Sunteți pe pagina 1din 16

2 | Coach, Roda da Vida ou Roda da Morte?

Meus agradecimentos a você, coach, que tem


como propósito se desenvolver para apoiar o
desenvolvimento de pessoas.
Tália Jaoui
COACH, RODA DA VIDA OU RODA DA MORTE?
Jaoui, Tália

Copyright © 2018 Prof. Tália Jaoui - MVO Serviços Digitais Ltda

Todos os direitos reservados e protegidos pela Lei 9.610 de 19/02/1998.

Nenhuma parte desta publicação poderá ser reproduzida ou transmitida de qualquer modo ou
por qualquer meio, seja este eletrônico, mecânico de fotocópia, sem permissão por escrito da
da autora.

1ª Edição – 01-2018
4 | Coach, Roda da Vida ou Roda da Morte?

QUEM SOU EU ............................................... 05

COACH TAMBÉM TEM INSIGHT ......................... 06

A RODA COMO ELA É ...................................... 07

CERTO? ........................................................ 08

ERRADO! ...................................................... 09

O QUE ACONTECE .......................................... 10

ORIGEM DA RODA DA VIDA ............................. 11

OUTRO APROACH ........................................... 14

DESENVOLVER .............................................. 16
Tália Jaoui | 5

Tália Jaoui é Trainer em Coaching. Já formou mais de 3 mil


coaches no Brasil e é reconhecido e assinado por 6 certificadoras
internacionais.

É Palestrante, inclusive palestrou


por anos consecutivos na HSM
ExpoManagement e no CONARH.

Formada em Executive Coaching


pela Universidade de Cam-
bridge, fundou a DHUMA Trei-
namento & Desenvolvi-mento.

É a idealizadora do Coaching
Intelligence Program.

É Psicóloga Comportamental e
Especialista em Inteligência Emo-
cional.

Também é Autora dos livros “A


Revolução do Coaching”, "Quando!
Quando...Quando?" e co-autora de
mais duas outras obras relacionadas
ao coaching.

Entre seus clientes estão a Pirelli, Avaya, Westcon, Tupperware,


Telefônica, entre outros.

“Acredito que as pessoas podem desenvolver, no momento que


querem, novos comportamentos e habilidades, bem como novas
formas de pensar. O coaching mudou a minha vida e agora eu
apoio a mudança na vida das pessoas, ensinando essa poderosa
metodologia...”
Tália Jaoui
6 | Coach, Roda da Vida ou Roda da Morte?

Se você é coach, parabéns pela coragem de abrir este e-book.


Até nós, os coaches, sabemos como é boa a zona de conforto de
“ter certeza” de que algo funciona.

Fazemos um bom trabalho, ele funciona, então ficamos por aqui


mesmo. Mesmo que às vezes não funcione, sempre achamos que
foi o destino ou o coachee que não estava “preparado”.

Porém, pouco observamos a nós mesmos e aos erros que


incorremos quando não nos desenvolvemos ou quando aceitamos as
coisas simplesmente porque nos ensinaram e até fez sentido.

Sempre fiz parte daquele grupo de coaches que questiona,


pensa, não se contenta e quer melhorar a todo momento.

Foi por isso, que em determinado dia, estava olhando para a Roda
da Vida com aquela cara de: “oi?” que fazemos quando algo não
está muito bem, mas não sabemos exatamente o que é. Daí tive
um insight…

E coach, quando tem um insight…ah, sai de baixo!


Tália Jaoui | 7

A RODA COMO ELA É


Apresento aqui o que descobri neste dia e te digo que dá pra fazer
o seu trabalho MELHOR ainda.

Acredita?

Então vamos lá!

Você conhece a Roda da Vida, ensinada em 10 entre 10 cursos de


coaching. Nas primeiras sessões, quando o coachee parece
confuso sobre o que trabalhar, o indicado é utilizar a Roda.

E se o “nascimento” do processo já está errado, pode levá-lo à


“morte” rapidamente.

A Roda da Vida, geralmente, é ensinada e aplicada assim:

1. Faça um círculo (ou se tiver preguiça, pegue uma folha com o


círculo impresso);

2. Mostre as áreas para o coachee (geralmente são as áreas da


imagem a seguir);

3. Anote no círculo, o índice de satisfação do cliente com aquela


determinada área (geralmente de 1 a 10);

4. Preencha todas as áreas;

5. Peça que o cliente escolha uma para trabalhar/melhorar;

6. Começa uma série de atividades (planos de ação) para que


ele melhore aquela área;

7. Se der tempo, trabalhe mais áreas...


8 | Coach, Roda da Vida ou Roda da Morte?

CERTO?
Ele sai da sessão e tudo vai se encaminhando bem.

Às vezes o coachee sai com tarefas do plano de ação para:

- Career (Carreira);
- Finance (Finanças);
- Health (Saúde),
- Family (Família);
- Friends (Amigos);
- Romance (vida afetiva);
- Spirituality (Espiritualidade) e
- Contribution (Contribuição).

Faz tudo, volta feliz e espera quais palavra o coach vai proferir,
que mostrem o caminho para chegar lá. Certo?
Tália Jaoui | 9

ESTÁ ERRADO!!!!

Geralmente ele volta ainda mais confuso do que veio na sessão


anterior.

Então o coach pede pra ele escolher outra área e assim vai.

Isso quando o cliente não sai com várias áreas a serem


trabalhadas, misturando e confundindo ainda mais a situação.

Isso se dá, porque para ele não foi fornecida outra possibilidade
de trabalho.
10 | Coach, Roda da Vida ou Roda da Morte?

Das duas uma:

- Ou ele desanima, não tem percepção de ganho e desiste;

- Ou o coach trabalha mais algumas sessões totalmente perdido


porque se deixou levar pela maré e não chega a lugar algum.

