Sunteți pe pagina 1din 19

www.pconcursos.

com

COMANDO DA AERONÁUTICA CÓDIGO DA


DEPARTAMENTO DE ENSINO DA AERONÁUTICA PROVA
ESCOLA DE ESPECIALISTAS DE AERONÁUTICA 12
EXAME DE ESCOLARIDADE DO EXAME DE ADMISSÃO AO

CURSO DE FORMAÇÃO DE SARGENTOS – CFS B 1/2008

PROVA DE LÍNGUA PORTUGUESA – MATEMÁTICA – FÍSICA - QUÍMICA

Gabarito Provisório com resolução comentada das questões.

Apostila Sargento
da Aeronáutica

ATENÇÃO, CANDIDATOS!!!

A prova divulgada refere-se ao código 12. Se não for esse o


código de sua prova, observe a numeração e faça a
correspondência, para verificar a resposta correta.

No caso de solicitação de recurso, observar os itens 6.3 das


Instruções Específicas e 9 do Calendário de Eventos (Anexo 2).

O preenchimento dos recursos deverá ser em letra de forma,


digitado ou datilografado.
www.pconcursos.com

RESOLUÇÃO
AS QUESTÕES DE 01 A 30 REFEREM-SE Resposta: D
À LÍNGUA PORTUGUESA O narrador, além de narrar a história, também participa dela
como personagem. Durante sua narrativa, ele faz comentários a
respeito da atitude do mendigo, como ocorre no 5.º parágrafo
MENDIGO (“... aliás, com invulgar pertinência para um mendigo”). O
Paulo Mendes Campos personagem principal da narrativa não é o narrador, e sim o
mendigo, pois em torno deste giram as ações e os comentários
Eu estava diante de uma banca de jornais na Avenida, feitos pelo narrador.
quando a mão do mendigo se estendeu. Dei-lhe uma nota tão suja
e tão amassada quanto ele. Guardou-a no bolso, agradeceu com
um seco obrigado e começou a ler as manchetes dos vespertinos. 02 - Qual das alternativas apresenta uma característica que não
Depois me disse: pode ser associada ao mendigo?
– Não acredito um pingo em jornalistas. São muito a) sinceridade
mentirosos. Mas tá certo: mentem para ganhar a vida. O b) esclarecimento
importante é o homem ganhar a vida, o resto é besteira. c) ingenuidade
Calou-se e continuou a ler as notícias eleitorais: d) autenticidade
– O Brasil ainda não teve um governo que prestasse.
Nem rei, nem presidente. Tudo uma cambada só. RESOLUÇÃO
Reconheceu algumas qualidades nessa ou naquela figura Resposta: C
(aliás, com invulgar pertinência para um mendigo), mas isso, a Há no texto a comprovação de que o mendigo é sincero,
seu ver, não queria dizer nada: esclarecido e autêntico, pois ele expressa suas opiniões sem
– O problema é o fundo da coisa: o caso é que o homem constrangimento e ainda se autodefine “vagabundo” quando
não presta. Ora, se o homem não presta, todos os futuros afirma que não trabalha porque não quer. Mostra-se bastante
presidentes também serão ruínas. A natureza humana é que é de atualizado quando discute e argumenta as manchetes dos jornais.
barro ordinário. Meu pai, por exemplo, foi um homem bastante A única característica que não se encaixa em seu perfil é a
bom. Mas não deu certo ser bom durante muito tempo: então ele ingenuidade.
virou ruim.
Suspeitando de que eu não estivesse convencido da sua 03 - Assinale a alternativa que apresenta a mesma idéia contida
teoria, passou a demonstrar para mim que também ele era um no seguinte trecho: “Meu pai, por exemplo, foi um homem
sujeito ordinário como os outros: bastante bom. Mas não deu certo ser bom durante muito tempo:
– O senhor não vê? Estou aqui pedindo esmola, quando então ele virou ruim.”
poderia estar trabalhando. Eu não tenho defeito físico nenhum e
até que não posso me queixar da saúde. a) “Não sou nada.
Tirei do bolso uma nota de cinqüenta e lhe ofereci pela Nunca serei nada.
sua franqueza. Não posso querer ser nada.”
– Muito obrigado, moço, mas não vá pensar que eu vou b) “O homem, que, nesta terra miserável,
tirar o senhor da minha teoria. Vai me desculpar, mas o senhor mora, entre feras, sente inevitável
também no fundo é igualzinho aos outros. Aliás, quer saber de necessidade de também ser fera.”
uma coisa? Houve um homem de fato bom, cem por cento bom.
c) “Um galo sozinho não tece uma manhã;
Chamava-se Jesus Cristo. Mas o senhor viu o que fizeram com
ele precisará sempre de outros galos.”
ele?!
d) “Como dois e dois são quatro
Vocabulário sei que a vida vale a pena
vespertino: jornal que se publica à tarde ou à noite embora o pão seja caro
invulgar: que não é vulgar; raro e a liberdade pequena.”
pertinência: adequação
RESOLUÇÃO
Resposta: B
As questões de 01 a 04 referem-se ao texto acima. trechoPercebe-se que a idéia contida em B é a mesma presente no
citado: a de que o homem é bom, mas a vida em sociedade o
obriga a corromper seu caráter. As outras alternativas apresentam
idéias que não têm associação nenhuma com o trecho.
01 - Assinale a alternativa correta quanto ao que se afirma sobre
o narrador.
04 - “Tirei do bolso uma nota de cinqüenta e lhe ofereci pela
a) Ele é apenas um observador dos fatos, que não se envolve sua franqueza.”
nem tece comentários a respeito do que vê. Com relação a essa atitude do narrador, pode-se afirmar que o
b) Ele é o personagem principal da história, pois todas as ações mendigo
e todos os comentários giram em torno dele.
c) Ele é o foco da atenção e da observação da narrativa, uma vez a) passa a admirá-lo pelo gesto solidário.
que há a presença dos pronomes de 1.ª pessoa “eu”, “me” e b) começa a enxergá-lo como um ser menos nocivo à
“mim”. sociedade.
d) Ele é um narrador-personagem, que não só testemunha os c) não o vê melhor do que antes, apesar da doação.
fatos, mas também os vivencia e faz comentários sobre eles. d) se coloca inferior ao narrador ao receber tamanha quantia.

Página 3
www.pconcursos.com

RESOLUÇÃO 07 - Leia as frases abaixo e, a seguir, responda em quais delas os


Resposta: C termos destacados classificam-se como complemento nominal.
Depois da atitude do narrador, o mendigo não passa a vê-lo
1. O pagamento pelo trabalho foi proporcional ao nosso
como alguém melhor, nem passa a admirá-lo. Também não se
empenho.
coloca inferior a ele, mas sim como um igual. O mendigo
agradece-lhe, mas deixa claro a ele que tal gesto não iria fazer 2. A necessidade de amor impedia seu sucesso.
com que ele fosse excluído da sua teoria de que o ser humano não 3. As brincadeiras das crianças alegravam todo o bairro.
presta; ao contrário, diz que ele é igual aos outros homens. Isso se 4. Os militares daquele Destacamento eram pessoas de
comprova no trecho: “ – Muito obrigado, moço, mas não vá confiança.
pensar que eu vou tirar o senhor da minha teoria. Vai me a) 1e2
desculpar, mas o senhor no fundo é igualzinho aos outros.” b) 2e3
c) 3e4
d) 1e4

