sábado 16h30 - Duo Acioli & Guedes (Rogério Acioli Flauta Transversa e Levi Guedes Piano)

21h - Grupo in’Operanti {Ensemble Vocal} (Sopranos – Anita Ramalho e Tarcyla Perboire, Mezzo-soprano –

21h - Grupo in’Operanti {Ensemble Vocal} (Sopranos – Anita Ramalho e Tarcyla Perboire, Mezzo-soprano Virgínia Cavalcanti, Tenores Jadiel Gomes e Eudes Naziazeno, Baixo Charles Santos, Piano Bruno Mota e Manoel Theophilo)

17/07 - Domingo 16h30 - Octeto Brasilis 21h - Grupo de Percussão do Nordeste (GPN)

18/07 - Segunda-feira 16h30 - (Concerto-aula) Orquetra Sinfônica Jovem - Conservatório Pernambucano de Música. Participação especial: Coros Contracantos e Opus 2 21h - Orquetra Sinfônica Jovem - Conservatório Pernambucano de Música Participação especial: Coros Contracantos e Opus 2

19/07 - Terça-feira 16h30 - Alexander Hrustevich (acordeon) 21h - Danças - Duo Natalia Khoma (cello), Volodymyr Vynnytsky (piano)

20/07 - Quarta-feira 16h30 - Recital Volodymyr Vynnytsky (piano) 21h - Árias de Ópera - Orquestra Jovem de Pernambuco. Regência: Rafael Garcia. Soprano: Adriane Queiroz

21/07 - Quinta-feira 16h30 - Orquestra Jovem de Pernambuco e solistas. Regência: Rafael Garcia. 21h - Rafael Altino (viola), Ana Lúcia Altino (piano)

22/07 - Sexta-feira 16h30 - Alexandre Sanchez (violão) 21h - Homenagem a Liszt Jihye Chang (piano) - Benjamin Sung (violino)

23/07 - Sábado 19h - Orquestra Criança Cidadã

CAMINHÃO DA CULTURA

De 15 a 23 de julho, um caminhão palco vai percorrer nove bairros da periferia de Garanhuns levando atrações musicais, de dança, teatro, circo e poesia.

Dia 15 Local: Cohab III (D. Helder Câmara em frente ao colégio) 10h30 Teatro - "As Levianas" (Cia. Animé Criação Coletiva) 16h30 - Chris Nolasco 17h30 - Beto Hortis

Dia 16 Local: Boa Vista (Praça do Café) 10h30 - Circo “Cabaret” (Cia. Brincantes de Circo) 16h30 - Cila do Coco

17h30 - Coco Popular de Aliança Dia 17 Local: Parque Fenix (AJOC) 10h30 – Dança

17h30 - Coco Popular de Aliança

Dia 17 Local: Parque Fenix (AJOC) 10h30 Dança - “O Frevo” - Grupo Guerreiros do Passo (PE) 16h30 - Paulo Izidoro (PE) 17h30 - Pouca Chinfra (PE)

Dia 18 Local: Liberdade (em frente à Escola São Cristovão) 10h30 Cultura popular - Tribo Indígena Tapirapé (PE) 16h30 - Coco do Toré Pandeiro do Mestre (PE) 17h30 Escurinho (PB)

Dia 19 Local: Brasília (Rua Carmem Miranda) 10h30 Poesia - Biagio Pecorelli Filho (PE) 16h30 - Patrícia Polayne (SE) 17h30 Muzambo (PE)

Dia 20 Local: Manoel Shel (Rua das Dálias) 10h30 Circo - “Brincadeiras de Palhaço” - Trupe Irmãos Santana (PE) 16h30 - André Macambira (PE) 17h30 Ferrugem (PE)

Dia 21 Local: Cohab II (por trás do terminal de ônibus) 10h30 Cultura Popular - Maracatu Nação Raízes de Pai Adão (PE) 16h30 Azabumba (PE) 17h30 - Sonic Jr. (AL)

Dia 22 Local: Distrito de Iratama 10h30 Dança - “Tribos” Núcleo Experimental (PE) 16h30 - Sérgio Andrade (PE) 17h30 - Silveirinha do Forró (PE)

Dia 23 Local: Vila do Quartel (Praça) 10h30 Teatro - “O Nascimento do Jogral” (PE) 16h30 - Lucinha Guerra - Canta o Rei do Ritmo (PE) 17h30 - Mestre Galo Preto e o Tronco da Jurema (PE)

TEATRO ADULTO Local: Teatro Luiz Souto Dourado 15/07 - Sexta-feira 19h – Preferiria, não? Denise

TEATRO ADULTO

Local: Teatro Luiz Souto Dourado

15/07 - Sexta-feira 19h Preferiria, não? Denise Stoklos Produções Artísticas (SP)

16/07 - Sábado 19h - Caetana Duas Companhias (PE)

17/07 - Domingo 19h - Contos da Terra dos Mil Povos Hangar Produções Artísticas (RJ)

18/07 - Segunda-feira 19h - Vicência Troupe Azimute (Garanhuns-PE)

19/07 - Terça-feira 19h - Madléia + ou - Doida Companhia do Chiste (PE)

20/07 - Quarta-feira 19h - Frei Molambo Grupo Raízes do Porto (RO)

21/07 - Quinta-feira 19h - Dorotéia Vai à Guerra Grupo de Teatro Arte-Em-Cena (Caruaru-PE)

22/07 - Sexta-feira 19h - Pois é, Vizinha Companhia de Solos & Bem Acompanhados (RS)

23/07 - Sábado 19h - Roliúde EmCartaz Empreendimentos Culturais (RJ)

TEATRO INFANTIL

Local: Pavilhão da Dança e do Teatro para a Infância e Juventude (Parque dos Eucaliptos)

16/07 - Sábado 17h - O Coração de um Boxeador Cia. Paidéia de Teatro (SP)

17/07 Domingo 17h - Palhaços In ConSerto

Doutores da Alegria Recife (PE) 22/07 – Sexta-feira 17h - Fluvio e o Mar Coletivo

Doutores da Alegria Recife (PE)

22/07 Sexta-feira 17h - Fluvio e o Mar Coletivo Artístico Atores à Deriva (RN )

23/07 - Sábado 17h - De bobo, bravo e vilão se faz um faz de conta Grupo Diocesano de Artes Garanhuns (PE)

TEATRO DE RUA

Av. Santo Antônio (Espaço Colunatas)

16/07 - Sábado 10h - A Inconveniência de Ter Coragem Centro de Cultura Galpão das Artes Limoeiro (PE)

17/07 Domingo 10h - A revolta das chupetas Cia. Máscaras de Teatro (PE)

21/07 Quinta-feira 10h - Palhaçadas - História de um circo sem lona Cia. 2 Em Cena de Teatro, Circo e Dança (PE)

22/07 - Sexta-feira 10h - Flor de Macambira Coletivo Teatral Ser Tão Teatro (PB)

23/07 - Sábado 10h - A Chegada da Prostituta no Céu Cia. Omoiós de Teatro (PE)

TEATRO FORMAS ANIMADAS

19/07 - Terça-feira 11h - A revolta das chupetas Cia. Máscaras de Teatro (PE) Local: Castainho

21/07 - Quinta-feira 11h - As aventuras de uma viúva alucinada Mamulengo Jurubeba (PE) Local: Feira livre

22/07 - Sexta-feira 11h - As aventuras de uma viúva alucinada Mamulengo Jurubeba (PE) Local: Mercado público

DANÇA Local: Pavilhão da Dança e do Teatro para a Infância e Juventude (Parque dos

DANÇA

Local: Pavilhão da Dança e do Teatro para a Infância e Juventude (Parque dos Eucaliptos)

15/07 - Sexta-feira 17h - Imagens Deslocadas Movasse Coletivo de Criação em Dança (MG)

18/07 Segunda-feira 17h - Majho Majhobê - O Olubajé Cia. PÉ-NAMBUCO de Dança (PE)

19/07 - Terça-feira 17h - Guarda Sonhos e É 17 e 700 Grupo Peleja (SP/PE) e Criart Cia. de Dança (PE)

20/07 - Quarta-feira 17h O Frevo. É Teu? Untanto Cia. de Dança (PE) 17h Patuscada Cia. de Dança Artefolia (PE)