De qualquer forma, foi indução:

- Pense NESTAS ÁREAS...


O processo de coaching acaba de ser descaracterizado.

Calma, nem tudo está perdido…


Tália Jaoui | 11

Vamos analisar o que o processo de coaching propõe e qual o


motivo da Roda “habitual” estar errada:

Coaching é uma metodologia não indutiva (significa que não


perguntamos aquilo que queremos ouvir como resposta), onde o
coach age como facilitador do processo de pensar do cliente, sem
oferecer conselhos nem direção a seguir.

Só de ler um conceito simples, olho para a Roda e já vem a


pergunta:

Eu não estou induzindo o cliente a pensar em Carreira?

E em Finanças? Saúde? Família? Amigos? Romance? Espiritualidade?


E eu não estou induzindo o cliente a pensar em Contribuição?

RESPOSTA A TODAS AS PERGUNTAS: ESTÁ!!


Fazendo a Roda da forma “tradicional”, você cai na armadilha de
retirar o foco do cliente de onde realmente está a meta. Ele
“esquece” o que precisa trabalhar para se alinhar com o que está
escrito ali. Se já está escrito, então… pra que pensar?
12 | Coach, Roda da Vida ou Roda da Morte?

Curiosidade pertinente:
De onde veio este conceito de Roda da Vida?

Veio da Índia, da Roda de Samsara, que é o inquietante ciclo que


rege nossa existência, reencarnação após reencarnação.

É nascimento, vida, morte e renascimento.

Uma eterna roda de experiências, frequentemente marcada pelo


sofrimento.

A palavra vem da raiz “samsr”, que significa “circular, passar por


diversos estados” para conseguir a “iluminação”.
Tália Jaoui | 13

E realmente, em um momento estamos no “topo” da roda e em


outros afundamos na água.

Tomamos fôlego e voltamos a subir. Ela tem MOVIMENTO.

Na parte de baixo o inferno e na parte de cima o céu.

Da Roda de Samsara derivou a Roda da Vida, com um conceito


bem diferente:

EQUILÍBRIO.
O objetivo é de trazer equilíbrio à vida de quem “preenche” e
assim, a pessoa vê que está em desequilíbrio e aumenta o que está
“baixo”.

Ela é ótima para o propósito ao qual se refere, mas desta forma não
é adequada para as sessões de coaching.

Daí o coach se pergunta:

- Mas o cliente NÃO TEM QUE pensar em todos estes aspectos?

Resposta: NÃO!!

O cliente tem que ser desafiado a abrir “as caixas de


pensamento” que não foram abertas, sem qualquer tipo de palavra
mágica que forneça uma saída. Para isto o coach usa toda a sua
competência como coach.

A Roda não funciona nas sessões, pois estão estampadas áreas


que o cliente pode olhar e não relacionar com a sua vida.

Exemplo: ele lê exatamente a primeira roda colocada neste e-book.


Carreira/finanças/saúde/família/amigos/romance/espiritualidade/co
ntribuição, só que o que ele “precisa trabalhar” é uma super
crença de que “NADA VAI DAR CERTO NA MINHA VIDA”.

Colocando a Roda com os assuntos, a sessão fica antinatural e


você vai ver daqui a pouco o “porque” desta proposta que faço aqui.
14 | Coach, Roda da Vida ou Roda da Morte?

Se o coach colocar nestes termos, vai demorar umas 4 ou 5


sessões para chegar na tal crença limitante.

Lembrando que o processo de coaching é objetivo e DEVE


DIMINUIR o tempo para se chegar a uma meta, chega a ser
incongruente cogitar perder 5 sessões.

Outro ponto muito importante: após as notas, o coach


geralmente pede para escolher uma área para “trabalhar” e
começa a perguntar o que o coachee vai fazer para melhorar.

Engano!
Existe muito a se trabalhar no conceito de “Roda da vida”.

Isto não é otimizar uma ferramenta poderosa!

Mas….. será que tem alguma forma de utilizar a Roda, já que


é uma rica ferramenta, SEM INDUZIR?

RESPOSTA: SIM!!!
Comece assim:

Faça um círculo sem assuntos (como na página seguinte) e peça


que ele preencha com o que ele achar que são os assuntos que
permeiam sua vida.

AGORA é muito mais fácil chegar naquela crença limitante,


pois a mente do seu coachee o levará ao que realmente importa pra
ele.

Não dê opiniões. Lembre-se de que o coach não dá dicas,


pitacos.

Preencha com as notas que ele der para cada área.


Tália Jaoui | 15

Exemplos de áreas que ele pode te dar: qualidade do sono,


criatividade, qualidade da alimentação, memória, etc….

Após este procedimento, peça que ele avalie o círculo como um


todo:
“Quando você olha para esta imagem, qual a conclusão que
você chega, ou, que pensamento te traz?”

Anote tudo. Deixe que ele fale bastante.

O passo seguinte é escolher uma área para trabalhar nas sessões…


e… fazer planos de ação..? Não. Tem mais, muito mais!
16 | Coach, Roda da Vida ou Roda da Morte?


Existe algo muito poderoso para fazer ANTES do que qualquer
plano de ação.

É quando ele realmente terá o insight e tudo fará sentido!

Afinal, quem é o coach, se não um facilitador do processo de


pensar e gerar novas conexões?

Mas para isso, eu quero falar pessoalmente com você!

Preparei um vídeo para você, aqui:

http://cursos.taliajaoui.com.br/evida

Muito obrigada por me acompanhar por este e-book e


venha, estou esperando você Clique na imagem acima
ou acesse:
Clique para Acesso Rápido