05 - Assinale a alternativa correta quanto à concordância nominal. RESOLUÇÃO


Resposta: A
a) Os idosos precisam de pessoas que o ajudem a enfrentar seus Os complementos nominais são exigidos pela transitividade
problemas. do nome (substantivo, adjetivo e advérbio) a que se ligam,
b) São pequenas atitudes que tornam grandes o bem-estar das introduzidos por preposição. Em 1, “ao nosso empenho” é
crianças. complemento nominal do adjetivo “proporcional” e, em 2, “de
c) É necessário a criação de projetos que visem à qualidade de amor” é complemento nominal do substantivo “necessidade”.
vida da população carente. O adjunto adnominal é o termo de valor adjetivo que serve
d) Bastantes providências já foram tomadas a fim de amenizar o para especificar ou delimitar o significado de um substantivo,
problema das enchentes na cidade. qualquer que seja a função deste. Em 3, “das
RESOLUÇÃO crianças” (= infantis) especifica o substantivo “brincadeiras”; em
Resposta: D 4, “de confiança” (= confiáveis) delimita o substantivo “pessoas”.
A palavra “bastante” pode atuar como advérbio ou como
adjetivo. Quando atua como adjetivo, é variável e faz a
concordância com o substantivo que ela acompanha, como ocorre
em D: “Bastantes providências”.
Em A, há erro de concordância na utilização do pronome
objeto “O” (singular = ele); o correto, no período, seria o emprego
de “OS” (que corresponde a eles = os idosos). Em B, o emprego
08 - O acento indicador de crase foi empregado
incorretamente em:
do adjetivo “grandes” no plural está inadequado; deveria estar no
singular, uma vez que se refere ao substantivo “bem-estar”, que se a) “Quando Ismália enlouqueceu, pôs-se na torre à sonhar...”
encontra no singular. Em C, o erro encontra-se na expressão “é b) “Às vezes sobe os ramos das árvores e de lá chama a virgem
necessário”. Essa expressão fica invariável se acompanhada de pelo nome.”
substantivo que imprime idéia genérica; mas, havendo c) “Às onze horas da noite, o comandante recolhera-se num
determinação do substantivo (com artigos, pronomes e numerais beliche de passageiro.”
adjetivos), o adjetivo com ele concordará. Sendo assim, a d) “Mas o homem não permitia que ele abandonasse o trabalho
concordância correta da frase deveria ser: “É necessária a e se dirigisse àquele sítio.”
criação...”
RESOLUÇÃO
Resposta: A
06 - Relacione os pares de locuções adjetivas com seus Não ocorre crase diante de palavras que não podem ser
respectivos significados e depois assinale a alternativa com a precedidas de artigo feminino, como é o caso dos verbos.
seqüência correta.
I. (1) água sem sabor ( ) inodora
(2) água sem odor ( ) insípida
09 - A regência nominal está incorreta em:
II. (1) águas da chuva ( ) pluviais
(2) águas do rio ( ) fluviais a) Minha admiração por ele é muito grande.
b) Mário de Andrade é contemporâneo de Santos Dumont.
a) 1, 2; 2, 1 c) Sou-lhe grato por tudo que você fez por mim.
b) 2, 1; 1, 2 d) Ela estava acostumada por jóias caras.
c) 1, 2; 1, 2
d) 2, 1; 2, 1 RESOLUÇÃO
Resposta: D
RESOLUÇÃO O adjetivo “acostumada” rege as preposições “a”, “com”;
Resposta: B não rege a preposição “por”: Ela estava acostumada a/com jóias
Locução adjetiva é o conjunto de duas ou mais palavras com caras.
valor de adjetivo. A seqüência que faz a correta correspondência Nas demais orações, as preposições regidas pelos nomes
entre as locuções adjetivas e seus significados é a da letra B. “admiração”, “contemporâneo” e “grato” estão corretas.

Página 4
www.pconcursos.com

10 - No texto “Não há ali nada grandioso nem sublime, mas há RESOLUÇÃO


uma como simetria de cores, de sons, de disposição em tudo Resposta: B
quanto se vê e se sente. As paixões más, os pensamentos As orações “portanto irei bem na prova.” e “pegue, pois, sua
mesquinhos, os pesares e as vilezas da vida não podem senão sombrinha.” classificam-se como conclusivas, porque expressam
fugir para longe.”, as palavras destacadas classificam-se, conclusão lógica obtida a partir dos fatos expressos,
respectivamente, como monossílabos respectivamente, nas orações anteriores: “Estudei bastante” e
“Está chovendo”. As conjunções “portanto” e “pois”
a) tônico, átono, átono.
estabelecem essa relação de conclusão.
b) tônico, tônico, tônico.
c) átono, tônico, tônico.
d) átono, átono, átono.
RESOLUÇÃO
Resposta: C 14 - Assinale a alternativa em que não há erro quanto ao uso da
Classificam-se como monossílabos tônicos aqueles que têm vírgula.
autonomia fonética, isto é, são proferidos fortemente na frase em
que aparecem: “vê” (verbo), “más” (adjetivo). E átonos aqueles a) Meu Deus, o que está acontecendo com os homens?
que não têm autonomia fonética, ou seja, são proferidos b) O site traz, imagens de satélite em movimento.
fracamente, como se fossem sílabas átonas do vocábulo em que se c) Eu na época da adolescência, não passei por crises de
apóiam: “mas” (conjunção coordenativa adversativa). identidade.
d) Durante a madrugada quando, todos estão dormindo, assisto
a filmes na TV.

11 - Em qual das alternativas, o predicativo se refere ao objeto?RESOLUÇÃO


Resposta: A
a) Virou uma famosa artista aquela garota. A alternativa A está correta, pois o vocativo deve estar
b) Julguei aceitável a explicação do candidato. sempre separado por vírgulas, qualquer que seja sua posição na
c) Aos primeiros raios do sol, o campo parecia uma nuvem frase. O vocativo “Meu Deus”, que se encontra no início da
macia. frase, vem seguido de vírgula.
d) Os acertadores da loteria ficaram riquíssimos. Na alternativa B, a vírgula está empregada incorretamente,
RESOLUÇÃO pois não se deve separar o verbo da oração de seu complemento.
Resposta: B Em C, o emprego está incorreto, pois, quando o adjunto
“A explicação do candidato” classifica-se como objeto direto adverbial está intercalado, deve vir separado por vírgulas: “Eu,
do verbo “julgar” (verbo transitivo direto, no sentido de supor, na época da adolescência, não passei por crises de identidade.”
imaginar), e “aceitável” é predicativo desse objeto: “Julguei a Em D, o emprego também está incorreto, pois o uso da vírgula é
explicação do candidato; ela era aceitável”. obrigatório quando a oração subordinada adverbial está intercalada ou
anteposta à oração principal:“Durante a madrugada, quando todos
estão dormindo, assisto a filmes na TV.”
12 - Assinale a alternativa em que a forma plural do substantivo
está correta.
a) o cidadão - os cidadões
b) o pé-de-cabra - os pés-de-cabras
15 - Assinale a alternativa em que a palavra em destaque está
empregada no sentido conotativo.
c) o tico-tico - os tico-tico
d) o troféu - os troféus a) “No mar, tanta tormenta e dano,
tantas vezes a morte apercebida.”
RESOLUÇÃO
Resposta: D b) Do mar de meus afetos, ofereci-lhe os mais belos frutos.
A forma plural do substantivo “troféu” faz-se apenas com o c) As águas do mar foram invadidas pelo óleo do navio que
acréscimo de S no final da palavra. A forma plural dos demais passou pela Baía da Guanabara.
substantivos é a seguinte: os cidadãos, os pés-de-cabra e os tico- d) O velho pescador enfrentou sozinho todos os perigos do mar.
ticos. RESOLUÇÃO
Resposta: B
13 - Assinale a alternativa em cujo grupo há orações está Em B, a palavra “mar”, na expressão “mar de meus afetos”,
empregada no sentido conotativo, propriedade que possui
coordenadas sindéticas conclusivas.
uma palavra de ampliar-se no seu campo semântico, dentro de
a) 1. Ora se ouviam gritos, ora se ouviam risadas naquele lugar. um contexto, tendo outros significados. Nesse caso, “mar” sugere
2. Ou você estuda, ou assiste ao programa de televisão. grandiosidade, infinitude.
b) 1. Estudei bastante, portanto irei bem na prova. Nas demais alternativas, a palavra “mar” foi empregada no
2. Está chovendo; pegue, pois, sua sombrinha. sentido denotativo, que é a propriedade da palavra de limitar-se a
seu primeiro significado, aquele imediatamente sugerido pelo
c) 1. Ouço a música, porém não gosto dela. significante: massa de águas salgadas do globo terrestre, oceano.
2. A opinião de José estava correta, todavia ninguém a aceitava.
d) 1. Não maltrate os animais, pois são nossos amigos.
2. Vou sair, que aqui está muito abafado.