21/07 - Quinta-feira 17h Mostra de Coreografias Diversos (PE)

CIRCO

Parque Euclides Dourado

15/07 - Sexta-feira 16h - Círculos que não se fecham

Trupe Circus - Escola Pernambucana de Circo (PE)

Experimento nº 1

16/07 - Sábado 16h - Uma Tradição em Espetáculos Circo Mágico Alakazam (PE)

17/07 - Domingo 16h - In Conserto (O Ofício do Palhaço) Teatro de Anônimo (RJ)

16h - Roda Saia Gira Vida Teatro de Anônimo (RJ)

18/07 - Segunda-feira 16h - Troca e Retroca - Mostra de Trupes Circenses Trupes pernambucanas (PE)

19/07 - Terça-feira 16h - "O Ensaio" Uma viagem circomusical Circo do Capão - Palmeiras

19/07 - Terça-feira 16h - "O Ensaio" Uma viagem circomusical Circo do Capão - Palmeiras (BA)

20/07 - Quarta-feira 16h - Acrobatas em Cena Circo Bambolê (PE)

21/07 - Quinta-feira 16h - Circo Disney Circo Disney (PB)

22/07 - Sexta-feira 16h - Columpio Cia. Circo Rebote (DF)

16h - Tome sua Poltrona Cia. Circo Rebote (DF)

23/07 - Sábado 16h - Picadeiro Pernambuco - Mostra de Números Circenses Artistas de circos tradicionais

ARTESANATO

Mostra do Artesanato Pernambucano Local: Pavilhão no Parque Euclides Dourado Datas: De 14 a 23 de julho, das 15h às 22h

AUDIOVISUAL

Cine Eldorado

7º Mostra de Cinema do FIG

Sexta-feira, dia 15 de julho 17h – “Brasil Animado”, de Mariana Caltabiano (INFANTIL) 19h Retrospectiva Curtas Pernambucanos: Clandestina Felicidade (Marcelo Gomes) 19h20 – “Antes que o Mundo Acabe”, de Ana Luíza Azevedo 21h NOVA SAFRA CURTAS PERNAMBUCANOS: Acercadacana (Felipe Peres) 21h20 – “Machete”, de Robert Rodriguez e Ethan Maniquis

Sábado, dia 16 de julho 17h – “Eu e Meu Guarda Chuva” de Toni Vanzolini (INFANTIL) 19h Retrospectiva Curtas Pernambucanos: O Pedido (Adelina Pontual) 19h20 – “Estamos Juntos” de Toni Venturi 21h NOVA SAFRA CURTAS PERNAMBUCANOS: Calma Monga, Calma (Petrônio de Lorena)

21h20 – “Scott Pilgrim Contra o Mundo” de Edgar Wright Domingo, dia 17 de julho

21h20 – “Scott Pilgrim Contra o Mundo” de Edgar Wright

Domingo, dia 17 de julho 17h – “Brasil Animado” de Mariana Caltabiano (INFANTIL) 19h Retrospectiva Curtas PE : Maracatu, Maracatus (Beto Normal e Marcelo Gomes) 19h20 – “Abutres” de Pablo Trapero 21h NOVA SAFRA CURTAS PERNAMBUCANOS: Janela Molhada (Marcos Henrique Lopes) 21h20 – “Os Agentes do Destino” de George Nolfi

Segunda-feira, dia 18 de julho 17h – “Eu e Meu Guarda Chuva” de Toni Vanzolini (INFANTIL) 19h Retrospectiva Curtas Pernambucanos: Texas Hotel (Claudio Assis) 19h20 – “Machete” de Robert Rodriguez e Ethan Maniquis 21h NOVA SAFRA CURTAS PERNAMBUCANOS: Café Aurora (Pablo Polo) 21h20 – “Estamos Juntos” de Toni Venturi

Terça-feira, dia 19 de julho 17h – “Brasil Animado” de Mariana Caltabiano (INFANTIL) 19h Retrospectiva Curtas Pernambucanos: Não Me Deixe em casa (Daniel Aragão) 19h20 – “Antes que o Mundo Acabe” de Ana Luíza Azevedo 21h NOVA SAFRA CURTAS PERNAMBUCANOS: Janela Molhada (Marcos Henrique Lopes) 21h20 – “Os Agentes do Destino” de George Nolfi

Quarta-feira, dia 20 de julho 10h - Filme média-metragem “Profissão Músico”, de Luciano Balem seguido de debate com diretor e músicos do projeto CCOMA de Porto Alegre e músicos convidados presentes no Festival. 17h – “Eu e Meu Guarda Chuva” de Toni Vanzolini (INFANTIL) 19h Retrospectiva Curtas Pernambucanos: Nº 27 (Marcelo Lordelo) 19h20 - “Antes que o Mundo Acabe” de Ana Luíza Azevedo 21h – NOVA SAFRA CURTAS PERNAMBUCANOS: Lançamento de “DI MELO - O IMORRÍVEL”, seguido de debate com o cantor Di Melo e com os diretores Alan Oliveira e Roberto Santos

Quinta-feira, dia 21 de julho 17h – “Brasil Animado” de Mariana Caltabiano (INFANTIL) 19h – Retrospectiva Curtas Pernambucanos: “Recife Frio” de Kleber Mendonça 19h20 – “Scott Pilgrim Contra o Mundo” de Edgar Wright 21h NOVA SAFRA CURTAS PERNAMBUCANOS: Mens Sana e Corpore Sano (Juliano Dorneles) 21h20 – “Abutres” de Pablo Trapero

LITERATURA

Festival da Palavra

Ponto da Palavra: Academia de Letras de Garanhuns Blog do Festival da Palavra: http://festivaldapalavra.com Palavra

Ponto da Palavra: Academia de Letras de Garanhuns

Blog do Festival da Palavra: http://festivaldapalavra.com

Palavra no meio do mundo: Intervenções com grupos de poetas, atores e músicos convidados pelos espaços públicos das cidades. Praças, passeios públicos, paradas de ônibus: todo lugar é lugar de literatura.

- Poesia no beco - intervenção poética e grafitagem com os escritores

participantes do Festival da Palavra, com a participação do acadêmico e presidente da Academia de Letras de Garanhuns, João Marques.

Data: 15/07 Hora: 15h às 17h Local: Academia de Letras de Garanhuns

- Carroça do Encantado - atores e músicos realizam intervenção poética urbana pelas ruas de Garanhuns. Data: 16/07 Hora: 10h às 12h Centro / 16h Parque Euclides Dourado

- A gente da palavra - poetas Mariane Bigio, Artur Rogério, Wagner Porto, Vitória Gabrielle, Malungo, Valmir Jordão e Miró declamam seus poemas de porta em porta pelos bairros Boa Vista, Cohab I, Magano, Indiano e outros. Datas: 16 a 23 de julho, sempre em dois horários diários: 10h e 16h. Mais detalhes no Ponto da Palavra, na Academia de Letras de Garanhuns. Ou no blog do Festival da Palavra: http://festivaldapalavra.com

- Poesia ao pé do ouvido - intervenção poética em comunidades do programa Arca das Letras, com Silvana Menezes. Datas: 18/07 Comunidades: Castainho (9h) e Timbó (15h) 19/07 Comunidades: Jardim (9h) e Caluete (15h) 20/07 Comunidades: Estrela (9h) e Estivas (15h) 21/07 Comunidade: Estivas (15h)

Palavra no palco: Recitais poéticos das mais diferentes vertentes, da poesia popular à urbana, da performance à recitação tradicional, em diversos palcos na cidade.

15/07

17h - Recital Cantos (DI) Versos Com Chico Pedrosa, Marcos Passos, Marconi Melo, Adiel Luna e Tiago Martins. Local: Palco da Cultura Popular

17/07

17h30 - Vire a página Recital com o Grupo Vozes Femininas. Local: Academia de Letras de Garanhuns

21 e 22/07 20h - Microfone aberto, com poetas convidados e da região.

