Sunteți pe pagina 1din 2

CETAD-PB CENTRO DE ESTUDOS TEOLÓGICOS DA ASSEMBLÉIA DE DEUS NA

PARAÍBA
Av. Primeiro de Maio, 239, Jaguaribe, João Pessoa, PB Tel: (83) 2106-1457 – 2106-
1465

DISCIPLINA: DATA: 24/09/2010

ALUNO: Marcelo Amaro da Silva


_______________________________________________________________________________________

O CRISTÃO NÃO DEVE SER CONTRA A NAÇÃO DE ISRAEL

Em Zc12:2-3; 14:2 diz que todas as nações da terra se voltarão contra Israel. E
isto já acontece. O ódio por Israel e pelo povo judeu está se instalando nos corações de
milhares de pessoas por esse mundo afora. Contoudo,os cristãos devem amar Israel e o
seu povo; não devem ser contra a nação de Israel; e, sim, amá-la.
Uma das razões pelas quais o cristão deve amar a Israel é que,primeiramente, a
fé cristã é uma fé judaica; a bíblia foi escrita por judeus e, além de tudo, Jesus é judeu.
Segundo, a salvação veio dos judeus, e, por meio da rejeição deles, a salvação a todos
os povos; terceiro, os gentios são a eles devedores, pois foram enxertados no povo de
Deus (Rm11:17). Há somente um Israel. Os cristãos gentios nunca se tornarão israelitas,
mas são enxertados em Israel através de Jesus Cristo.
Devemos entender que esse endurecimento em seus corações, veio em parte
sobre Israel, até que a plenitude dos gentios haja entrado. E assim todo o Israel será
salvo, como está escrito em Rm11:25,26.
Os cristãos acreditam que um dia os judeus reconhecerão que Jesus é o Messias
esperado, o Rei dos Reis, conforme foi profetizado por Zacarias, (Zc 12:10).
Lamentavelmente, pela história, os cristãos, são os que mais tem perseguido
Israel e seu povo. Deveriam, de qualquer forma, estar fazendo algo por Israel e por esta
causa profética, pelo menos ajudar seus irmãos na fé, os judeus messiânicos, a preservar
o judaísmo vivo, preparando seu próprio povo para a chegada do Messias. De fato,
Todos os cristãos devem levantar suas bandeiras a favor da nação de Israel e pelo
resgate do povo judeu.
Ser antisemita é ser anti-cristão; pois, se os cristãos pela Bíblia foram enxertados
na “Oliveira”, que é Israel de Deus e serão no futuro um só família com eles quando o
Messias chegar, então, os cristãos não podem ser contra a restauração da terra e do povo
judeu, pré-requisito para a grande vinda do Messias.
A Igreja Cristã precisa estar do lado de Israel no sentido que Israel e seus
governantes cumpram os propósitos delineados pelo o Eterno Deus Único. Os Cristãos
precisam entender que os judeus podem reconhecer o seu Messias, sem contudo deixar
de ser judeu. É necessário amá-los, não impondo a fé "cristã", porque na verdade ela é
uma fé de origem judaica. Eles são judeus, crêem na mesma Bíblia (Antigo
Testamento).
Os cristãos precisam saber que pelas Escrituras Sagradas os judeus precisam
viver como judeus e não como gentios, e que Israel é a nação eleita de Deus e que faz
parte do Seu plano (Dt 7:6). Deus escolheu um povo de carne e sangue, a parte de
outros povos na terra, com o objetivo de usá-lo para um propósito específico: a
redenção do mundo.
Israel é o único país que já passou pelos imperadores romanos, os Cruzados da
idade média, a inquisição de Roma, o Holocausto pelas tropas de Hitler, mas Deus
sempre amou esse povo e nunca o desamparará,(Jeremias 3135-37 e Romanos 11:1-2) e
jamais deixaria Israel para trás.