Página 5
16 - Coloque C (certo) ou E (errado) para a classificação das 19 – I – Aquela é Juliana.
orações subordinadas substantivas destacadas. A seguir, assinale a II – Fui apaixonado por Juliana.
alternativa com a seqüência correta.
Se juntarmos as duas orações, empregando o pronome relativo, a
I. ( ) O historiador convenceu as autoridades de que nossas construção correta do período é:
escolas precisam de melhorias. – completiva nominal
II. ( ) Tínhamos dúvidas de que daria certo o acampamento a) Aquela é Juliana, por quem fui apaixonado.
naquele lugar. – objetiva indireta b) Aquela é Juliana, que fui apaixonado por ela.
III. ( ) Nossa esperança é que a violência acabe. – predicativa c) Aquela é Juliana, a qual fui apaixonado por ela.
IV. ( ) A população espera que os políticos olhem com respeito d) Aquela é Juliana, por cuja fui apaixonado.
para ela. – objetiva direta RESOLUÇÃO
a) C, E, C, C Resposta: A
b) C, C, E, E Como o antecedente a quem se refere o pronome é uma
c) E, C, C, E pessoa (Juliana), o único relativo correto para a formação do
d) E, E, C, C período é quem, usado apenas para pessoas. Ele está antecedido
da preposição por exigida pelo adjetivo apaixonado (apaixonado
RESOLUÇÃO por alguma coisa ou por alguém).
Resposta: D
Em I, a oração em destaque é objetiva indireta, pois funciona 20 - Observe:
como objeto indireto (com preposição de) do verbo transitivo
direto e indireto “convencer”; em II, é completiva nominal, pois “Eu podia mesmo contar-lhe agora a minha vida inteira, pois
funciona como complemento nominal (regido por preposição de) nela existem várias experiências interessantes, mas para isso
do substantivo “dúvidas”. seria preciso tempo, e eu não o tenho.”
A classificação das demais está correta. Em III, a oração em Os termos grifados classificam-se, respectivamente, como
destaque funciona como predicativo do sujeito da oração principal
“Nossa esperança é”; e em IV, como objeto direto do verbo a) objeto direto, sujeito, objeto direto.
transitivo direto “esperar”. b) objeto indireto, sujeito, objeto indireto.
c) objeto indireto, objeto direto, sujeito.
17 - Em d) objeto direto, objeto indireto, sujeito.
“No verde à beira das estradas, RESOLUÇÃO
maliciosas em tentação, Resposta: C
riem amoras orvalhadas.” Na frase, o verbo “contar” (no sentido de narrar, relatar) é
ocorre, na expressão em destaque, a figura de linguagem denominada transitivo direto e indireto (contar algo a alguém), isto é, pede
dois objetos: um direto, sem preposição (“a minha vida inteira”),
a) antítese.
e um indireto, com preposição (“lhe” – pronome objeto referente
b) hipérbole.
a “a ele”).
c) prosopopéia.
O termo “várias experiências interessantes” é sujeito do
d) eufemismo.
verbo “existem”.
RESOLUÇÃO
Resposta: C 21 - Assinale a alternativa que apresenta discurso indireto livre.
No verso “Riem amoras orvalhadas” há uma prosopopéia (ou a) Então o rapaz pergunta a seu amigo se não haveria uma
personificação), pois atribui-se às “amoras” uma atitude tipicamente pessoa doente lá em cima.
humana: o riso. A prosopopéia ocorre quando são atribuídos b) O delegado estava indeciso quanto à autoria do ato
sentimentos e qualidades de seres animados a seres inanimados. criminoso. A quem interessaria o crime?
18 - Foram formadas pelo mesmo processo de formação as c) Ela comentou que uma vez foi lá um homem do governo e
seguintes palavras: exigiu a desmontagem das barracas.
d) “Nada será retirado daqui!” – esbravejou a mulher, muito
a) crueldade, embarcar, sambódromo nervosa.
b) felizmente, peixe-espada, petróleo
c) seminu, pneu, cata-vento RESOLUÇÃO
d) quinta-feira, passatempo, pára-quedas Resposta: B
Discurso indireto livre é a forma de expressão que, em
RESOLUÇÃO vez de apresentar o personagem em sua voz própria (discurso
Resposta: D direto, como ocorre em D), ou de informar objetivamente o
Todas as palavras da alternativa D são compostas por leitor sobre o que ele teria dito (discurso indireto, como ocorre
justaposição, pois os elementos que as formam são simplesmente em A e em C), aproxima narrador e personagem, dando-nos a
colocados lado a lado (justapostos) e não sofrem nenhuma impressão de que passam a falar em uníssono. Nesse tipo de
alteração fonética. discurso, o pensamento da personagem se confunde com a
Em A: crueldade: derivação sufixal; embarcar: derivação própria linguagem do narrador. Não se usam os verbos dicendi
parassintética; sambódromo: hibridismo. (dizer, falar, perguntar, etc.) nem conectivos (que, se, por que,
Em B: felizmente: derivação sufixal; peixe-espada: etc.). O discurso indireto livre conserva as interrogações, as
composição por justaposição; petróleo: composição por exclamações, as palavras e as frases do personagem na forma
aglutinação. por que teriam sido realmente proferidas. Em B, percebe-se
Em C: seminu: derivação prefixal; pneu: abreviação; cata- esse tipo de discurso na frase interrogativa “A quem
vento: composição por justaposição. interessaria o crime?”.
Página 6
22 - Classifica-se como subordinada adverbial temporal a oração RESOLUÇÃO
destacada na alternativa: Resposta: A
a) Já que você faz questão de resolver o problema sozinho, O verbo “aspirar”, no sentido de “desejar muito”, “almejar”, é
respeitarei sua vontade. transitivo indireto e rege a preposição “a” (aspiram à aprovação); o
b) Amanhã à noite, irei contigo à festa, desde que não me verbo “visar”, com sentido de “pôr visto”, “assinar”, é transitivo
deixes sozinho com aquelas pessoas. direto, não exige preposição (“visou a minha documentação”); e o
c) Francisco, quando estava retornando do trabalho, verbo “implicar”, no sentido de “acarretar”, também é transitivo
percebeu que alguém o observava. direto (“implicam a falência”).
d) Choveu tanto que tivemos de adiar nossa ida à praia.
25 - Indique a alternativa em que os termos preenchem,
RESOLUÇÃO correta e respectivamente, os espaços do período abaixo.
Resposta: C
Em C, a oração “quando estava retornando do trabalho” “Minha ansiedade aumentava __________ eu ia me
expressa circunstância de tempo em relação à oração principal, aproximando do local ________ nos encontraríamos,
reforçada pelo emprego da conjunção subordinativa temporal _______ aquele homem desconhecido poderia me colocar
“quando”. ___________ de tudo que estava acontecendo.”
Em A, a oração subordinada “Já que você faz questão de a) à medida que, onde, porque, a par
resolver o problema sozinho” exprime a causa do que se declara b) à medida que, aonde, por que, a par
na oração principal; em B, a oração “desde que não me deixes c) na medida em que, onde, porque, ao par
sozinho com aquelas pessoas” exprime condição; em D, “que d) na medida em que, aonde, por que, ao par
tivemos de adiar nossa ida à praia” expressa idéia de
conseqüência. RESOLUÇÃO
Resposta: A
À medida que indica proporção, desenvolvimento gradual:
23 - Assinale a alternativa em que a acentuação do verbo em (“Minha ansiedade aumentava à medida que [à proporção que] eu
destaque está empregada corretamente. ia me aproximando do local.”).
a) O motorista prudente sempre mantêm distância do veículo Onde indica o lugar em que se está ou em que se passa
que está à sua frente. algum fato. Usa-se com qualquer tipo de verbo, menos com os
b) O homem que têm educação nunca perde a compostura. que indicam movimento e deslocamento: “... do local onde nos
c) Nossos alunos sempre obtém boas notas nos vestibulares. encontraríamos...”.
d) Ele não vê as pessoas que o cercam. A forma porque é uma conjunção e equivale a pois, já
que, uma vez que (“... porque [pois] aquele homem
RESOLUÇÃO
desconhecido poderia me colocar a par...”).
Resposta: D
A par tem o sentido de “bem-informado”, “ciente”: “... aquele
O verbo ver segue a regra dos monossílabos tônicos
homem ia me colocar a par [deixar ciente] de tudo que estava
terminados em –e: “Ele não vê as pessoas que o cercam”.
acontecendo.”.
No verbo ter (alternativa B), o que diferencia a terceira pessoa
do singular da terceira pessoa do plural é o acento circunflexo: ele
tem / eles têm: “O homem que tem educação nunca perde a 26 - Indique a alternativa em que a concordância verbal está correta.
compostura.” (o sujeito está na terceira pessoa do singular.).
Os derivados do verbo “ter” (manter e obter) recebem acento a) Aluga-se automóveis naquela agência de turismo.
agudo na terceira pessoa do singular e circunflexo na terceira pessoa b) Mariana ou Simone casarão com Gabriel.
do plural do presente do indicativo: ele mantém / eles mantêm c) Os Estados Unidos se recusou a fazer qualquer acordo que
(alternativa A): “O motorista prudente sempre mantém distância do comprometa sua economia.
veículo que está à sua frente.” (o sujeito está na terceira pessoa do d) Uma alimentação balanceada e a redução de alimentos
singular); ele obtém / eles obtêm (alternativa C): “Nossos alunos gordurosos ajudarão no funcionamento do organismo.
sempre obtêm boas notas nos vestibulares.” (o sujeito está na RESOLUÇÃO
terceira pessoa do plural). Resposta: D
A alternativa D está correta, pois segue a regra básica de
24 - Substitua os verbos destacados pelos verbos entre parênteses, concordância verbal: quando o sujeito é composto e anteposto ao
fazendo as modificações necessárias quanto à regência. verbo, a concordância se faz no plural: “Uma alimentação
balanceada e a redução de alimentos gordurosos ajudarão no
I. Todos os candidatos desejam a aprovação no concurso. funcionamento do organismo.”
(aspirar) Em A, a concordância está incorreta, pois, quando há verbo
II. O atendente assinou a minha documentação rapidamente. transitivo direto + se (partícula apassivadora) + sujeito paciente,
(visar) o verbo concorda normalmente com o sujeito: “Alugam-se
III. Tanta corrupção e desperdício acarretam a falência da automóveis naquela agência de turismo.” (automóveis são
empresa. (implicar) alugados).
Assinale a alternativa que indica a correta regência verbal, Em B, a concordância não está correta, porque entre os
conforme a norma culta. sujeitos aparece a conjunção ou e há idéia de exclusão entre eles:
“Mariana ou Simone casará com Gabriel.”.
a) aspiram à, visou a, implicam a Em C, a presença do artigo “os” antecedendo o núcleo do
b) aspiram a, visou a, implicam a sujeito obriga que o verbo seja empregado no plural: “Os Estados
c) aspiram a, visou à, implicam na Unidos se recusaram...”.
d) aspiram à, visou à, implicam na