Local: Bar Budega 22/07 17h - Em cena cordel . Recital poético com os poetas

Local: Bar Budega

22/07

17h - Em cena cordel. Recital poético com os poetas Paulo André, Demétrio Rangel e Jerlane Silva. Local: Casarão dos Pontos de Cultura

20h Tríade - recital de poesia homoerótica. Com Raimundo Moraes e Klayton Cabral. (PÚBLICO ADULTO) Local: Academia de Letras de Garanhuns

23/07

19h - Pernambuco mulher fêmea, recital com o grupo Vozes Femininas.

Berlinda palavra: Bate-papos com o povo da palavra, colocados na berlinda pelos leitores, cumprindo um papel formativo e crítico. Local: Academia de Letras de Garanhuns.

15/07

19h - Crime é o amar - Marcelino Freire conversa com Artur Rogério sobre amor, literatura e outras mentiras. Mediação: Nivaldo Tenório.

18/07

16h30 - Círculo de Leituras: Dois sertanejos na metrópole. Sidney Rocha conversa com Cícero Belmar. Mediação: Manuel Constantino.

19/07

16h30 - Círculo de leituras: Senhores do destino. Samarone Lima conversa com Paulo Santos. Mediação: Manuel Constantino.

20/07

16h30 - Círculo de leituras: Literatura em voz alta Ronaldo Correia de Brito conversa com Cida Pedrosa. Mediação: Manuel Constantino.

22/07

19h - Literatura, novas mídias e o livro-objeto. Homero Fonseca conversa com Aristóteles Bastos. Mediadora: Karina Calado.

Lançando a palavra: Lançamentos de livros dos participantes do Festival. Local:

Bar Budega

15/07

20h - Marcelino Freire autografa seu livro “Amar é crime”

17/07

19h - Silvana Menezes autografa seu livro “Vire a página”

20/07

20h - Cida Pedrosa autografa seu novo livro “Miúdos”

Peleja da palavra: Desafio de poetas, nos moldes dos desafios de rap. Espécie de torneio

Peleja da palavra: Desafio de poetas, nos moldes dos desafios de rap. Espécie de torneio eliminatório onde é escolhido o vencedor. O prêmio concedido é a participação nas apresentações itinerantes do projeto Um Caminhão de Cultura. Data: 16/07 Hora: 20h Local: Bar Budega

Disk Literatura Poesia Delivery: Durante todo o festival o público pode ligar para o Ponto da Palavra e solicitar gratuitamente um recital em domicílio. Um serviço de motoboy levará o poeta ao destino solicitado. Telefone: (87) 9646.8977

ARTES VISUAIS

Programação Casa Galeria Galpão (Av. Rui Barbosa, nº 843)

Data: 16 a 23 de julho Horário: 14h às 22h

AÇÕES PERMANENTES Exposição Residual - Raoni Assis Exposição Outros Frames Marcela Camelo Barros Exposição Ricardo Moura Funghi Exposição Iezu Kaeru Sonhador Exibições - Videoarte Exposição Marcelo Lyra - .MOVE - incomum, cotidiano e se mexendo Exposição MUDA - Federico Lamas (ARG) - Vete el Diablo Instalação Charles Douglas Martins - Scanner Art Intervenções de Grafite - Léo Gospel, Johny e Léo Arém Lançamento do livro - Paulo Bruscky

OUTRAS AÇÕES Espaço MUDA e Espaço ACRE (Espaços convidados para ações de interação com o público integrando a programação permanente, promovendo ações diárias na Casa Galeria Galpão)

Dia 16 14h - Intervenção MUDA Thiago Verdee(PB) em construção da parede com DJ 21h - MUDA - Monólogo de intervenção Externa "Discurso da Ponta da Língua" Performance de Eduardo Rios com Direção de Samuel Santos pelo Grupo Quadro de Cena

Dia 17 18h às 22h - MUDA - Domingo Santo

Dia 18 18h - MUDA - Ensaio Aberto

18h - MUDA - Leia-se: Terça! Leitura Dramatizada do Texto Rarefeito de Giordano Castro com

18h - MUDA - Leia-se: Terça! Leitura Dramatizada do Texto Rarefeito de Giordano Castro com Direção de Pedro Vilela no Elenco Giordano Castro e Pedro Wagner - Grupo Magiluth (PE) 21h - MUDA - Ensaio Aberto

Dia 20 18h - MUDA - Quarta Bela - Intervenção Urbana (Dança) "Ocupação dos Espaços Vazios" com Patrícia Pina Cruz com Direção de Black Escobar pela Dante Cia de Dança e Teatro PE 21h - MUDA - Ensaio Aberto

Dia 21 16h - MUDA - Espetáculo Infantil: Assim me contaram, assim vou contando Mayara Millane e Márcio Fecher pela Cia Enlassos de Teatro PE

com

Dia 22 21h - Desfile - Conclusão da Oficina de Cássio ACRE

Dia 23 20h - MUDA - Rhaissa Bittar (SP) - Pocket Show

INTERVENÇÕES URBANAS

Dia 16

A partir de 14h

- Intervenções urbanas em vias públicas: Rinaldo Silva Luzia dos Olhos

D´agua protege o que eu vejo; Cristina Machado O ar que Respiro; Mozart Santos Eu quero voltar a ser macaco; Coletivo Super-Terra (Raul Souza, Celso Hartkopf e Caramuru Baumgartner) - Lamb Lamb; Joelson Gomes; Jacaré

A partir de 17h

- Intervenção Urbana Ateliês Peligro (Daniel Leite, Eduardo Souza, Luiz Santos,

Mauricio Castro e Thiago Dantas) FIGuração Contemporânea Obs.: desdobramento da ação: projeções de vídeo da Casa Galeria Galpão (17 a

23)

18h - Performance, Intervenção urbana Beth da Matta e Juliana Notari O Banquete (próximo ao Colégio Santa Sofia Av. Santo Antônio)

19h às 22h - Intervenção Urbana em vias públicas - VJs Retinantz Urbe Mappign

Dia 17 14h - Intervenção urbana em vias públicas - Coletivo Super-Terra (Raul Souza, Celso Hartkopf e Caramuru Baumgartner) - Lamb Lamb

19h às 22h - Intervenção Urbana VJs Retinantz Urbe Mappign

Dia 18 - Instalação urbana - Ricardo Brazileiro - 3c0 - Ecosistema do Sensitivo, no Parque Ruber Van der Linden (Pau Pombo)

- Intervenção, Instalação Dominique Berthé – BrinCadeira - Intervenção Urbana Coletivo Juin – Garanhuns de

- Intervenção, Instalação Dominique Berthé BrinCadeira

- Intervenção Urbana Coletivo Juin Garanhuns de volta aos muros!

Dia 19 Intervenção Urbana em vias públicas - Coletivo Juin Garanhuns de volta aos muros!

Dia 20

15h - Saída da Casa Galeria Galpão (Av. Rui Barbosa, nº 843)

- Performance, Intervenção Urbana Izidório Cavalcante - Artistas de Plástico não morrem - ou as flores de plástico não morrem

- Intervenção Urbana Coletivo Juin Garanhuns de volta aos muros!

Dia 21

- Intervenção Urbana Coletivo Juin Garanhuns de volta aos muros!

15h30 - Jardins da Av. Santo Antônio - Performance Wolder Wallace Brinde 19h às 21h - Intervenção urbana Lia Letícia - Flux

Dia 22

- Intervenção Urbana Coletivo Juin Garanhuns de volta aos muros!

