Sunteți pe pagina 1din 10

Mapa de Paris

Preparando a viagem para Paris é sempre bom saber onde estão os pontos turísticos de Paris em
relação ao seu hotel. Abaixo você encontrará vários tipos de mapas de Paris.

Primeiramente é importante saber que em Paris nos localizamos por arrondissement (que são os
bairros), por estação e linha de metro. No mapa de Paris abaixo você pode ver que Paris parece um
caracol. Os arrondissements começam no centro (1er arrondissement, onde você vê o numero 1 em azul
abaixo), segue para o 2, 3, 4, 6, como se fosse um caracol. Os números abaixo de 10 são localizados no
centro de Paris.

Entre os arrondissements 11 e 20, você continua dentro de Paris. A linha marrom que faz o contorno de
Paris é o periférico que divide Paris e a banlieue (periferia).

Em relação às linhas de metro, ao transporte público em geral, você pode consultar o mapa dos metros
de Paris abaixo:
Você pode imprimir o mapa do metro se preferir. Chegando em Paris, você pode solicita esse mapa em
qualquer ponto de venda de tickets de metro ou trem (RER). Peça pelo mapa de metro com os pontos
turísticos de Paris.

O mapa do RER (trens interurbanos) é diferente do mapa do metro. Para ir ao aeroporto, Eurodisney ou
Versalhes você precisa de um mapa do RER de Paris.
Em Paris se faz turismo de barco. Confira abaixo o mapa do batobus de Paris:
ANDARBDE AUTOCARRO EM PARIS

A melhor parte de andar de ônibus em Paris, é que certas linhas são totalmente turísticas.

Linha 24 é perfeita para explorar os “bairros” ao longo do Sena. Conecta Gare Saint-
Lazare ao Bercy Village. Oferece uma vista panorâmica da Madeleine, Place de la Concorde e o Jardin des Plantes.

Linha 63 irá oferecer-lhe uma visão geral do centro de Paris. À partir do Bois de Boulogne  passa
pelo Trocadero (Torre Eiffel), a Pont de l’Alma, o Musée d’ Orsay , St Sulpice, os Jardins de Luxemburgo ,
o Quartier Latin e da Gare de Lyon.

Linha 69 conecta Trocadero ( estação mais próxima da Torre Eiffel) ao leste da capital (Père Lachaise ),


passando pela Quai d’ Orsay, o Louvre e o famoso distrito de Marais .

Linha 73  conecta o Musée d’ Orsay até La Defense, passando


pelo Louvre, Place de la Concorde, Champs Elysees.

Linha 87 também conecta Trocadéro ao leste de Paris ( Gare de Lyon) , concentrando-se principalmente na


margem esquerda do Sena, passando por Saint Sulpice, os Jardins de Luxemburgo, o Quartier Latin e Bastille.

Linha 95 conecta Porte de Vanves ao Porte de Montmartre, é uma das minhas linhas preferidas. Passa
em Montparnasse, Rue de Rennes, Louvre, Palais Royal, Ópera, Boulevard Hausmann (lojas Prinptemps e Galeries
Lafayette), Caulauincourt (Sacré-Coeur).
A Linha 21 sai da Gare Saint-Lazare e passa por: Opéra – Palais Royal – Museu do Louvre – Pont Neuf – Rue de
Rivoli – Cité (Notre-Dame) – Boulevard Saint Michel – Jardim de Luxemburgo – Parc Montsouris – Cité
Universitaire.

A Linha 29 sai da Gare Saint-Lazare e passará por: Ópera – Biblioteca Nacional – Bourse – Louvre – Centre
Georges Pompidou – Marais – Place de Vosges – Bastille – Gare de Lyon.

A Linha 42 é uma das minhas linhas preferidas, sai do lado do Parque André Citroën e passa por: Champ de Mars
– Torre Eiffel – Avenida Montaigne (lojas chiquérrimas como Chanel, Dior,…) – Champs-Élysées – Concorde –
Madeleine – Ópera – Grand Magasins (Galeries Lafayette e Printemps) – Gare du Nord.
A Linha 63 sai do Porte de La Muette, na avenue Henri Martin (linda e residencial) e passa por: Trocadéro – Alma-
Marceau (onde se encontra o Memorial da Princesa Diana) – Invalides – Saint-Germain-des-Prés – Odéon –
Institut du Monde Arabe – Jardim des Plantes – Gare de Lyon.

A Linha 69 sai da Champs de Mars (você já poderá ver a Torre Eiffel de primeira) e passa por: Invalides – Musée
de Orsay – Rue du Bac (Capela da Medalha Milagrosa) – Museu do Louvre – Palais Royal – Rivoli – Châtelet – Hôtel
de Ville (Prefeitura de Paris) – Marais – Bastille – Cemitério Père Lachaise.

A Linha 72 sai do Parc Saint-Cloud e passa exclusivamente pela margem do Rio Sena, na Rive Droite: Radio France,
Pont d Bir-Hakeim – Palais de Tokyo – Grand Palais – Concorde – Tuileries – Palais Royal – Museu do Louvre – Rue
de Rivoli – Châtelet.
A Linha 73 é outra linha que gosto muito. É a única linha que faz toda a Champs-Elysées. Sai de La Garenne-
Colombes e passa por: La Défense (Grande Arche e Shopping Les Quatre Temps) – Palais des Congrès – Porte
Maillot – Arco do Triunfo – Avenida des Champs-Élysées (inteirinha) – Concorde – Musée d’Orsay.