Página 7
27 - O agente da passiva está presente em: RESOLUÇÃO
a) A obra “Lira dos vinte anos” foi preparada por Álvares de Resposta: A
Azevedo. Aposto é o termo que esclarece, explica, desenvolve ou
b) “O navio negreiro” é um dos mais belos poemas da literatura resume outro. Em A: “o poeta da solidão” (Álvares de Azevedo).
brasileira. Vocativo é o termo que, na oração, serve para pôr em evidência o
c) A Cavalaria de São Benedito passou por toda a cidade. ser a quem nos dirigimos, sem manter relação sintática com
d) Muitos historiadores consideram o Naturalismo um Realismo outro. Em A: “prezado leitor”.
avançado. Em B, há apenas vocativo: “Meu Deus! Meu Deus!”, assim
como em C: “seus briguentos, seus maldosos”. Em D, há apenas
RESOLUÇÃO aposto: “dois países sul-americanos”.
Resposta: A
Agente da passiva é o complemento de um verbo na voz
passiva (“foi preparada”). Representa o “ser” que pratica a ação
expressa na voz ativa (“preparou”) e vem regido geralmente pela
preposição “por” na voz passiva: A obra “Lira dos vinte anos” foi
preparada por Álvares de Azevedo. (Álvares de Azevedo
preparou a obra “Lira dos vinte anos”.)

28 - Assinale a série correta quanto ao verbo destacado em:


“Tinham nas faces o branco das areias que bordam o mar, e nos
olhos o azul triste das águas profundas.”.
a) regular – presente do indicativo
b) irregular – pretérito imperfeito do indicativo
c) regular – presente do subjuntivo
d) irregular – pretérito imperfeito do subjuntivo
RESOLUÇÃO
Resposta: B
Irregulares são os verbos que sofrem modificação no radical
ou os que têm a desinência diferente daquela apresentada pelo
verbo paradigma.
O verbo “ter” é, portanto, irregular, pois sofre modificação no
radical: tenho, tinha, tive, terei. E está conjugado no pretérito
imperfeito do indicativo, porque designa um fato passado, mas
não concluído (imperfeito = não perfeito, inacabado).

29 - Assinale a alternativa em que o verbo está na voz passiva


sintética.
a) Os marinheiros viram a lua no céu e no mar.
b) As estrelas desabrocham nos faustosos brocados do
firmamento.
c) O culto à forma perfeita foi praticado pelos parnasianos.
d) Organizou-se o campeonato, e a cidade ficou bastante
movimentada.
RESOLUÇÃO
Resposta: D
Na voz passiva, o sujeito é paciente, isto é, ele recebe, sofre a
ação expressa pelo verbo. Em D, a voz passiva é sintética, pois
está formada pelo verbo transitivo direto “organizar” na terceira
pessoa do singular + o pronome apassivador SE: “Organizou-se o
campeonato” = “O campeonato foi organizado”.

30 - Assinale a frase em que há aposto e vocativo.


a) Álvares de Azevedo, o poeta da solidão, destacou-se, prezado
leitor, como legítimo representante do Romantismo.
b) “Meu Deus! Meu Deus! mas que bandeira é esta, que
impunemente na gávea tripudia?!”
c) “Voltem para suas casas, seus briguentos, seus maldosos! O
castigo tarda, mas não falha!”
d) A Bolívia e o Paraguai, dois países sul-americanos, não são
banhados pelo mar.

Página 8
AS QUESTÕES DE 31 A 60 REFEREM-SE RESOLUÇÃO
Resposta: A
À MATEMÁTICA
x y 1
0 3 1  0  3x  y  3  5x  0   2x + y – 3 = 0
31 – A área do triângulo cujos vértices são os pontos A, B e C é, 1 5 1
em unidades de área, B
3
a) 4. 2 Assim, a =  2, b = 1 e c =  3. Logo, a  2 .
c 3
b) 3. C
1
c) 2.
4
a
d) 1. 35 – Sejam as matrizes A b
-1 A 1
 e B    . Se A . B é
2

RESOLUÇÃO  2 1  2 
Resposta: B uma matriz nula 2 x 1, então a + b é
As coordenadas dos vértices do triângulo são (0, -1), (1, 3) e (2, 1). a) –1.
1 0 1 1 1 1
b) 0.
SABC  1 3 1  . 0 1  2  6 1  0   6 = 3 c) 1.
2 2 2 d) 2.
2 1 1
RESOLUÇÃO
Resposta: A
32 – Se Am,n é o arranjo dos m elementos de um conjunto X, 4 a b 0  4b  2a 0
tomados n a n, o valor de Am,n, para m = 7 e n = 3, é              
  2 1  2   0   2b  2   0
a) 210.
2b – 2 = 0  b = 1 e 4b + 2a = 0  a = –2
b) 105.
Logo, a + b = –2 + 1 = –1
c) 90.
d) 45.
RESOLUÇÃO
Resposta: A
36 – Considere os gráficos.
7! 7.6.5.4!
A7,3 =   210
(7  3)! 4!

33 – O triângulo cujos lados medem 6 cm, 7 cm e 10 cm é


classificado como Função I Função II Função III
a) equilátero e retângulo.
b) escaleno e acutângulo. É(são) injetora(s) a(s) função(ões)
c) isósceles e acutângulo. a) I e III, apenas.
d) escaleno e obtusângulo. b) III, apenas.
c) I, apenas.
RESOLUÇÃO
d) I, II e III.
Resposta: D
O triângulo é escaleno pois 6  7  10. RESOLUÇÃO
Como 102 > 62 + 72, o triângulo é obtusângulo. Resposta: B
Assim, o triângulo é escaleno e obtusângulo.
Uma função é injetora se para x1  x2 tem-se f(x1)  f(x2).

34 – A equação geral da reta que passa por P(0, 3) e Q(1, 5) é y1


a y2
representada por ax + by + c = 0. Assim, o valor de é
c x1 x2 x3 x4

2
a) . Função I Função II Função III
3
3 No gráfico da função I, x1  x2, mas f(x1) = f(x2) = y1; e no
b) . gráfico da função II, x3  x4, mas f(x3) = f(x4) = y2. Assim, as
4 funções I e II não são injetoras.
1 No gráfico da função III não há valores diferentes de x para
c)  .
5 os quais suas imagens sejam iguais. Logo, apenas a função III é
5 injetora.
d)  .
6

Página 9
37 – Uma urna contém 3 bolas verdes e 4 amarelas. Ao retirar, RESOLUÇÃO
sem reposição, duas bolas, a probabilidade delas serem amarelas é Resposta: D
a) 2/7. a) INCORRETA, pois qualquer prisma, reto ou não, regular
b) 3/7. ou não, tem bases paralelas.
c) 4/7. b) INCORRETA, pois em qualquer prisma, reto ou não,
d) 6/7. regular ou não, as bases têm a mesma área.
c) INCORRETA, pois para o prisma reto ser regular não
RESOLUÇÃO basta que em suas bases sejam congruentes apenas as arestas,
Resposta: A mas também os ângulos.
Inicialmente, tem-se um total de 7 bolas. Logo, a d) CORRETA, pois a condição necessária para que um
probabilidade da 1ª bola retirada ser amarela é 4/7. prisma reto seja considerado regular é que suas bases sejam
Se não há reposição de bolas, tem-se agora um total de 6 bolas e 3 polígonos regulares.
bolas amarelas. Logo, a probabilidade da 2ª bola ser amarela é 3/6.
Então, a probabilidade das duas bolas serem amarelas é
P a = 4/7. 3/6 = 2/7. 42 – A revista Época publicou, em janeiro de 2000, os
resultados de uma pesquisa por ela realizada em setembro de
1999. Cada participante indicava o nome de uma personalidade
38 – Comparando-se tg 20°, tg 110° e tg 200°, obtém-se mundialmente conhecida, do século XX, da qual ele mais se
a) tg 20° = tg 200° > tg 110°. lembrava. O gráfico a seguir traz o percentual de pessoas que
b) tg 20° = tg 110° < tg 200°. indicaram cada uma dessas personalidades.
c) tg 20° < tg 110° < tg 200°.
d) tg 200° < tg 20° < tg 110°. Ayrton Senna 25,5%
Albert Einstein 16,3%