- 19h às 22h - Intervenção Urbana em vias públicas - VJs Retinantz Urbe Mappign

Dia 23

- 19h às 22h - Intervenção Urbana em vias públicas - VJs Retinantz Urbe Mappign

PROGRAMAÇÃO PARALELA DE ARTES VISUAIS

Dia 15 Exposição Beth da Matta e Juliana Notari - Epílogo 2 15h - Bate-papo com o crítico Ricardo Resende 17h - Galeria de Artes Ronaldo White Período da Exposição: de 15/07/2011 a 16/09/2011 Segunda a sexta (9h às 22h) | Sábado (14h às 18h) SESC Garanhuns: Rua Manoel Clemente, 136, Centro. Garanhuns-PE

PATRIMÔNIO

Exposição Patrimônios de Pernambuco Uma imersão nos conceitos referentes ao patrimônio cultural, ilustrada por exemplos dos bens tombados no Estado, fotos didáticas de obras em edifícios de valor cultural, uma mesa de achados arqueológicos, além da "Árvore", elemento escultórico com raízes, tronco, galhos e frutos, representando simbolicamente os saberes, celebrações e manifestações ligadas ao patrimônio cultural. Período: 14 a 23 de julho Local: Parque Euclides Dourado Horário: 13h às 21h

Pernambuco na memória

Duas cabines para gravação em vídeo de depoimentos que envolvam a história de cidades pernambucanas

Duas cabines para gravação em vídeo de depoimentos que envolvam a história de cidades pernambucanas na memória dos participantes, a partir de suas experiências pessoais. Período: 14 a 23 de julho Locais e horários:

Parque Euclides Dourado - 14h às 21h - cabine 1 Casarão dos Pontos de Cultura - 9h às 16h - cabine 2

Trupe do Patrimônio Apresentação do espetáculo "O canto das sete colinas", que traz as histórias, memórias e os patrimônios que compõem a paisagem cultural de Garanhuns. O espetáculo inédito foi desenvolvido pelo Grupo de Teatro da Rua dos Loucos e Oprimidos da Maciel e artistas convidados especialmente para o FIG. Dias, locais e horários:

Dia 21 - Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcante - 18h20 Dia 22 - Palco de Cultura Popular - 17h Dia 23 - Parque Ruber Van Der Linden - 11h

Sinalização de edifícios de valor cultural Destaque nas fachadas de três edifícios inseridos na programação do festival, por meio de Iluminação especial e instalação de banners com informações sobre sua história, que poderão ser vistos durante todos os dias do FIG. Locais: Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcante (antiga Estação Ferroviária), Igreja Matriz de Santo Antônio e Academia de Letras de Garanhuns

A Estação Ferroviária de Garanhuns e as suas transformações Exposição de painéis ilustrando as transformações ocorridas na configuração arquitetônica do edifício da antiga Estação Ferroviária, desde sua inauguração no século XIX até os dias de hoje, quando está sendo tombado pelo Estado de Pernambuco. Local: Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcante (antiga Estação Ferroviária) Dias e horário: nos dias e horários de funcionamento ao público

Cantinho da Arqueologia: despertando sentidos e revelando o passado (projeto de terceiros, aprovado no festival) Espaço onde serão oferecidas experiências lúdicas e investigativas sobre o patrimônio cultural, tais como uma simulação de canteiro arqueológico, onde as crianças poderão realizar descobertas com a utilização dos instrumentos específicos de arqueologia, além de atividades de pinturas rupestres ou corporais indígenas. Local: Parque Euclides Dourado Dias: 16 e 17 Horário: 14h às 17h

CASARÃO DOS PONTOS DE CULTURA Rua José Mariano, 406 – Centro. Ação desenvolvida em parceria

CASARÃO DOS PONTOS DE CULTURA

Rua José Mariano, 406 Centro.

Ação desenvolvida em parceria com a Rede dos Pontos de Cultura de Pernambuco, que contará com oficinas, debates, mostras de vídeo, exposições fotográficas, barracas de culinária de terreiro e apresentações artísticas.

SEGUNDA - 18/07

9h às 17h: TECENDO REDES - Encontro Regional dos Pontos de Cultura Co-produção: REDE ESTADUAL DOS PONTOS DE CULTURA

19h: Abertura do Casarão dos Pontos de Cultura

- Abertura da Exposição Fotográfica de Pontos de Cultura

- Abertura da Exposição Fotográfica “Fonofotografia: Mapas Sonoros e Fotográficos do

Vale do Catimbau e Conceição das Crioulas

- Lançamento do Filme “Velho Samba da Ilha” – Realização do Ponto de Cultura Cine Raiz (Petrolina)/Direção de Chico Egídio.

- Grupo Samba de Véio Ilha do Massangano Ponto de Cultura Espaço Artístico e Cultural do Samba de Véio na Ilha do Massangano (Petrolina)

TERÇA 19/07

9h às 12h PALESTRA - “Nova Estrutura do Ministério: Secretaria de Cidadania e Diversidade Cultural (SCDC)”- Fernanda Matos e Isabela Lucchesi (MinC)

9h às 12h e 14h às 17h OFICINAS

Manhã:

- Oficina de Hip Hop e Break "A importância do Break e do DJ do Hip Hop no combate à violência" - Ponto de Cultura Eco da Periferia, Uma Cultura Viva (Recife)

- Oficina de Capoeira - Ponto de Cultura Alcance ao Mundo Sensível (Recife)

Tarde:

- Oficina de Cinema de Animação - Ponto de Cultura Cinema e Animação (Olinda)

- Oficina de Teatro "Quem sou eu? Quem somos nós?" - Ponto de Cultura Sanfona Cultural (Pombos)

Manhã e tarde:

- Oficina de Fotografia Digital “Explorando a Luz Noturna" - Ponto de Cultura Pé-de- Serra: Formação, Circulação e Memória (Recife)

- Oficina de Rádio Livre Ponto de Cultura Coco de Umbigada (Olinda)

- Oficina de Audiovisual Pontão de Cultura iTeia (Recife)

- Oficina de Vídeo Pontão de Cultura iTeia (Recife)

- Oficina de Streaming Pontão de Cultura iTeia (Recife)

14h às 17h - PONTO DE DEBATE

Cultura e Etnia: Um olhar sobre as questões Quilombolas e Indígenas e suas relações com

Cultura e Etnia: Um olhar sobre as questões Quilombolas e Indígenas e suas relações com Pontos de Cultura

Mostra de vídeo: “Vista a minha pele”/Direção: Joel Zito Araújo

Debatedores:

- Valdo Alves - Ponto de Cultura Fulni-ô (Águas Belas)

- Profª. Drª. Vânia Fialho (UPE)

- Mário dos Santos - Ponto de Cultura Centro de Formação Musical e Danças Tradicionais - Sítio Estivas (Garanhuns)

Mediadora:

- Ceiça Axé Ponto de Cultura Irôco (Recife)

A PARTIR DAS 17h - PONTO DAS ARTES

- Grupo de Dança Sítio Tigre Ponto de Cultura Núcleo de Formação e Criação Audiovisual Tigre (Garanhuns)

- Banda de Reggae Fulni-ô - Ponto de Cultura Fulni-ô (Águas Belas)

DURANTE TODO O DIA:

- Pernambuco na Memória: Conte aqui a sua história (parceria com a Diretoria de Patrimônio da Fundarpe)

- Lounge

- Culinária de Terreiro e Regional

- Exposição Fotográfica

- Exposição Fonofotografia: Mapas Sonoros e Fotográficos do Vale do Catimbau e Conceição das Crioulas

QUARTA 20/07

9h às 12h PALESTRA - Gestão e Políticas de Cultura - Tarciana Portela e Mauro Lira

9h às 12h e 14h às 17h OFICINAS

14h às 17h - PONTO DE DEBATE

Gênero, Cultura e Diversidade Sexual: Pontos de Cultura promovendo o Protagonismo Feminino e a Diversidade Sexual.

Mostra de Vídeo Temática

Debatedores:

- Remo Guedes - Ponto de Cultura Leões do Norte (Recife)

- Rildo Veras - Assessor Especial para Diversidade Sexual Governo do Estado de

Pernambuco

- Ana Veloso Ponto de Cultura Centro das Mulheres do Cabo (Cabo de Santo Agostinho)

- Cristina Buarque - Secretaria da Mulher do Estado de Pernambuco

Mediadora: - Adrianna Figueiredo - Coordenadora Técnica dos Pontos de Cultura-PE/Fundarpe A PARTIR DAS 17h

Mediadora:

- Adrianna Figueiredo - Coordenadora Técnica dos Pontos de Cultura-PE/Fundarpe

A PARTIR DAS 17h - PONTO DAS ARTES

Quadrilha Junina Adrenalina Ponto de Cultura Recortes de Cultura e Identidades de Orobó (Orobó)

Maracatu Coração Nazareno Ponto de Cultura Engenhos dos Maracatus (Nazaré da Mata)

DURANTE TODO O DIA:

- Pernambuco na Memória: Conte aqui a sua história (parceria com a Diretoria de Patrimônio da Fundarpe)

- Lounge

- Culinária de Terreiro e Regional

- Exposição Fotográfica

- Exposição Fonofotografia: Mapas Sonoros e Fotográficos do Vale do Catimbau e Conceição das Crioulas

QUINTA 21/07

9h às 12h RODA DE DIÁLOGO - “A experiência do Programa MAIS – Manifestações de Artes Integradas a Saúde” (Pontinho de Leitura) - Projeto de Extensão do Centro de Ciências da Saúde da UFPE / Atividade de Contação de História - Profª Leniée Campos Maia (UFPE) e Profª Maria de Fátima Gaspar Pinheiro (UFPE)

9h às 12h e 14h às 17h OFICINAS

14h às 17h - PONTO DE DEBATE

Acessibilidade e Democratização da Cultura: A universalização do acesso a bens culturais para pessoas com deficiência.

