Sunteți pe pagina 1din 5
ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas Sede: Rio de Janeiro Av. Treze de Maio,

ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas

Sede:

Rio de Janeiro Av. Treze de Maio, 13 - 28! andar CEP 20003-900 - Caixa Postal 1680 Rio de Janeiro - RJ Tel.: PABX (21) 210-3122 Fax: (21) 220-1762/220-6436 Endereço eletrônico:

www.abnt.org.br

Copyright © 2000, ABNT–Associação Brasileira de Normas Técnicas Printed in Brazil/ Impresso no Brasil Todos os direitos reservados

MAR 2000 NBR 7503 5 páginas Ficha de emergência para o transporte de produtos perigosos
MAR 2000 NBR 7503 5 páginas Ficha de emergência para o transporte de produtos perigosos

MAR 2000

NBR 7503

5 páginas

Ficha de emergência para o transporte de produtos perigosos - Características e dimensões

Origem: Projeto NBR 7503:1999 ABNT/CB-16 - Comitê Brasileiro de Transportes e Tráfego CE-16:400.04 - Comissão de Estudo de Transporte de Produtos Perigosos NBR 7503 - Emergency form for hazardous materials transportation - Characteristics and dimensions Descriptors: Transportation of hazardous load. Hazardous load. Emergency form Esta Norma substitui a NBR 7503:1996 Válida a partir de 02.05.2000

Palavras-chave: Transporte de produto perigoso. Produto perigoso. Ficha de emergência

Sumário

Prefácio

1 Objetivo

2 Referências normativas

3 Definições

4 Requisitos

ANEXO

A Figuras

Prefácio

A ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas - é o Fórum Nacional de Normalização. As Normas Brasileiras, cujo

conteúdo é de responsabilidade dos Comitês Brasileiros (ABNT/CB) e dos Organismos de Normalização Setorial (ONS),

são elaboradas por Comissões de Estudo (CE), formadas por representantes dos setores envolvidos, delas fazendo parte: produtores, consumidores e neutros (universidades, laboratórios e outros).

Os Projetos de Norma Brasileira, elaborados no âmbito dos ABNT/CB e ONS, circulam para Consulta Pública entre os associados da ABNT e demais interessados.

Nesta revisão da NBR 7503 está contida a adequação aos desenvolvimentos tecnológicos e à prática do dia-a-dia.

A

ficha de emergência para transporte de produtos perigosos, especificada na Norma anterior, pode ser utilizada durante

o

período de seis meses a partir da entrada em vigor desta Norma.

O

anexo A desta Norma é de caráter normativo.

1

Objetivo

Esta Norma especifica as características e dimensões para a confecção da ficha de emergência para o transporte de produtos perigosos.

2 Referências normativas

As normas relacionadas a seguir contêm disposições que, ao serem citadas neste texto, constituem prescrições para esta Norma. As edições indicadas estavam em vigor no momento desta publicação. Como toda norma está sujeita a revisão, recomenda-se àqueles que realizam acordos com base nesta que verifiquem a conveniência de se usarem as edições mais recentes das normas citadas a seguir. A ABNT possui a informação das normas em vigor em um dado momento.

NBR 7500:2000 - Símbolos de risco e manuseio para o transporte e armazenamento de materiais

NBR 8285:2000 - Preenchimento da ficha de emergência para o transporte de produtos perigosos