RESOLUÇÃO Adolf Hitler 15,4%


Resposta: A Xuxa 8,8%
20º  1º Q => tg 20º >0. Mahatma Gandhi 7,2%
20º e 200° são simétricos em relação à origem do sistema Albert Sabin 6,3%
cartesiano. Papa Jõao Paulo II 6,3%
Então, tg 20° = tg 200°.
Outros 14,2%
110°  2° Q => tg 110° < 0.
Logo, tg 20° = tg 200° > tg 110°.
Sabendo que participaram dessa pesquisa 60 mil pessoas,
Ayrton Senna foi indicado por pessoas.
39 – Dado x  , para que o número z = ( 2 – xi )( x + 2i )
seja real, o valor de x pode ser a) 12 800
b) 15 300
a) 4. c) 16 900
b) 0. d) 18 600
c) –1.
d) –2. RESOLUÇÃO
Resposta: B
RESOLUÇÃO Por regra de três simples, tem-se:
Resposta: D
z = ( 2 – xi )( x + 2i ) = 2x + 4i – x2i + 2x  z = 4x + (4 – x2)i 60000 ------ 100% 25,5 60000
Para que z seja real, Im(z) = 0; então 4 – x2 = 0, isto é, x =  2. x ---------- 25,5%  x  100
 x  15 300
Assim, o valor de x pode ser – 2.
43 – Em , o conjunto solução da equação x  2  2x 1 é
40 – O módulo do complexo z = – 3 + 4i é formado por
a) 3.
b) 4. a) dois elementos, sendo um negativo e um nulo.
c) 5. b) dois elementos, sendo um positivo e um nulo.
d) 6. c) somente um elemento, que é positivo.
d) apenas um elemento, que é negativo.
RESOLUÇÃO
Resposta: C RESOLUÇÃO
Se z = –3 + 4i, então a = – 3 e b = 4. Resposta: C
1
z  a 2  b 2  2 2
(3)  4  5 Condição: 2x  1  0, isto é, x   .
2
x  2  2x 1  x  2  2x 1 ou x  2  2x 1
41 – Um prisma reto é regular quando suas bases 1
Assim, x   3 ou x  .
a) são paralelas. 3
b) têm a mesma área. Como o número –3 não satisfaz a condição inicial, conclui-
c) têm arestas congruentes. se que o conjunto solução da equação é formado por somente
d) são polígonos regulares. um elemento, que é positivo.

Página 10
44 – Num triângulo ABC, são dados   45, B̂  30 e RESOLUÇÃO
AC = 6 cm. Então BC = cm. Resposta: D
a
a) 4 3  R    30
a
l  2 
b) 6 2 180 180 12
c) 3/2
d) 2/2
RESOLUÇÃO 48 – Se (r) x + 6y – 2 = 0 e (s) 8x + (t – 1) y – 2 = 0 são duas
Resposta: B retas paralelas, então t é múltiplo de
Pela Lei dos Senos, temos:
C a) 3.
x 6
x   b) 5.
6 sen 45 sen 30  c) 7.
x 6
45° 30°   x  6 2 d) 9.
A B 2 1
RESOLUÇÃO
2 2 Resposta: C
45 – Considere duas esferas: a primeira com 16π cm2 de área, e a 1
Os coeficientes angulares das retas são: mr  e
segunda com raio igual a 5/2 do raio da primeira. A área da 6
segunda esfera, em cm2, é 8
ms  
a) 100 π. .
t 1
b) 50 π. Se r e s são paralelas, então mr = ms.
40 π. 1
c) Logo:    8  t – 1 = 48  t = 49 (múltiplo de 7)
d) 20 π. 6 t 1
RESOLUÇÃO
Resposta: A
Primeira esfera  S = 4 π r2 = 16 π cm2  r = 2 cm 49
5 5 – No paralelogramo ABCD, AD = DE. A medida de DÊA é
Segunda esfera  R = r = . 2  R = 5 cm A
2 2 a) 50°. B
S’ = 4 π R2  4 π 52  S’ = 100 π cm2 b) 55°. 50°
c) 60°.
 2y  1 2x  y  1
46 – Se ax
 e  são sistemas equivalentes, d) 65°.
D
3x  by 3 x  y  4 RESOLUÇÃO
E C
Resposta: D
então o valor de a + b é Num paralelogramo, ângulos opostos são congruentes.
a) 11. Assim, D̂  50 .
b) 9. No triângulo ADE, se AD = DE, então  = Ê.
c) –5. Como   D̂  Ê  180   = Ê = 65°.
d) –7. Logo, DÊA = 65°.
RESOLUÇÃO
Resposta: B
 2x  y  1
  3x = 3  x = 1  1y = 4  y = 3
x
  y  4 50 – Utilizando-se de arredondamento, os números 10,34 e
Sistemas equivalentes têm o mesmo conjunto solução: 0,185 podem ser escritos com uma casa decimal, de tal forma que
o produto de seus novos valores seja
a(1)  2 . 3  1  a  6  1  a  7
  a+b=9
a) 22,6.
3(1)  b . 3  3  3  3b  3  b  2
b) 18,6.
47 – Dada uma circunferência de diâmetro a, o comprimento de c) 2,06.
um arco, cujo ângulo central correspondente é 30°, é d) 1,06.
RESOLUÇÃO
a
a) . Resposta: C
2 Se o algarismo a ser abandonado (o da 2.ª casa decimal) for menor
a que 5, o algarismo anterior permanece o mesmo; se for maior ou igual a
b) .
4 5, o anterior aumenta de 1 unidade). Assim:
a 10,34  10,3 (o algarismo “4” a ser abandonado é menor que 5)
c) . 0,185  0,2 (o algarismo “8” a ser abandonado é maior que 5)
10
produto = 2,06
a
d) .
12
Página 11
51 – O conjunto Imagem da função f :   , definida por RESOLUÇÃO
1 Resposta: C
f (x)  , contém o elemento
1 x 2 O eneágono regular tem 9 lados congruentes.
Assim: 2p = 9 . l = 9 . 2,5 = 22,5 cm
1
a) .
14   
b) . sen  sen  . 3
55 - O valor da expressão
5  6

4
 é
1 cos  sen
c)  . 2 3
2
1
d)  . a) 1 2.
3 b) 1 2.
RESOLUÇÃO 3
c) .
Resposta: B 2
O valor de f(x) é sempre positivo, pois x2 > 0, x. Assim, 2 3
1 1 d) .
f (x)   e f (x)   . 3
2 3
Se x, então x2 = 0, ou 1, ou 4, ou 9, ou ... então, RESOLUÇÃO
1 1 1 1 Resposta: A
 1, ou , ou , ou , ou ...  1 
 3 2 
2
1 x 2 5 10 Sabe-se que sen  
, sen  , e cos  0 .
, sen
1 1
Logo, f (x)  e  Im(f). 6 2 4 2 3 2 2
4 5 Substituindo esses valores na expressão, tem-se:
 1  2  . 3
52 – Seja um polinômio P(x) = ax3 + bx2 + cx + d. Se os coeficientes    1 2
de P(x) são diferentes de zero, então, para todo x, “P(x) + P(–x)”  2 2   2.     1  2
 
tem grau 2 2 
0
3 
a) 4. 2
b) 3.
c) 2. 56 – Ao comparar o valor de f(1) e f(1) da função
d) 1. f (x)  5x  4x 2  3x 1 , obtém-se
6

RESOLUÇÃO a) f(1) < f(1).


Resposta: C b) f(1) = f(1).
Se P(x) = ax3 + bx2 + cx + d, então P(–x) = a(–x)3 + b(–x)2 + c(–x) + d
c) f(1) > 2f(1).
Assim, P(–x) = – ax3 + bx2 – cx + d
d) f(1) = 2f(1).
Logo, P(x) + P(–x) = 2bx2 + 2d tem grau 2.
RESOLUÇÃO
53 – Um cilindro de cobre tem volume V, raio da base
Resposta: C
R = 50 cm e altura H = 40 cm. Este cilindro será derretido para
f(1) = 5.16 + 4.12 + 3.1 – 1 = 11
fazer cilindros de volume v, raio r = R/5 e altura h = H/4. Dessa
f(-1) = 5. (-1)6 + 4. (-1)2 + 3.(-1) – 1 = 5
forma, V/v =
2f(-1) = 10
a) 50. Comparando-se f(1) com f(1) e 2f(1), obtém-se
b) 100. f(1) > 2f(1).
c) 150.
d) 200. 57 – Um retângulo, de lados 2m e 5m, gira 360º em torno de seu
maior lado. A área lateral do sólido obtido, em m2, é
RESOLUÇÃO
Resposta: B a) 10.
b) 20.
Cilindro 1: R = 50 cm H = 40 cm
c) 10.
V =  . (50)2 . 40 = 100 000 cm3
d) 20.
Cilindro 2: r = R/5 = 10 cm h = H/4 = 10 cm
v =  . 102 . 10 = 1 000 cm3 RESOLUÇÃO
V/v = 100 000 cm3/1 000 cm3  V/v = 100 Resposta: D

54 – O lado de um eneágono regular mede 2,5 cm. O


perímetro desse polígono, em cm, é Sendo Sl a área lateral do cilindro,
Sl = 2Rh
a) 15. 5 R=2m
b) 20. h=5m
c) 22,5. 2 Sl = 2.2.5 = 20 m2
d) 27,5.

Página 12
58 – Sendo 0  x < 2, o conjunto solução da equação
2 AS QUESTÕES DE 61 A 80 REFEREM-SE
sen 3x  é À FÍSICA
2
61 – Um elétron é arremessado com uma velocidade de 109 m/s
paralelamente às linhas de campo de um campo magnético
3 11  uniforme de intensidade B = 1,6 T. Nesse caso, a força
a)  , .
 4 12  magnética sobre o elétron é de N.
 3 Dado: carga elementar do elétron = -1,6 x 10-19 C
b) , .
 
