Sunteți pe pagina 1din 2

“A Cristo por Maria”

Colégio Nossa Senhora de Lourdes


Monteiro 19/02/2019
Aluna: Bianca Mirelle França Galdino
Professora: Allana
Série :8º Ano

FICHA DE LEITURA

Livro: A menina que roubava livros


Autor: Markus Frank Zusak
Ano de Lançamento :2005
Editora: Intrínseca
Contexto Histórico:
Tudo começa em janeiro de 1939 (e vai até 1943, alcançando muito tempo
depois). Liesel Meminger tinha nove anos, logo faria dez. Seu irmão acabara de morrer.
Sua mãe não tinha condições de criá-la e logo ela estaria na casa de Hans e Rosa
Hubermann, seus novos pais de criação. Mas ela não iria sozinha, ao entrar na nova casa
carregava consigo o livro que roubara num momento de distração que o rapaz que
enterrara seu irmão deixara cair na neve, O manual do Coveiro. Esse foi o primeiro de
muitos dos livros que Liesel roubaria ao longo dos quatro anos seguintes.
Assombrada pela morte do irmão, os pesadelos a perseguem; é na convivência
com o pai adotivo que Liesel encontra conforto e segurança. Hans Hubermann é pintor
desempregado que vive de bicos pela vizinhança, estudou durante um curto período de
tempo, mas o pouco que sabe ensina a filha com suas lições de leitura. Além disso, toca
um acordeão como ninguém. Rosa Hubermman, sua mulher rabugenta, vive por limpar
e cuidar da roupa das famílias abastadas da região e mesmo com todos os xingamentos
e irritação tem um grande coração que se vê preenchido com a chegada de Liesel.
Enquanto a menina que roubava livros se envolvia com a arte de aprender a ler e
escrever, seus livros furtados e as brincadeiras com os meninos da Rua Himmel, a
Alemanha nazista se transformava a cada dia num campo minado, dando trabalho
dobrado à Morte.