Mostra de Vídeo: Curta áudio-descritivo: “Casa dos Estranhos”/ Direção: Pablo Polo

Debatedores:

- Laura Gomes- Secretária de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos do Estado de Pernambuco

- João Rocha Superintendente da Superintendência de Apoio à Pessoa com Deficiência do Estado de Pernambuco

- Telma Andrade - Ponto de Cultura Mudando a Vida com a Arte Acaape (Recife)

- Marco Bonachela- Ponto de Cultura Surdas Vozes Visuais Suvag (Recife)

- Banda Tribo de Jah

Mediadora:

- Marla Derzi Assessoria Técnica do Programa Mais Cultura- PE/Fundarpe

A PARTIR DAS 17h - PONTO DAS ARTES – Coco de Pontezinha - Ponto de

A PARTIR DAS 17h - PONTO DAS ARTES

Coco de Pontezinha - Ponto de Cultura Farol da Vila Coco de Pontezinha (Cabo de Santo Agostinho)

Banda Segnos Ponto de Cultura Mudando a Vida com a Arte Acaape (Recife)

DURANTE TODO O DIA:

- Pernambuco na Memória: Conte aqui a sua história (parceria com a Diretoria de Patrimônio da Fundarpe)

- Lounge

- Culinária de Terreiro e Regional

- Exposição Fotográfica

- Exposição Fonofotografia: Mapas Sonoros e Fotográficos do Vale do Catimbau e Conceição das Crioulas

SEXTA 22/06

9h às 12h - Democratização da comunicação em Pernambuco Os caminhos tomados pela TV Pernambuco Roger de Renor (TV Pernambuco) e Ivan Moraes Filho (TV Pernambuco)

9h às 12h e 14h às 17h OFICINAS

14h às 17h - PONTO DE DEBATE

Juventude e Direitos Culturais: Pontos de cultura, Identidade Cultural e Construção cidadã

Vídeos produzidos por jovens de Pontos de Cultura:

- “As Entoadas do Mestre Zé de Bibi”, produção Ponto de Cultura Seu Zé, da entidade

Grupo de Informática, Comunicação e Ação Local GIRAL (Glória de Goitá), direção de

Janaína Felix e Micheli Santana.

- “Juventude e Álcool”, produção Ponto de Cultura Seu Zé, da entidade Grupo de

Informática, Comunicação e Ação Local GIRAL (Glória de Goitá) , direção de Anália Melo, Daiana Borba e Juliana Mendes.

- “Mapinguari”, produção Ponto de Cultura Cinema e Animação (Olinda), direção de Lula Gonzaga.

Debatedores:

- Félix Aureliano Diretor de Formação da Secretaria de Cultura do Estado de

Pernambuco

- Ana Azevedo Gerente de Articulação da Secretaria da Criança e da Juventude do

Estado de Pernambuco

- Simão Ponto de Cultura Circo Cidadania Vivendo Para o Destino de ser Mais - Escola

Pernambucana de Circo (Recife)

- Dj Big- Ponto de Cultura Eco na Periferia - Pé no Chão (Recife)

Mediadora:

- Ana Paula Sá- Assessoria Técnica do Programa Mais Cultura- PE/Fundarpe

A PARTIR DAS 17h - PONTO DAS ARTES – Em cena Cordel (Performance Poética com

A PARTIR DAS 17h - PONTO DAS ARTES Em cena Cordel (Performance Poética com cordelistas, em parceria com a Coordenadoria de Literatura da Fundarpe)

- Intervenção de Hip Hop (Break, MCs, DJs e grafitagem) - Ponto de Cultura Eco na

Periferia - Pé no Chão (Recife)

- Maracatu Estrela Brilhante do Recife - Ponto de Cultura Estrela Brilhante Fazendo Cultura (Recife)

DURANTE TODO O DIA:

- Pernambuco na Memória: Conte aqui a sua história (parceria com a Diretoria de Patrimônio da Fundarpe)

- Lounge

- Culinária de Terreiro e Regional

- Exposição Fotográfica

- Exposição Fonofotografia: Mapas Sonoros e Fotográficos do Vale do Catimbau e Conceição das Crioulas

SÁBADO 23/06

9h às 12h - PONTO DE DEBATE

Diversidade, Cidadania e Políticas Culturais: Desafios e Questões para o Avanço das Políticas Públicas de Cultura no Brasil- Programa Cultura Viva

Debatedores:

- Beto Silva Secretário Executivo da Secretaria de Cultura do Estado de Pernambuco

- Fabio Lima Representante Regional do Ministério da Cultura

- Representante da Secretaria de Cidadania e Diversidade Cultural do Ministério da Cultura

- Emanuel Soares - Diretor de Gestão do Funcultura - Fundarpe

- Fabiano Santos - Representante da Rede dos Pontos de Cultura de Pernambuco

Mediadora:

Fabiana Jansen - Coordenadora do Programa Mais Cultura-PE (Fundarpe)

14h às 17h - ENCERRAMENTO DAS ATIVIDADES

Apresentação dos produtos e atividades promovidos e realizados nas oficinas

17h - Lançamento do vídeo “Coco de Improviso e A poesia correndo no Vento” (Realização Ponto de Cultura TECER-LAIA (Camaragibe)/Direção: Natália Lopes) 18h - Afoxé Ilê de Egbá - Ponto de Cultura Sankofa (Recife)

DURANTE TODO O DIA:

- Pernambuco na Memória: Conte aqui a sua história (parceria com a Diretoria de Patrimônio da Fundarpe)

- Lounge

- Culinária de Terreiro e Regional

- Exposição Fotográfica dos Pontos de Cultura - Exposição Fonofotografia: Mapas Sonoros e Fotográficos do

- Exposição Fotográfica dos Pontos de Cultura

- Exposição Fonofotografia: Mapas Sonoros e Fotográficos do Vale do Catimbau e Conceição das Crioulas

AÇÕES DO MINISTÉRIO DA CULTURA

Oficinas:

1 Como usar o Salicweb - apresentação de projetos culturais no MinC Data: 19 de julho Hora: 14h às 18h Carga horária: 4h Local: Auditório da UPE Público: Gestores públicos, produtores culturais, pontos de cultura, pesquisadores e estudantes. A partir de 18 anos. Vagas: 70 Facilitador: Jorge Edson Garcia. Sociólogo. Especialista em Gestão Cultural. Agente de Desenvolvimento pelo PNUD. Assessor do Ministério da Cultura na Representação Regional Nordeste em Pernambuco. Proposta: O Salicweb é a ferramenta virtual para apresentação de projetos culturais no Ministério da Cultura. Através dele o interessado pode concorrer aos editais de financiamento via Mecenato (captação de recursos) ou Fundo Nacional de Cultura em diversas modalidades, como editais de passagens, segmentos sociais, regionais ou para produção em suportes variados.

2 - O que você precisa saber da Lei Roaunet - lei federal de incentivo à

cultura Data: 20 de julho Hora: 14h às 18h Carga horária: 4h Local: Auditório da UPE Público: Gestores públicos, produtores culturais, pontos de cultura, pesquisadores e estudantes. A partir de 18 anos. Vagas: 70 Facilitador: Jorge Edson Garcia. Sociólogo. Especialista em Gestão Cultural. Agente de Desenvolvimento pelo PNUD. Assessor do Ministério da Cultura na Representação Regional Nordeste em Pernambuco. Proposta: Lei Rouanet sofreu muitas mudanças e adequações ao longos dos últimos 20 anos. Com a sistematização dos seus principais aspectos foi editada a Instrução Normativa nº 1 que simplifica a sua utilização e cria novos procedimentos de relacionamento com os artistas, produtores e os patrocinadores. Conhecer a Lei, seus aspectos legais e as súmulas adotadas pela CNIC faz toda a diferença.