3 10  a) 0
b) 1,6 . 10-19
  
c)  , . c) 3,2 . 10-10
4 12  d) 2,56 . 10-19
 2  RESOLUÇÃO
d) , .
 
 5 8  Resposta: A
Se a velocidade for paralela ao campo, a força magnética é nula.
RESOLUÇÃO
Resposta: C 62 – Três barras metálicas AB, CD e EF são aparentemente
    iguais. Aproximando as extremidades das barras, verifica-se,
sen 3x  sen  3x  x  então, experimentalmente que a extremidade A atrai D e repele
2 
Se sen 3x  , então  4 4 12 E, enquanto a extremidade B repele F e atrai D.
 ou
2  3 
sen 3x  sen 3  3 x   x  
 4 4 4
  Portanto, conclui-se corretamente que:
Logo, S = , .
  a) CD não é imã.
4 12 
b) Somente AB é imã.
 c)
d)
Somente EF é imã.
Todas as barras são imãs.
59 – O perímetro da base de uma pirâmide quadrangular regular é
80 cm. Se a altura dessa pirâmide é 15 cm, seu volume, em cm3, é RESOLUÇÃO
Resposta: A
a) 2 300. Se D é atraída por A e por B e se B repele F e A repele E,
b) 2 000. conclui-se que AB e EF são ímãs e B e F são pólos iguais.
c) 1 200. Portanto para que D seja atraída por A e por B (pólos diferentes)
d) 1 000. é necessário que CD seja metálica, mas não está magnetizada.
RESOLUÇÃO
Resposta: B 63 – Calcule o trabalho, em joules, realizado sobre uma carga de
5 coulombs, ao ser deslocada sobre uma superfície eqüipotencial
4 l = 80 cm  l  20 cm.
em um campo elétrico uniforme de intensidade 5 kV/m em uma
B = l2  B = 400 cm2. distância de 25 mm.
B h 400 15
V V  V = 2 000 cm3. a) 0
3 3 b) 5
c) 125
d) 125000
60 – Dado um triângulo qualquer, é FALSO afirmar que
RESOLUÇÃO
a) uma de suas alturas pode coincidir com um de seus lados. Resposta A
b) suas alturas podem interceptar-se num ponto externo a ele. O trabalho realizado sobre uma superfície eqüipotencial é
c) o incentro é o centro da circunferência nele inscrita. sempre nulo.
d) o circuncentro é o encontro das suas medianas.
ab = q(Va-Vb)
RESOLUÇÃO
Resposta: D se Vab = 0 ( eqüipotencial = mesmo potencial), então, ab = 0
A alternativa A é VERDADEIRA, pois, se o triângulo for
retângulo, um dos catetos é a altura relativa ao outro cateto.
64 – No circuito abaixo, a intensidade da corrente elétrica no
resistor R3, em ampères, é de:
A alternativa B é VERDADEIRA, pois isso acontece se o
triângulo for obtusângulo.
A alternativa C é VERDADEIRA, pois trata-se de uma a) 0
definição. b) 1
Na alternativa D é FALSO afirmar que o circuncentro é o c) 5
encontro das suas medianas. O correto seria afirmar que d) 10
baricentro é o encontro das medianas do triângulo.

Página 13
RESOLUÇÃO Por semelhança de triângulos
Resposta A 1,2 h
A corrente em R3 é igual a zero pois não há ddp (diferença 
de potencial) entre os terminais de R3, haja vista que estão l L
ligados ao mesmo ponto (terminal negativo da fonte). 1,2  h

1,0 2,5
65 - Em um campo elétrico uniforme, de intensidade 200 V/m, h  2,5 1,2
temos dois pontos distantes 0,2 m um do outro. Calcule a h3m
diferença de potencial, em volts, entre eles.
68 – A convecção é um processo de transferência de calor que
a) 10 ocorre
b) 20
c) 40 a) somente nos gases.
d) 80 b) somente nos fluidos.
c) também nos sólidos.
RESOLUÇÃO d) nos sólidos e líquidos.
Resposta: C
Va – Vb = E.d RESOLUÇÃO
Vab = 200V/m . 0,2 m = 40 V Resposta: B
A convecção é um processo de transmissão de calor próprio
dos gases e dos líquidos, portanto, dos fluidos. Ou seja, nas
66 - No estudo de instrumentos ópticos, dependendo da imagem regiões dos fluidos, onde a temperatura é mais alta, os fluidos se
final conjugada pelos instrumentos, esses se classificam em dois tornam menos densos e tendem a subir. Nas regiões dos fluidos
grupos: instrumentos de observação e instrumentos de projeção. onde a temperatura é baixa, os fluidos se tornam mais densos e
Das alternativas abaixo, assinale aquela que apresenta somente tendem a descer. É nesse movimento, característicos dos fluidos,
instrumentos de observação. que se define a convecção. Logo, a alternativa “B” está correta.
a) lupa, telescópio, câmara fotográfica.
b) projetor, microscópio composto, telescópio.
69 - Um sistema termodinâmico realiza o ciclo indicado no
gráfico P x V a seguir
c) luneta terrestre, projetor, câmara fotográfica.
d) lupa, luneta astronômica, microscópio composto. P(10 5 Pa)
RESOLUÇÃO A B
Resposta D 10
O projetor e a câmara fotográfica são instrumentos de
5 D C
projeção, devido ao fato de conjugarem uma imagem real,
V(m3)
somente a alternativa “d” apresenta instrumentos de observação. 2 4
O trabalho resultante e a variação de energia interna do gás, ao
67 - Uma lâmpada, de dimensões desprezíveis, é fixada no teto completar o ciclo,. valem, em joules, respectivamente,
de uma sala. Uma cartolina quadrada, de lado igual a 100 cm, é
suspensa a 120 cm do teto, de modo que suas faces estejam na a) zero e zero
horizontal e o seu centro geométrico coincida com a linha vertical b) 10x105 e zero
que passa pela lâmpada. Sabendo que, quando a lâmpada está c) zero e 10x105
acesa, observa-se no chão uma sombra projetada de área igual a d) 20 x 105 e zero
6,25 m2, determine a altura, em metros, da sala. RESOLUÇÃO
a) 2,00 Resposta: B
b) 2,08   área do gráfico PxV
c) 3,00
d) 3,50   (10x105  5x105 ).(4  2)
5
RESOLUÇÃO   (5x10 )2
Resposta: C
  10x105 J
A = L2 = 6,25 m2
L = 2,5 m
. lâmpada
Num ciclo, como o estado inicial é igual ao final
(Ufinal = Uinicial) a variação da energia é nula U = 0.
70 - Uma mesma nota musical produz “sensações” diferentes
1,2 m quando emitidas por um violino ou por um piano. A qualidade
do som que permite diferenciar dois sons de mesma freqüência e
mesmo “volume”, emitidos por fontes distintas é a (o) _______ _.
l  1,0m
a) altura
b) timbre
L=2,5 m c) fidelidade
d) intensidade

Página 14
RESOLUÇÃO RESOLUÇÃO
Resposta B Resposta: D
O timbre é a qualidade que permite identificar os sons de patm  p líquido  p gás
mesma altura e de mesma intensidade, emitidos por fontes
kg m
sonoras diferentes. 105 Pa  103 10  0,2m  p gás
m3 s2
71 – Admitindo que as estações de rádio, de uma determinada
p gás  1,02105 Pa
região, emitam ondas eletromagnéticas basicamente em duas
faixas: AM e FM e que a velocidade das ondas eletromagnéticas 74 – Uma pedra de 200g é abandonada de uma altura de 12m
vale 3 x 108 m/s, duas estações de rádio que emitam ondas de em relação ao solo. Desprezando-se a resistência do ar e
comprimento de onda igual a 300 m e 200 m estão operando, considerando-se a aceleração da gravidade igual a 10m/s2,
respectivamente, em . determine a energia cinética, em J, desta pedra após cair 4m.
Dados: a) 32
AM de 535 a 1650 kHz b) 16
FM de 88 a 108 MHz c) 8
a) AM e AM d) 4
b) AM e FM RESOLUÇÃO
c) FM e AM Resposta: C
d) FM e FM
RESOLUÇÃO x EMA
Resposta: A
v   f x
8 1 EMB
3.10
f   1.106  1000 kHz (AM)
300
3.108
f  1,5.106  1500 kHz (AM)
200