2 NBR 7503:2000 3 Definições Para os efeitos desta Norma, aplicam-se as seguintes definições: 3.1
2
NBR 7503:2000
3 Definições
Para os efeitos desta Norma, aplicam-se as seguintes definições:
3.1 ficha de emergência para o transporte de produtos perigosos: Documento com os principais riscos do produto e as
providências essenciais a serem tomadas em caso de acidente.
3.2 expedidor: Empresa que expede o produto (quem emite a nota fiscal).
4 Requisitos
4.1 Papel
O papel deve ser branco, tamanho A4 (210 mm x 297 mm), com gramatura de 75 g/m 2 a 90 g/m 2 .
4.2 Impressão
Toda a impressão deve ser na cor preta, com exceção da tarja, que deve ser na cor vermelha, com largura mínima de
5 mm (o padrão da cor está estabelecida no anexo E da NBR 7500:2000). A impressão deve ser feita em fonte tipo arial,
corpo mínimo 10, sendo que os títulos dos campos 2, 7 e 8 devem estar em caixa alta (maiúsculo).
4.3 Modelos
4.3.1 É admitido somente um modelo de ficha de emergência, conforme a figura A.1, para impressão em gráfica ou
impressora de computador, de acordo com 4.4.1.
4.3.2 O modelo pode servir como padrão para os produtos não enquadrados na Portaria em vigor do Ministério dos
Transportes sobre transporte de produtos perigosos, desde que atenda às especificações da figura A.1. Omitir os dados do
campo 3 e incluir a frase: “Produtos não enquadrados na Portaria em vigor sobre transporte de produtos perigosos”.
NOTA - A tarja do modelo utilizado para os “produtos não enquadrados na Portaria em vigor sobre transporte de produtos perigosos” deve
ser na cor verde.
4.4 Utilização das áreas e textos
4.4.1 Ficha de emergência (figura A.1)
A ficha de emergência é composta por três áreas, dispostas conforme as figuras A.1 e A.2, com as utilizações descritas em
4.4.1.1 a 4.4.1.5.
4.4.1.1 A área “A” está reservada à identificação do produto, devendo conter:
a) campo 1 - destinado à identificação do expedidor;
b) campo 2 - destinado ao título “FICHA DE EMERGÊNCIA”;
c) campo 3 - destinado aos títulos “Número de risco”, “Número da ONU”, “Classe ou subclasse de risco”, quando existir,
e “Descrição da classe ou subclasse de risco”, quando existir;
d) campo 4 - destinado ao título “Nome apropriado para o embarque”.
4.4.1.2 As faixas compreendidas entre as áreas A e B devem conter:
a) campo 5 - destinado ao título “Aspecto”;
b) campo 6 - destinado ao título “EPI”.
4.4.1.3 A área “B” está reservada à identificação dos riscos do transporte do produto relacionado, devendo conter:
a) campo 7 - destinado ao título “RISCOS”;
b) campo 7.1 - destinado ao subtítulo “Fogo”;
c) campo 7.2 - destinado ao subtítulo “Saúde”;
d) campo 7.3 - destinado ao subtítulo “Meio ambiente”.
4.4.1.4 A faixa compreendida entre as áreas “B” e “C” (campo 8) está destinada ao título “EM CASO DE ACIDENTE”.
4.4.1.5 A área “C” está reservada às providências a serem tomadas em caso de acidente, devendo conter:
a) campo 8.1 - destinado ao subtítulo “Vazamento”;
b) campo 8.2 - destinado ao subtítulo “Fogo”;

NBR 7503:2000

3

c) campo 8.3 - destinado ao subtítulo “Poluição”;

d) campo 8.4 - destinado ao subtítulo “Envolvimento de pessoas”;

e) campo 8.5 - destinado ao subtítulo “Informações ao médico”;

f) campo 8.6 - destinado ao subtítulo “Nome do fabricante ou importador”.

4.4.2 Preenchimento da ficha de emergência

O preenchimento da ficha de emergência deve ser de acordo com a NBR 8285.

/ANEXO A

4 NBR 7503:2000 Anexo A (normativo) Figuras FICHA DE EMERGÊNCIA 2 Expedidor: 1 Nome apropriado
4
NBR 7503:2000
Anexo A (normativo)
Figuras
FICHA DE EMERGÊNCIA
2
Expedidor:
1
Nome apropriado
para o embarque
4
Número de risco:
3
Número da ONU:
Tel.:
Classe ou subclasse de risco:
Descrição da classe
ou subclasse de risco:
Aspecto:
5
EPI:
6
RISCOS
7
Fogo:
7.1
Saúde:
7.2
Meio ambiente:
7.3
EM CASO DE ACIDENTE
8
Vazamento:
8.1
Fogo:
8.2
Poluição:
8.3
Envolvimento de
8.4
pessoas:
Informações
8.5
ao médico:
Nome do fabricante 8.6
ou importador:
Figura A.1 - Ficha de emergência

NBR 7503:2000

5

Dimensões em milímetros ÁREA A ÁREA B 250 ÁREA C 5 188 5
Dimensões em milímetros
ÁREA A
ÁREA B
250
ÁREA C
5
188
5

Figura A.2 - Disposições das áreas na ficha de emergência e dimensões mínimas