Sunteți pe pagina 1din 56

Componentes

Esqueletais
Distribuição dos Fósseis
• Fatores ambientais
– Profundidade
– Temperatura
– Salinidade
– Substrato
– Turbulência
• Expansão e Declínio
Identificação dos Componentes Esqueletais

• Forma e tamanho = observar o fóssil em 3D


• Microestruturas internas
• Mineralogia
– Fóssil de calcita-Mg pode ser substituído por
calcita-Fe
• Presença de espinhos e poros
BIOCLASTOS
Moluscos
• Bivalves
• Gastrópodes
• Cefalópodes
Bivalves
• Ambientes
– Marinhos, água doce e salobras
• Modos de vida
– Infauna, epifauna, bentônico,
nectônico e planctônico
• Composição das conchas
– Aragonita e calcita
• Formas
– Desarticulados: Alongadas, retangular
e curvados
• Estruturas Internas
– Diversas camadas de microestruturas
(folhas paralelas de aragonita ou
prismas microcristalinos)
Gastrópodes
• Ambientes
– Marinhos rasos, hipersalinas e
salobras
• Modos de vida
– Bentônico, rastejantes e
encrustadores
• Composição das conchas
– Aragonita
• Formas
– Semelhantes a foraminíferos,
porém maiores
• Estruturas Internas
– Raramente preservada
Braquiópodes
• Comuns no Paleozóico e Mesozóico e raros atualmente
• Ambientes
– Marinhos rasos
• Modos de vida
– Bentônico sésseis e infauna
• Composição das conchas
– Calcita-Mg (low-Mg)
• Formas
– Desarticulados: Alongadas, retangular e curvados
• Estruturas Internas
– Camada externa de fibras de calcita orientadas paralelas
a concha e interna com fibras obliquas
– Estruturas Punctae (tubos perpendiculares a concha)
Braquiópodes
Cnidários (Corais)
• Ambientes
– Marinhos rasos
• Modos de vida
– Formadores de recifes de corais,
Bentônico sésseis e infauna
• Composição das conchas
– Calcita-Mg (high-Mg) e raramente
aragonita
• Formas Corais Tabulares

– Variadas: Septos,
• Estruturas Internas
– Fibras em esferulitos ou em arranjos
paralelos
– Formam estruturas lineares
(trabeculae)
Equinodermas
• Equinóides e Crinóides
• Ambientes
– Marinhos rasos (equinóides) e
marinho profundos (crinóides)
• Modos de vida
– Bentônicos e habitam recifes de corais
e ambientes associados
• Composição das conchas
– Calcita-Mg (high-Mg)
• Formas
– Largos e simples cristais de calcita com
extinção uniforme, crescimento
sintaxial
• Estruturas Internas
– Estruturas porosa preenchida por
micrito ou esparito
Espinho de Equinodermata
Briozoários

• Ambientes
– Marinhos
• Modos de vida
– Coloniais e formadores de recifes
• Composição das conchas
– Aragonita, calcita-Mg (high-Mg) ou misturada
• Formas
– Foliáceos de calcita com cavidades redondas (zooecia)
• Estruturas Internas
– Zooecias preenchidas por esparito
Foraminíferos
• Ambientes
– Marinhos
• Modos de vida
– Planctônicos e bentônicos
• Composição das conchas
– calcita-Mg (low e high-Mg)
Aragonita,ou misturada
• Formas
– Formas circulares a subcirculares
com câmaras
• Estruturas Internas
– Paredes da testa são
microgranulares e raramente
fiborsa
Algas
• Principal contribuinte para a formação de calcários
• Algas vermelhas
– Estrutura celular preservada
– Calcita high-Mg
– Incrustadores (maciços ou arredondados) e ramificados
Algas
• Algas verdes
– Águas doce e salobras (lagunas ou áreas protegidas)
– Characeae = caules e cápsulas de reprodução
– Águas marinhas (lagunas e áreas protegidas)
– Dasyclad = caules e ramificações; circular, ovóide e alongada
– Codiacean= queijo suíço ou micrito
Algas
• Cianobactérias (algas azul-verde)
– Atividade microbial (formação de esteiras algais)
– Atividade de escavações (envelope micrítico)
– Trapeamento de partículas sedimentares durante o desenvolvimento dos
filamentos (Estromatólitos)
– Crescimento da esteira microbial seguido de sedimentação
Outros Fósseis
• Esponjas
– Espículas (sílica ou calcita)

• Stromatoporoids
– Organismos coloniais marinhos
– Esféricos a laminados

• Artrópodes
– Ostracodes
– Trilobitas

• Calcisferas
– Objetos esféricos (até 0,5mm)
– Calcita com paredes de micrito
– Algas ou foraminíferos?
Trilobita