72 – O gráfico, a seguir, representa a relação entre a pressão (p) E MA  mgx  0,2kg 10m / s 2 12m
dentro de um líquido homogêneo e estático e a profundidade (h)
que se estabelece à medida que se imerge nesse líquido. A E MA  24J ,
densidade do líquido é de kg/m3. Esta é a energia mecânica total durante todo percurso
Considere g=10m/s2 5 2 Logo
p (10 N/m )
a) 1 x 103 E PB  mgx1  0,2kg 10m / s 2  8m  16J
b) 2 x 10 3
E MB  ECB  E PB  24J  ECB  16J
c) 3 x 103 1,8 Portanto
d) 4 x 103 1,4 ECB  8J
1
75 – Uma bola de 400g é lançada do solo numa direção que
0 forma um ângulo de 60o em relação à horizontal com energia
2 4 6 h (m)
RESOLUÇÃO cinética, no momento do lançamento, igual a 180 J.
Resposta: B Desprezando-se a resistência do ar e admitindo-se g = 10m/s2, o
p  1   g  h    g  h    h , onde  é o coeficiente angular módulo da variação da energia cinética, desde o instante do
p (1,8  1,4) lançamento até o ponto de altura máxima atingido pela bola é,
   0,2 105 , onde =g em joules, de
h (4  2) a) 0.
5 5 kg 3 kg
g  0,2 10    0,02 10  2 10 b) 45.
m 3 m 3 c) 135.
d) 180.
73 – Considere um manômetro, de tubo aberto, em que um dos RESOLUÇÃO
ramos está conectado a um recipiente fechado que contém um Resposta C
determinado gás. Sabendo-se que, ao invés de mercúrio, o
manômetro contém um líquido cuja densidade é igual a 10 3 kg/m3
e que sua leitura indica que uma coluna de 0,2m desse líquido
equilibra a pressão do gás em um local onde a pressão atmosférica vx
vale 1x105 Pa e a aceleração da gravidade local vale g=10m/s2, a
pressão do gás é de _ Pa. o

 
5 60
a) 0,2 x 10
b) 1,2 x 105
c) 0,02 x 105 mv 2 0,4v 2
5 E c   180   v  30m / s
d) 1,02 x 10 2 2

Página 15
Logo 1
78 - A função horária x = 12 – 8t + t2, onde t (instantes de tempo
vx  v cos   vx  30   15m / s em segundos) e x (posição em metros) medidos sobre a trajetória,
2 é usada para o estudo de um movimento. Determine o intervalo
que é constante durante todo o movimento. de tempo em que as posições do móvel são negativas.
Na altura máxima, a componente vy é nula, só havendo a) entre 0 e 2s.
componente horizontal, logo b) entre 1s e 2s.
0,4 152 c) entre 2s e 6s.
Ec   45J d) entre 6s e 10s.
2
Portanto, RESOLUÇÃO
Resposta: C
Ec  45  180  135J, o módulo é135J. Quando o móvel passa pela origem x = 0, logo
0 = 12 – 8t + t2 ou t2 – 8t + 12 = 0.
Resolvendo a eq. do 2° grau encontramos as raizes:
76 – No gráfico que relaciona, a força aplicada em um corpo e a t1 = 6s e t2 = 2s
força de atrito entre este e uma superfície perfeitamente
horizontal, a região que descreve a força de atrito__________ pode
ser explicada pela ___ Lei de Newton enquanto a que mostra a
força de atrito _________ pela ____ Lei de Newton.
Assinale a alternativa que completa corretamente a
afirmação acima.

e observando o gráfico, pode-se verificar que o único intervalo de


tempo em que as posições do móvel são negativas é
2<t<6

a) dinâmico; 1a; estático; 1a.


b) estático; 2a; dinâmico; 1a.
79 - Teoricamente o ponto de aplicação da força peso de um
corpo não homogêneo, está no seu centro
c) estático; 1a; dinâmico; 2a.
d) dinâmico; 2a; estático; 2a. a) absoluto.
b) molecular.
RESOLUÇÃO c) geométrico.
Resposta: C d) de gravidade.
Na região onde a força de atrito estático atua, a relação é
RESOLUÇÃO
linear, ou seja, como não há alteração no estado de movimento do
Resposta D
objeto, é de se supor, que haja a presença de outra de mesmo Centro de gravidade de um corpo é o ponto de aplicação da
módulo e de sentido oposto à força aplicada. Esta descrição se força peso. Como o corpo não é homogêneo, não se pode afirmar
baseia na 1a Lei de Newton.
que o centro de gravidade coincide com o centro geométrico.
Na segunda região, onde atua a força de atrito dinâmico,
As alternativas A e B não se caracterizam em definições
existe uma resultante diferente de zero aplicada no corpo, Físicas.
produzindo aceleração, ou seja, 2a Lei de Newton.

77 – Um estudante de Física, na janela de uma casa de campo 80 - Dinamômetro é o instrumento que mede a intensidade da
durante uma tempestade, vê um relâmpago atingir uma árvore.
força que atua em um objeto, a partir de uma medida de
Imediatamente começa a marcar o tempo e 15 segundos depois
ouve o trovão. Se o estudante admitir a velocidade do som no ar a) aceleração.
como 330 m/s, ele pode calcular a distância da árvore até ele, b) velocidade.
como sendo de aproximadamente ___ km. c) deformação.
d) temperatura.
a) 1
b) 5 RESOLUÇÃO
c) 10 Resposta C
d) 15 O dinamômetro baseia-se na deformação que ocorre na
mola, associada a uma escala de intensidade de força.
RESOLUÇÃO
Resposta: B
x = vt
x = 330.15 = 4950 m
x ~ 5 km

Página 16
85 - Quando se compara o átomo neutro de oxigênio (O) com
AS QUESTÕES DE 81 A 100 REFEREM-SE seu íon (O2-), verifica-se que o segundo possui a
À QUÍMICA mais e o mesmo número de .

81 - Qual função orgânica abaixo apresenta apenas carbono e a) um elétron - prótons.


hidrogênio? b) dois prótons - elétrons.
c) um elétron - nêutrons.
a) álcool d) dois elétrons - prótons.
b) aldeído
c) cetona RESOLUÇÃO
d) hidrocarboneto Resposta: D
A Z p e n
RESOLUÇÃO Átomo de oxigênio 16 8 8 8 8
Resposta: D Íon oxigênio 16 8 8 10 8
- álcool - apresenta o grupo oxidrila -OH. O íon oxigênio apresenta dois elétrons a mais e o mesmo
- cetona - apresenta o grupo carbonila -CO- . número de prótons.
- aldeído - apresenta o grupo metanoíla -CHO.
- hidrocarboneto – é formado exclusivamente por carbono e
hidrogênio. 86 - Prótio (1H1), Deutério (1H2) e Trítio (1H3) são isótopos do
hidrogênio. Qual o número de nêutrons desses isótopos,
82 - Indique o grupo de materiais em que todos são misturas. respectivamente?
a) ar, gasolina e prata a) 0, 1 e 2.
b) aço, bronze e madeira b) 1, 2 e 1.
c) leite, sangue e oxigênio c) 1, 3 e 2.
d) água mineral, latão e cobre d) 1, 2 e 3.
RESOLUÇÃO RESOLUÇÃO
Resposta: B Resposta: A
Aço: mistura de ferro e carbono A-Z= n
Bronze: mistura de estanho e cobre Prótio: 1-1=0
Madeira: mistura de celulose e muitos outros compostos Deutério: 2-1=1
orgânicos. Trítio: 3-1=2
Prata, oxigênio e cobre citados, respectivamente, nas
alternativas “A”, “C” e “D” são elementos químicos e não
misturas.
87 - Entre os pares de elementos químicos abaixo, qual deles
reúne elementos com propriedades químicas mais semelhantes?
83 - Para separar os gases oxigênio e nitrogênio do ar
atmosférico não poluído, o processo utilizado é a) Cl e Ar
b) Na e K
a) flotação. c) Fe e Ba
b) filtração. d) Cu e Xe
c) centrifugação.
d) liquefação fracionada. RESOLUÇÃO
Resposta: B
RESOLUÇÃO Os elementos que se encontram na mesma família da tabela
Resposta: D periódica são aqueles que apresentam propriedades químicas
Resfriando-se gradativamente a mistura, os gases vão se semelhantes.
liquefazendo a medida em que suas temperaturas de liquefação Sódio (Na) e Potássio (K)se encontram na mesma família (1A).
vão sendo atingidas.