A Linha 95 é minha grande conhecida, por três anos, pegava ela quase que diariamente. Sai do Porte de Vanves e
passa por: Gare Montparnasse – Rue de Rennes – Saint-German-des-Prés – Museu do Louvre – Palais Royal-
Comédie Française – Opéra – Gare Saint-Lazare – Place de Clichy – Montmartre.

Veja também : CONHECENDO PARIS : MONTMARTRE

A Linha 96 sai da Gare Montparnasse e passa por: Rue de Rennes – Saint-Germain-des-Prés – Saint-Michel – Cité
(Notre-Dame) – Hotel de Ville (Prefeitura de Paris) – Marais – Place de Vosges – Oberkampf – Belleville.
DICA :

Linhas de Ônibus que começam por 2 saem ou passam pela estação de trem Saint-Lazare (20, 21, 24, 26, 27, 28,
29);

Linhas de Ônibus que começam por 4 passam pelas estações Gare du Nord e Gare de l’Est;

Linhas de Ônibus que começam por 7 passam pelas margens do Sena e próximos ao Hotel de Ville (70, 72, 73,
74, 75, 76);

Linhas de Ônibus que começam por 8 passam pelo Jardim de Luxemburgo e Saint-Michel (82, 83, 84, 85, 86, 87,
89) – exceto para os ônibus 81 e 88!;

Linhas de Ônibus que começam por 9 saem ou passam pela estação de trem de Montparnasse (91,92, 94, 95,
96).
Montmartre
Situado em uma colina de 130 metros de altura, Montmartre é um dos bairros mais encantadores e
peculiares de Paris.

Em Montmartre, também conhecido como o “bairro dos pintores”, as ruas estreitas e empinadas
formam uma rede que inclui desde os antigos cabarés até os arredores da Basílica de Sacré Coeur,
repletas de restaurantes e um ambiente boêmio e artístico.

Montmartre no passado
Montmartre foi um povoado independente até 1860, quando se tornou o distrito XVIII de Paris.

No final do século XIX, o bairro adquiriu uma péssima fama devido aos cabarés e bordeis que se
instalaram na zona, mas diferentes artistas o consideravam um bairro encantador e decidiram mudar
para lá, transformando Montmartre no lugar maravilhoso que é hoje em dia.

Um passeio por Montmartre


Montmartre abrange duas áreas muito diferentes: nas proximidades da Place Pogalle reinam as luzes de
neon anunciando infinitos sex-shops e alguns cabarés, entre os quais se destaca especialmente o
famoso Moulin Rouge, cujos espetáculos atraem centenas de turistas todas as noites.

Depois de subir uma longa escada de 197 degraus, ou então utilizando o funicular, se chega à área mais
boêmia de Montmartre, a Place du Tertre, localizada na parte mais alta da colina. Trata-se de uma das
zonas mais agradáveis do bairro, tanto para jantar como para desfrutar das obras de arte dos pintores
que se espalham pela região.

Ao caminhar pelas ruas estreitas e empinadas do bairro, você chegará à Basílica de Sacré Coeur, um
belíssimo templo que oferece vistas maravilhosas da cidade. As escadas debaixo da basílica costumam
estar cheias tanto de turistas como de locais que gostam de passar a tarde curtindo a vista.

Transporte
Funicular de Montmartre Metrô: Anvers, linha 2; Abbesses, linha 12; Pigalle, linhas 2 e 12; Blanche, linha 2.

Lugares próximos
Espaço Dalí (82 m)
Quartier Latin De Paris
O Quartier Latin (Bairro Latino de Paris) está localizado ao sul da Île de la Cité e é uma das zonas mais disputadas
e animadas da cidade.

Quartier Latin à noite Fonte de Saint Michel

O Quartier Latin no passado

O Quartier Latin deve seu nome à Época Medieval, quando os habitantes da zona eram estudantes que
utilizavam o latim para se comunicar.

Desde a Idade Média, os estudantes do Bairro Latino tiveram uma grande influência sobre a França, e durante os
séculos XIX e XX promoveram movimentos estudantis de grande transcendência política. O Quartier Latin foi um
dos centros da Revolução de Maio de 68.

Um passeio pelo Quartier Latin

Depois de atravessar a Praça de Saint Michel, na qual há uma enorme fonte com a figura de São Miguel lutando
com um dragão, há pequenas e encantadoras ruazinhas que formam o Bairro Latino.

A partir desse ponto, tudo que você verá são restaurantes e cafeterias que oferecem terraços agradáveis com
preços acessíveis.

Embora haja muitas ruas com restaurantes agradáveis, uma das principais artérias do bairro é a Rue Huchette.

Localização

Ao sul da Île de la Cité.

Transporte

Metro:Saint-Michel,linha4. RER: Saint-Michel - Notre-Dame, linhas B e C.

Lugares próximos

Île de la Cité (249 m)


Sainte Chapelle (259 m)
Museu Cluny (315 m)
Catedral de Notre Dame (337 m)
Conciergerie (342 m)