Palestras:

1 - Nova estrutura do Ministério: Secretaria de Economia Criativa (SEC) Data: 18 de julho Hora: 14h às 17h Carga horária: 3h Local: Auditório da UPE

Público: Gestores públicos, produtores culturais, pontos de cultura, pesquisadores e estudantes. A partir de 18

Público: Gestores públicos, produtores culturais, pontos de cultura, pesquisadores e estudantes. A partir de 18 anos. Vagas: 70 Facilitador: Thalles Siqueira. Mestre em Ciência Política. Assessor da SEC/MINC. Proposta: Apresentação dos conceitos, setores, desafios, estratégias, estrutura e ações da nova Secretaria de Economia Criativa do Ministério da Cultura.

2 - Sistema Nacional de Cultura

Data: 22 de julho Hora: 14h às 17h Carga horária: 3h Local: À definir. Público: Gestores públicos, produtores culturais, pontos de cultura, pesquisadores e estudantes. A partir de 18 anos. Vagas: 50

Facilitador: João Roberto Peixe. Secretário da Secretaria de Articulação Institucional

do Ministério da Cultura (SAI/MinC).

Proposta: Após os inúmeros avanços ocorridos nos últimos anos no campo da cultura e da gestão cultural os maiores desafios que se apresentam, hoje, são de

um lado assegurar a continuidade das políticas públicas de cultura como políticas

de

Estado, com um nível cada vez mais elevado de participação e controle social,

e

de outro, viabilizar estruturas organizacionais e recursos financeiros e

humanos, em todos os níveis de Governo, compatíveis com a importância da cultura. O Sistema Nacional de Cultura é, sem dúvida, o instrumento mais eficaz para responder a esses desafios através de uma gestão articulada e compartilhada entre Estado e Sociedade, seja integrando os três níveis de Governo para uma atuação pactuada, planejada e complementar, seja democratizando os processos decisórios intra e inter governos e, principalmente, garantindo a participação da sociedade de forma permanente e institucionalizada. Portanto, a grande prioridade dos próximos anos é a construção de um Sistema Nacional de Cultura consistente e flexível na sua estrutura e profundamente democrático, capaz de promover uma grande mudança qualitativa na gestão pública da cultura em todos os níveis de Governo e criar as condições para que a cultura ocupe definitivamente seu espaço como um dos vetores centrais do processo de desenvolvimento do nosso País.

3 - Planos Estaduais e Municipais de Livro e Leitura

Data: 21 de julho Hora: 10h às 12h Carga horária: 2h Local: Ponto da Palavra Público: Integrantes da sociedade civil ligados à cadeia do livro (cadeia criativa, produtiva e mediadora) e gestores públicos A partir de 18 anos. Vagas: 50 Facilitador: Roberto Azoubel. Mestre e doutor em Literatura Brasileira pela PUC-Rio e assessor técnico da Representação Regional do Ministério da Cultura (RRNE/MinC). Proposta: Sabemos que a leitura é uma ferramenta fundamental para a educação e, sobretudo, um instrumento de informação social e de construção de cidadania. Mobilizar Estados e Municípios para que implementem políticas públicas em defesa

do livro e do fomento à leitura será, certamente um marco para transformar o Brasil

do livro e do fomento à leitura será, certamente um marco para transformar o Brasil em um país de leitores e para a conquista de melhores índices e desenvolvimento humano e social.

Painel:

1- Construindo a política pública da música no Nordeste Data: 22 de julho Hora: 09h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 6h Local: Auditório da UPE Público: Gestores públicos, produtores culturais, pontos de cultura, pesquisadores e estudantes. A partir de 18 anos. Vagas: 70 Facilitadores: Fábio Lima. Chefe da Representação Regional do Ministério da Cultura (RRNE/MinC); Reinaldo Freire (Naldinho). Músico e representante da FUNARTE na região Nordeste; Roberto Azoubel. Mestre e doutor em Literatura Brasileira pela PUC-Rio e assessor técnico da Representação Regional do Ministério da Cultura (RRNE/MinC). Proposta: Uma discussão sobre as possibilidades de construção da política pública para o setor musical nordestino, que contará com as presenças de representantes importantes tanto da sociedade civil como do poder público da região.

ARTESANATO

OFICINAS

Tapeçaria: nosso registro em pontos e nós através do artesanato em Lagoa do Carro Data: 18 a 22 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h), Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 15h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 19 anos Vagas: 15 em cada turma Facilitador: Maria José Barbosa de Souza Aquino Proposta: Oportunizar aos municípios e visitantes a possibilidade de entenderem e aprenderem a arte da tapeçaria, disseminando a arte pelo interior do Estado.

O despertar para jóias artesanais Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 19 anos Vagas: 20 Facilitador: Nivaldo Jorge da Silva

Proposta: Despertar nos alunos o conhecimento, com a perspectiva de formar novos profissionais artesões joalheiros,

Proposta: Despertar nos alunos o conhecimento, com a perspectiva de formar novos profissionais artesões joalheiros, que venham perpetuar este artesanato que está sufocado pela industrialização das jóias.

ARTES VISUAIS

Tecnomanias - usos digitais para equipamentos analógicos Data: 18 a 22 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h), Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 15h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 12 anos Vagas: 15 em cada turma Facilitador: Lia Letícia F. Leite Proposta: A oficina tem como objetivo introduzir o aluno a diferentes ferramentas de tecnologia analógica e digital, no intuito de ampliar as possibilidades de escolha e formatos de trabalhos, criando condições para que tecnologias hoje quase obsoletas possam ser aproveitadas formal e esteticamente.

Arte Contemporânea para ver e dobrar: Práticas de releitura através do Origami Data: 18 a 22 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h), Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 15h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 19 anos Vagas: 15 em cada turma Facilitador: Evinha Duarte Proposta: Associar a aprendizagem de técnicas de dobraduras a algumas possibilidades para a sua aplicação nas artes visuais, através da experimentação com releituras de obras de autores contemporâneos.

AUDIOVISUAL

Reportagem Comunitária Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Castainho Público: Comunidades quilombolas de Garanhuns Vagas: 25 Facilitador: Williamy Tenório Proposta: Proporciar conhecimentos teóricos e vivência prática de vídeo, orientação básica de manuseio e segurança com equipamentos, desinibição e apresentação, captação de imagem, captação do áudio, iluminação, produção, edição e finalização.

Eco-Doc - oficina de videoblog ambiental Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h

Carga horária: 30h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 18 anos Vagas: 20

Carga horária: 30h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 18 anos Vagas: 20 Facilitador: Alice Chitunda e Rafael Mazza Proposta: Desenvolver atividades educativas para a capacitação de jovens e adultos na produção e divulgação de material audiovisual ambiental de baixo custo, visando identificar e valorizar as práticas de sustentabilidade desenvolvidas em Garanhuns.

Rádionovela: o que Garanhuns esconde? Data: 18 a 22 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h), Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 15h Local: Campus UPE Público: Geral de 16 a 29 anos Vagas: 15 em cada turma Facilitador: Raphael Leal Proposta: A oficina visa promover a inclusão socio-digital de adolescentes e jovens, utilizando a ferramenta Rádio como instrumento de inclusão social, democratização da comunicação e produção cultural, capacitando jovens a atuar na produção de programas radiofônicos comunitários, bem como na produção e edição de áudio.

CULTURA POPULAR

Jogos e brincadeiras Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Castainho Público: Comunidades quilombolas de Garanhuns Vagas: 25 Facilitador: Jodileno e Bruna

Criando a máscara, colocando a figura Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 12 anos Vagas: 25 Facilitador: José Grimário da Silva Proposta: Objetiva a perpetuação das figuras (personagens) existentes nesse folguedo, através da confecção da máscara e do exercício da prática das figuras de cavalo marinho como o seu Ambrósio, o pisa pilão, Mateus e bastião, a véia do bambu e outros personagens.