84 - Qual das alternativas abaixo apresenta uma seqüência com 88 - Em um laboratório existem 4 frascos numerados: I, II, III e IV.
dois átomos, duas moléculas de substância simples e três - Frasco I: contém 5 mols de NaOH.
moléculas de substância composta, respectivamente? - Frasco II: contém 6 x 1024 moléculas de CaO.
- Frasco III: contém 20 gramas de CO2.
a) 2H, 2O, 3N - Frasco IV: contém 224 litros de H2O.
b) H2, O2, NH3
c) 2H2, 2O2, H2O Em qual dos frascos encontra-se maior massa, em gramas?
d) 2H, 2O3, 3 H2O Considerar CNTP. Dados: - massa atômica, em g/mol: H=1, C=12,
O=16, Na=23 e Ca=40.
RESOLUÇÃO - Volume molar nas CNTP= 22,4 L/mol
Resposta: D - Número de Avogadro= 6 x 1023.
2 átomos de Hidrogênio: 2 H.
2 moléculas de substância simples: 2 O2 ou 2 O3. a) I
3 moléculas de substância composta: 3 H2O. b) II
c) III
d) IV

Página 17
RESOLUÇÃO 92 - Quanto à célula eletroquímica, representada pela equação
Resposta: B global Zn0 (s) + Cu2+(aq)  Zn2+ (aq) + Cu 0(s) , é correto afirmar que
Frasco I
1 mol de NaOH 40g a) o zinco é o ânodo.
5 mols de NaOH x x= 200g b) há desgaste no eletrodo de cobre.
c) a solução de zinco irá diluir-se.
Frasco II
d) os elétrons fluem, pelo circuito externo, do cobre para o zinco.
6 x 1023 moléculas de CaO 56 g
6 x 1024 moléculas de CaO x x=560g RESOLUÇÃO
Frasco III Resposta: A
20 gramas de CO2 A alternativa “A” é CORRETA, pois o ânodo é o eletrodo
negativo, ou seja, aquele que perderá elétrons.
Frasco IV
A alternativa “B” é INCORRETA, pois se o eletrodo de zinco
22,4 Litros de H2O 18g
perde elétrons, logo é ele e não o eletrodo de cobre que se desgasta.
224 Litros de H2O x x= 180g
A alternativa “C” está INCORRETA, pois se o eletrodo de
zinco perde elétrons, a solução se tornará concentrada.
A alternativa “D” está INCORRETA, pois é o zinco e não o
89 - Em um composto, sendo X o cátion, Y o ânion e X2Y3 a cobre que está perdendo elétrons.
fórmula, qual o número de elétrons periféricos para X e Y,
respectivamente, no estado normal? 93 - Gás cloro e sódio metálico são os produtos obtidos pela
passagem de corrente elétrica no NaCl fundido. Este processo de
a) 2 e 3.
decomposição é chamado
b) 2 e 5.
c) 6 e 2. a) eletrólise.
d) 3 e 6. b) hidrólise.
c) pirólise.
RESOLUÇÃO d) fotólise.
Resposta: D
X2 Y3 X3+ Y2- RESOLUÇÃO
Resposta: A
X 3+
perdeu três elétrons, pois possuía três elétrons na A alternativa “A” está CORRETA, pois eletrólise é toda
última camada. reação de oxirredução não-expontânea que ocorre pela passagem
Y 2-
ganhou dois elétrons, pois possuía seis elétrons na de corrente elétrica.
última camada. A alternativa “B” está INCORRETA, pois a hidrólise é uma
reação que envolve água e íons de hidrogênio ou hidroxila.
A alternativa “C” está INCORRETA, pois a pirólise é uma
90 - A fenolftaleína é uma substância utilizada como indicador reação de decomposição pelo calor.
ácido-base. Em presença de base, fica avermelhada e em presença A alternativa “D” está INCORRETA, pois a fotólise é uma
de ácido, incolor. reação de decomposição pela luz.
A seqüência em que todos os compostos deixam a
fenolftaleína avermelhada é: 94 – Qual das reações a seguir é classificada como reação de
dupla-troca?
a) H2O, H2O2, HCl
b) H3PO4, HCl, NH3 a) 4 Al + 3 O2  2 Al2O3
c) NaOH, HCN, CaO b) CaCO3  CaO + CO2
d) NH3, NaOH, Ca(OH)2 c) Zn + H2SO4  ZnSO4 + H2
d) FeCl3 + 3KOH  Fe(OH)3 + 3KCl
RESOLUÇÃO
Resposta: D RESOLUÇÃO
A sequência que só apresenta substâncias básicas é: NH3, Resposta: D
NaOH, Ca(OH)2. A alternativa “A” está INCORRETA, pois a
equação 4 Al + 3 O2  2 Al2O3 evidencia uma reação na qual
dois reagentes dão origem a um único produto, reação essa
91 - Um jornal noticiou que determinada região apresentava chamada de síntese.
baixa umidade do ar. Nesse caso podemos dizer que, quando A alternativa “B” está INCORRETA, pois a
usamos a expressão “umidade do ar”, estamos nos referindo a equação CaCO3  CaO + CO2 evidencia uma reação na qual um
uma solução classificada, segundo as fases de agregação dos único reagente dá origem a dois produtos, reação essa chamada
componentes, como solução de análise ou decomposição.
a) gás-gás. A alternativa “C” está INCORRETA, pois a
b) gás-líquido. equação Zn + H2 SO 4  ZnSO 4 + H 2 evidencia uma reação entre
c) líquido-gás. uma substância simples com outra composta, na qual ocorre
d) líquido-líquido. deslocamento do H2 da substância composta (H2SO4) formando uma
nova substância simples (H2), reação essa chamada de
RESOLUÇÃO deslocamento.
Resposta: A A alternativa “D” está CORRETA, pois a equação
A umidade do ar apresenta gases do ar atmosférico mais FeCl3 + 3KOH  Fe(OH)3 + 3KCl evidencia uma reação na
vapor d’água. qual dois compostos permutam entre si, dando origem a dois
novos compostos, reação essa chamada de dupla-troca.

Página 18
www.pconcursos.com

95 – Qual das funções abaixo apresenta heteroátomo em sua A alternativa “B” está INCORRETA, pois o ácido é um
cadeia? composto hidrogenado que, em solução aquosa, produz cátion
hidroxônio.
a) éter A alternativa “D” está INCORRETA, pois a cetona é um
b) amida composto do tipo R —C— R’.
c) álcool ‫װ‬
d) cetona O
RESOLUÇÃO
Resposta: A 98 - Dos elementos abaixo, qual deles apresenta maior número
de elétrons na camada de valência?
Heteroátomo é um átomo de oxigênio ou de nitrogênio
intercalados com átomos de carbono. Dessa forma, a alternativa “A” a) 8O
16

está CORRETA, pois o éter é um composto do tipo R—O—R, b) 9F


19

no qual se observa a presença do heteroátomo (O). c) 20Ca


40

A alternativa “B” está INCORRETA, pois a amida é um d) 33As


74

composto do tipo R—CONH2n, no qual não se observa a presença


RESOLUÇÃO
de heteroátomo
Resposta: B
A alternativa “C” está INCORRETA, pois o álcool é um
A camada de valência é a última camada eletrônica de um
composto do tipo R—OH, no qual não se observa a presença de
átomo. Fazendo a distribuição dos átomos citados temos:
heteroátomo
Oxigênio: 2, 6 (última camada = 6)
A alternativa “D” está INCORRETA, pois a cetona é um
Flúor: 2, 7 (última camada = 7)
composto do tipo R —C— R’, no qual não se observa a presen-
Cálcio: 2, 8, 8, 2 (última camada = 2)
‫װ‬
Arsênio: 2, 8, 18, 5 (última camada = 5)
O
ça do heteroátomo, uma vez que o átomo de oxigênio não está
intercalado por átomos de carbono.
99 - O alumínio, muito usado em materiais aeronáuticos,
possui em sua eletrosfera 13 elétrons. Quando esse elemento
96 – Considerando as características das ligações entre os combina com o oxigênio, que possui 8 elétrons, forma o óxido de
átomos de uma cadeia carbônica, qual das alternativas abaixo não alumínio, cuja fórmula e tipo de ligação são, respectivamente,
apresenta uma fórmula estrutural possível? e .
a) 1,2,3-trimetil-ciclo-propano. a) Al3O3 -- iônica
b) 3-metil-3-pentanol. b) Al2O3 -- iônica
c) dimetil-cetona. c) Al2O3 -- covalente
d) ácido-etenóico. d) Al3O2 -- covalente
RESOLUÇÃO RESOLUÇÃO
Resposta: D
Resposta: B
O átomo de carbono tem características que o destacam
Alumínio metal que apresenta 3 elétrons na última camada.
profundamente dos demais, daí o fato de ser possível uma grande
quantidade de compostos orgânicos. Essas características devem- se Oxigênio: ametal que apresenta 6 elétrons na última camada.
-
basicamente ao fato de o carbono ser tetravalente. Al3+ O2 Al2O3
Nas alternativas A, B e C a tetravalência do carbono é respeitada, Metal + ametal= ligação iônica.
por isso apresentam uma fórmula estrutural possível.
Contudo, a alternativa D, para ser possível exigiria
pentavalência do carbono, não respeitando assim sua
tetravalência. 100 - O CaSO4 . 2 H2O é um sal hidratado que se encontra
amplamente distribuído na natureza e é chamado gipsita. Qual a
massa molecular, em u.m.a, desse sal hidratado?
Dados: massas atômicas em u.m.a:
Ca=40 S=32 O=16 H=1
a) 36
b) 136
97 - O composto de fórmula molecular C4H9OH pertence à c) 172
função
d) 200
a) fenol.
RESOLUÇÃO
b) ácido.
Resposta: C
c) álcool. Ca: 40 x 1 = 40
d) cetona. S: 32 x1 = 32
RESOLUÇÃO O: 16 x 6 = 96
Resposta: C H: 1x4= 4
A alternativa “C” está CORRETA, pois o álcool é um
composto do tipo R—OH, logo C4H9OH é um álcool. 172 u.m.a
A alternativa “A” está INCORRETA, pois o fenol é um
composto que apresenta o grupo hidroxila (OH) ligado ao núcleo
benzênico.

Página 19