Sunteți pe pagina 1din 2

A IMPORTÂNCIA DO ATO DE LER o direito de sentir esse prazer!

Sabendo que livro é uma das formas


Ler talvez seja uma das atividades mais permanentes e mais democráticas de lazer. Um prazer espontâneo e simples que se
universais do ser humano. Essa vontade de legere, de captar o que amolda às características do leitor e às condições do momento...
se passa, no mais interno das coisas e das pessoas, na vastidão do A leitura é uma interlocução mediada pelo texto. É o encontro
universo, na trama da história, no desafio do desconhecido... é uma com um autor ausente, deste e de muitos séculos, através de sua
fome insaciável. Lemos para conhecer, entender, sonhar, para viajar palavra escrita. Então, se pode falar em várias leituras possíveis
na máquina onde coexistem todos os tempos, para satisfazer nossa porque, cada nova leitura pode deslocar e alterar o significado de tudo
curiosidade, para entretenimento e para o prazer. Junto com aprender o que se já leu. O diálogo do aprendiz de natação é com a água, não
e ficar informado, lemos para questionar, divulgar convicções e para com o professor. Na leitura, o diálogo é com o texto. O Grande e
propagandear a transformação da realidade. sublime mérito do educador seria tornar-se um fazedor de leitores
Ler é um processo de contínuo aprendizado. Por isso, não é para oferecer opções (na sociedade, na família, na escola) e criar
possível estabelecer os limites do conhecimento humano. Ele avança posições incomodamente divergentes.
a cada dia. As aulas, as palestras, os cursos, os seminários... Ensinar a gostar de ler é transformar a leitura numa atividade
estimulam e dão chaves de leitura, mas não conseguem passar às livre. Tudo que se faz por obrigação tende a ficar chato, embora o
pessoas todos os conhecimentos que elas vão necessitar, ao longo hábito da leitura exija disciplina, esforço individual e persistência. Para
de suas vidas. Por isso, alguém que costuma ler, terá uma fonte tanto, os educadores devem ter o hálito da leitura mostrando que
inesgotável onde buscar respostas para suas dúvidas e para leitura é coisa que se transmite pelo exemplo, é algo de pele, de
atualizar-se, quando necessário. cheiro, de sabor, onde todos os sentidos se confundem em nome do
Ler ajuda a pensar. Os racionais se diferenciam pela prazer, da liberdade, da imaginação. Como se relaciona ao prazer se
capacidade de raciocinar e de dizer. Às vezes, há uma poderia dizer que ler é mais importante que estudar pois o trabalho
superestimação do conhecimento e do talento técnico, em detrimento que se faz por prazer deixa de ser um fardo, além de trazer
do raciocínio. Porém, mais importante que apertar um parafuso é resultados.
saber por que o apertamos. Como tomar decisões, optar, escolher, Na leitura popular, é preciso recordar que a leitura do mundo
definir? A leitura contribui para preencher esta lacuna na formação do precede sempre a leitura da palavra e que a leitura da palavra implica
ser humano. Ao desenvolver a reflexão, a leitura permite construir sempre a continuidade da leitura do mundo. Quer dizer, a publicação
uma fonte de conteúdos para melhor compreender a nós e ao mundo. de livros terá que levar em conta o ambiente cultural de um povo e se
Ela alarga os horizontes, possibilita a formação de parâmetros que identificar com seus anseios, seus interesses, suas lutas, seus ritmos,
ajudam na medição e codificação do conhecimento sem seu nível de compreensão, suas necessidades, habilidades e gostos
etnocentrismos, dogmatismos, reducionismos, sectarismos... pessoais... Pois, a compreensão do texto a ser alcançada por sua
Ler é ócio que desafia o negócio, é lazer. O lazer como leitura crítica implica a percepção das relações entre o texto e o
necessidade básica do ser humano é indispensável à sua saúde contexto e a sua intencionalidade. Mas, para lembrar também que, ao
mental e física. Como não se separa lazer de prazer, é fácil imaginar satisfazer às diversas dimensões do humano, a partir do campo
o prazer de ler um bom livro! Ele nos leva ao riso e à tristeza, nos popular, a leitura popular entra na disputa dos corações e mentes
torna íntimos e velhos conhecidos dos personagens, nos faz contra o culto ao último livro e contra a enxurrada de publicações que
acompanhar, sedentos, seus enredos, nos inquieta com suas prometem soluções imediatas, completas e eternas.
dúvidas, nos transporta a outros mundos e dá vida a nossa Se é verdade que ler é mais importante do que estudar e que
imaginação... Vale sonhar com o dia quando todas as pessoas terão um país se faz com homens e livros, então, é verdade que ensinar às
pessoas a gostar de ler, de seduzi-las para as emoções e as alegrias
da leitura, se torna uma parte importante da tarefa educativa, na
escola ou fora dela. Vamos sonhar com o abolicionista: “Oh! Bendito
o que semeia livros... livros, às mãos cheias... e manda o povo
pensar! O livro caindo n’alma é germe que faz a palma, é chuva que
faz o mar” (“O Livro e a América” C. Alves.)