DANÇA

Dança Afro Data: 18 a 22 de julho

Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Castainho Público: Comunidades

Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Castainho Público: Comunidades quilombolas de Castainho Vagas: 25 Facilitador: Orunmilá Proposta: As danças afro-brasileiras proporcionam àqueles que as dançam um elo físico, mental e principalmente energético diretamente ligado as suas raízes e origens. A oficina tem como objetivo dar mais visibilidade e fortalecer a cultura do povo negro

Da capoeira ao passo do frevo Data: 18 a 22 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h), Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 15h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 12 anos Vagas: 25 em cada turma Facilitador: Carlos Loy Proposta: Objetiva trabalhar a origem do passo do frevo. Considerado patrimônio cultural de Pernambuco, o frevo (dança) surgiu o movimento dos capoeiras que iam na frente protegendo a banda marcial pelas ruas do Recife e nesse movimento da capoeira com fundo musical de polcas a marchas denominou-se o frevo do verbo ferver, pois a multidão fervia quando a banda passava.

Ateliê do Corpo - Dança e Criação Data: 18 a 22 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h), Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 15h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 18 anos Vagas: 20 em cada turma Facilitador: Tainá Dias de Moraes Barreto Proposta: Formação voltada para a consciência corporal, o aprendizado de princípios técnicos de dança, além de oferecer a oportunidade de vivenciar uma breve atividade de criação. Cada participante será instruído na exploração do seu potencial expressivo e orientado na criação de uma pequena célula coreográfica.

FORMAÇÃO

Identidade imaterial étnico racial Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Castainho Público: Comunidades quilombolas de Castainho Vagas: 25 Facilitador: Júnior Afro Proposta: A oficina consiste em um espaço de debate e estudos sobre a dimensão da cultura afro brasileira no cotidiano da sociedade. Discutindo elementos

fundamentais da matriz África no Brasil que levaram a uma sociedade de resistência expressa através

fundamentais da matriz África no Brasil que levaram a uma sociedade de resistência expressa através de manifestações artísticas, políticas e religiosas.

FOTOGRAFIA

Cara na Câmera - Exercícios de fotografia para a Terceira Idade Data: 18 a 22 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h), Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 15h Local: Campus UPE Público: Terceira idade (participantes devem possuir câmera fotográfica digital ou celular com câmera) Vagas: 20 em cada turma Facilitador: Carolina Dantas Figueiredo Proposta: Objetivo é estimular o uso da fotografia como forma de expressão artística e forma de explorar o mundo, conectando o “eu” do fotógrafo com o seu entorno e com a comunidade onde está inserido.

Pinhole Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Campus UPE Público: Geral, de 19 a 24 anos Vagas: 25 Facilitador: Isaias Belo da Silva Proposta: Desenvolver artisticamente a técnica artesanal do Pinhole, possibilitando ao aluno um “passeio” pela fotografia desde os primórdios de sua história até a imagem digital. Os alunos terão oportunidade de confeccionar suas próprias máquinas fotográficas artesanais, trabalhar técnica de revelação e, sua culminância será uma exposição com o material produzido na oficina.

LITERATURA

Círculo de leituras Data: 18 a 20 de julho Hora: 15h às 19h Carga horária: 15h Local: Ponto da Palavra Público: Apreciadores de literatura e estudantes do ensino médio e superior, estudantes e professores de letras, em particular. Vagas: 30

Facilitador: Andréa Mota e Marcelo Pereira Proposta: Promover uma maior aproximação entre os escritores pernambucanos e

o público em geral, através da realização de círculos de leituras nos quais os

autores conversarão sobre suas obras, sua formação literária, principais influências

e lerão trechos para a plateia, bem como discutirão a produção literária em

Pernambuco, a relação com a imprensa, as editoras e os livreiros. Serão apresentados dois convidados por dia, mediados pelo jornalista Marcelo Pereira,

editor do Caderno C, do Jornal do Commercio. Alguns dos convidados: Marcelino Freire, Cícero Belmar,

editor do Caderno C, do Jornal do Commercio. Alguns dos convidados: Marcelino Freire, Cícero Belmar, Raimundo Carrero, Paulo Santos, Cida Pedrosa, entre outros.

MODA

A utilização do design em acessórios de couro Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Campus UPE Público: Artesãos do segmento de acessórios e/ou couro, comerciantes empreendedores, estudantes e público interessado em criação/comercialização de acessórios e artesanato com o uso da moda e design A partir dos 19 anos. Vagas: 20 Facilitador: Simone da Silva Andrade Proposta: Proporcionar o conhecimento no âmbito dos trabalhos na manufatura do couro, através de uma oficina de capacitação profissional, com foco na comercialização dos produtos, com a utilização do design como uma ferramenta no processo sugerido e que vai possibilitar abrir os horizontes com questões de forma, cor, texturas, entre outras. A metodolodia vai ajudá-los a ter uma noção de como melhorar o seu produto.

Produção de moda para suportes contemporâneos Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 19 anos Vagas: 20 Facilitador: Cássio Bonfim Soares Proposta: A oficina visa fazer com que os participantes da oficina adquiram ferramentas e conhecimentos necessários para produção de peças e vestuários de moda, visando uma melhor exposição e difusão da imagem de produtos de moda.

Ecomoda: Tá na moda é ser consciente Data: 18 a 22 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h), Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 15h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 12 anos Vagas: 20 em cada turma Facilitador: Katarina da Silva Barbosa Proposta: Desenvolver vestuários e acessórios que agregam o conceito de ecologicamente correto, trabalhando conceitos de desenvolvimento sustentável, sistema de moda, consumo consciente e tendências, pensando a moda num contexto de menor impacto ambiental.

Identidade cultural de uma vestimenta consciente Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h

Carga horária: 30h Local: Castainho Público: Comunidades quilombolas de Castainho Vagas: 25 Facilitador: Edsá e

Carga horária: 30h Local: Castainho Público: Comunidades quilombolas de Castainho Vagas: 25 Facilitador: Edsá e Alcione Proposta: Estimular o estudo e prática da Customização (reciclagem de peças) em favor do bem cultural, transformando a sua prática artística em uma fonte do desenvolvimento sustentável.

MÚSICA

Confecção de Instrumentos Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Castainho Público: Comunidades quilombolas de Castainho Vagas: 25 Facilitador: Maureliano Proposta: Maureliano Ribeiro compartilha seus conhecimentos e experiências, em suas oficinas, de forma simples numa linguagem que atinge o entendimento do público participante. A oficina “Barravento do Som” já foi ministrada em diversos festivais, e recentemente em Mirandiba pelo Festival Pernambuco Nação Cultural.

Percussão Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Castainho Público: Comunidades quilombolas de Castainho Vagas: 25 Facilitador: Iran e Negro Henrique Proposta: Repassar as técnicas e sons de ritmos de percussão, desenvolvimento artístico e motor através da sincronia das mãos para retirar o som das peles dos instrumentos. Conhecimento de como cada instrumento é utilizado em cada ritmo. De que é constituído o instrumento e que tipo de pele é utilizado para emissão do som. Repassar os valores da cultura de Pernambuco através dos seus ritmos executadas durante os ciclos em que o ano se divide em relação os ritmos, danças e sons. Fortalecendo a cultura popular e suas riquezas.

Uma visão geral do universo da produção de eventos Data: 12 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 66h Local: Campus UPE Público: Geral, Estudantes e Educadores da rede pública e particular de ensino Idade Mínima: 18 anos Vagas: 30 Facilitador: Sérgio Roberto Leite Valença (Pezão)

Proposta: A oficina se propõe a mostrar aos alunos a complexidade da montagem do maior

Proposta: A oficina se propõe a mostrar aos alunos a complexidade da montagem do maior festival de cultura do país, o Festival de Inverno de Garanhuns e, ao mesmo tempo, apresentar-lhes uma possibilidade de seguirem carreira nos diversos segmentos da produção artística. A oficina tem por maior objetivo, despertar a consciência do cidadão local, que ele pode e deve dar a sua contribuição pessoal na organização deste evento. Será ministrada pelo iluminador, coordenador de palco e produtor Sérgio Valença, conhecido como Pezão, que já trabalhou com nomes como Lenine, Alceu Valença e Nação Zumbi.

Oficinas adubadas: técnicas de produção musical, gravação e mixagem Data: 18 a 22 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h), Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 15h Local: Campus UPE Público: Produtores musicais, Djs, músicos, técnicos de som e público em geral. Idade Mínima: 12 anos Vagas: 40 em cada turma Facilitador: Christiano da Costa Botelho da Silva Proposta: A oficina visa incentivar a produção musical de qualidade e baixo custo, proporcionando ao público em geral noções das etapas do processo de gravação e mixagem, incentivando os jovens a produzir suas próprias criações. A oficina será ministrada pelo sound designer Buguinha Dub.

Eletrônica prática para áudio Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Campus UPE Público: Músicos, técnicos de som, produtores musicais, roadies, alunos de cursos de eletrônica e pessoas que têm afinidade na área musical e tecnológica. Idade Mínima: 12 anos. Vagas: 20 Facilitador: Grupo Altovolts Proposta: Levar ao aluno os conhecimentos das tecnologias em aparelhos de áudio e o poder de aplicá-lo de forma inovadora e singular, atendendo a grande procura pelo setor musical. A oficina trará para o público participante, a oportunidade de desenvolver a partir dos conhecimentos expostos na oficina, seus próprios projetos de amplificadores de áudio e efeitos eletrônicos para instrumentos musicais, abrindo uma grande possibilidade para uma atividade criativa e empreendedora.

Bateria - Lata e papelão Data: 18 a 22 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h), Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 15h Local: Campus UPE Público: Geral, de 12 a 24 anos Vagas: 15 em cada turma Facilitador: Sidclei (Sid3) Proposta: Passar noções de base rítmica de bateria e percussão, desenvolvendo a criatividade para montar o set percussivo utilizando materiais reutilizáveis como

caixas de papelão, potes, tampas de panelas, latas, latinhas, tampas, tampinhas, etc. PATRIMÔNIO Políticas públicas

caixas de papelão, potes, tampas de panelas, latas, latinhas, tampas, tampinhas, etc.

PATRIMÔNIO

Políticas públicas para a salvaguarda do patrimônio imaterial Data: 18 a 22 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h) e Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 15h Local: Campus UPE Público: Agentes culturais, representantes de pontos de cultura e demais interessados a partir de 19 anos. Vagas: 20 em cada turma Facilitador: Tapuias Patrimônio Cultural Proposta: abordar as políticas públicas e instrumentos vigentes no âmbito federal, para promoção, apoio e fomento do patrimônio cultural imaterial brasileiro.

Oficina Ler, compreender e preservar: Educação Patrimonial Data: 18 a 22 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h) e Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 15h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 12 anos Vagas: 15 em cada turma Facilitador: Danielle Ferreira Proposta: propõe uma relação entre o patrimônio cultural construído, espaço de construção de identidades (no caso o Colégio XV de Novembro) com a produção dos saberes do cotidiano.

Oficina de Planejamento Participativo e Elaboração de Projetos Culturais Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Campus da UPE Público: participantes de grupos e comunidades, a partir de 19 anos, que desenvolvam atividades culturais Vagas: 30 Facilitador: Gerson Flavio da Silva Proposta: abordar o planejamento participativo e elaboração de projetos culturais, por meio de uma metodologia que favoreça a construção coletiva.

Pequena História da Cultura Pernambucana, ênfase na Região da Mata Norte Data: 19 a 21 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h) e Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 9h Local: Campus da UPE Público: estudantes, professores e demais interessados Vagas: 40 em cada turma Facilitador: Biu Vicente

Proposta: abordar como vem sendo formada a cultura pernambucana ao longo da história do Brasil,

Proposta: abordar como vem sendo formada a cultura pernambucana ao longo da história do Brasil, com dois grandes vetores: O período republicano e; a criação coletiva de grupos populares em Pernambuco.

TEATRO

Oficina de introdução ao teatro do oprimido Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 12 anos Vagas: 30 Facilitador: Centro de Teatro do Oprimido Proposta: O teatro do Oprimido é um instrumento de comunicação lúdico, dinâmico e eficaz para a discussão de temas diversos. Essa metodologia sócio-cultural, político-pedagógica e terapêutica, estimula o auto-conhecimento, o diálogo social, além de propor que o indivíduo se torne cidadão em cena. Essa oficina tem a finalidade de formação para pessoas interessadas no método e dispostas a utilizá-lo como ferramenta artística de transformação social.

Teatro e dança: uma brincadeira Data: 18 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 30h Local: Campus UPE Público: Geral a partir de 19 anos Vagas: 20 Facilitador: Viviane Pessoa de Oliveira Souto Maior Proposta: O objetivo da oficina dialoga com diferentes linguagens; teatro, dança e cultura popular, apresentando os diversos desdobramentos possíveis das danças e brincadeiras populares pernambucanas e o seu aproveitamento técnico, cênico, educativo e de formação artístico-cultural como potencial para o trabalho nas artes cênicas.

INSTITUCIONAL

Formação em políticas públicas para quilombos Data: 21 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 6h Local: Castainho Público: Comunidades quilombolas de Castainho Vagas: 25 Facilitador: Samuel e Ceça - Axé CEPPIR

Mediação de conflitos Data: 21 a 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 12h

Local: Castainho Público: Comunidades quilombolas de Castainho Vagas: 25 Facilitador: Secretaria Executiva de Justiça e

Local: Castainho Público: Comunidades quilombolas de Castainho Vagas: 25 Facilitador: Secretaria Executiva de Justiça e Direitos Humanos

Elaboração de projetos e Funcultura Data: 19 a 20 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 12h Local: Castainho Público: Comunidades quilombolas de Castainho Vagas: 25 Facilitador: Diretoria de Formação da SECULT-PE

Patrimônio e preservação Data: 21 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 6h Local: Campus da UPE Público: agentes da gestão cultural Vagas: 30 Facilitador: Diretoria de Preservação Cultural da Fundarpe Proposta: Possibilitar discussões e ações com vistas à preservação do patrimônio cultural nos municípios do Agreste Meridional.

Oficina Nas Teias do Patrimônio Data: 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 6h Local: Campus da UPE Público: Geral, a partir de 15 anos Vagas: 30 Facilitador: Diretoria de Preservação Cultural da Fundarpe Proposta: Estimular percepções e olhares da população sobre o seu patrimônio cultural, por meio de exercícios de expressão e criatividade.

História, percussão e ritmos do maracatu de baque virado Data: 18 a 22 de julho Hora: Turma 1 (9h às 12h) e Turma 2 (14h às 17h) Carga horária: 15h Local: Campus da UPE Público: Geral, a partir de 10 anos Vagas: 25 em cada turma Facilitador: Maracatu Estrela Brilhante de Igarassu Proposta: Abordagem de temas como história, percussão e ritmos do maracatu de baque virado, ministrada pelo Mestre Gilmar Santana, do Maracatu Estrela Brilhante de Igarassu.

Funcultura Data: 22 de julho

Hora: 14h às 17h Carga horária: 3h Local: Campus da UPE Público: Geral a partir

Hora: 14h às 17h Carga horária: 3h Local: Campus da UPE Público: Geral a partir de 18 anos Vagas: 30 Facilitador: Diretoria de Formação da SECULT-PE Proposta: Oficina teórica e prática, abordando as diversas etapas de como elaborar um projeto. Visa capacitar e orientar os/as participantes quanto aos procedimentos para inscrição do projeto e preenchimento das exigências que constam no edital do Funcultura, sabendo que ele é um mecanismo de natureza financeira e contábil, criado com a finalidade de incentivar e estimular a cultura pernambucana.

Gestão de espaços culturais Data: 21 e 22 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 9h Local: Campus da UPE Público: Gestores, produtores, pontos de cultura e estudantes. A partir de 18 anos. Vagas: 30 Facilitador: Diretoria de Gestão de Equipamentos Culturais da Fundarpe Proposta: Estimular o interesse sobre gestão dos espaços culturais, discutindo técnicas de administração a partir de experiências práticas e de desenvolvimento de projetos culturais nestes espaços.

Cultura, Direito e Diversidade Data: 18 e 19 de julho Hora: 9h às 12h e 14h às 17h Carga horária: 9h Local: Campus da UPE Público: Gestores locais e sociedade em geral Vagas: 30 Facilitador: Assessoria especial para assuntos LGBT Proposta: Sensibilizar para o respeito à diversidade sexual, divulgar as ações do governo para a população de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT).