Sunteți pe pagina 1din 8

DIAGRAMAS FASORIAIS

Mostra todos os fasores em relação a uma referência comum


Bastante útil para visualizar as relações de fase entre as variáveis.
Especialmente se alguma variável, como a frequência, pode ser alterada

EXEMPLO TRAÇAR O DIAGRAMA FASORIAL PARA O CIRCUITO


Qualquer uma das variáveis podem ser
escolhidas com referência. Para este caso,
selecione a tensão V
V V
LKT: I S = + + jω CV
R jωL
ω↑ ( capacitivo)
|I L|>|I C| |I L|<|I C|

I C = jωCV

V
I L=
jωl ω↑( indutivo )
EXEMPLO TRAÇAR O DIAGRMA FASORIAL PARA O CIRCUITO
−1
ω=377 ( s ) 2. POR VALORES NUMÉRICOS CONHECHIDOS

|V L−V C|=|V R |

V R=RI
V L= jω LI DIAGRAMA COM REFERÊNCIA V S =12 √ 2 ∠ 90 °
É conveniente selecionar
1 V L=18 ∠ 135 °(V ) Ler valores do
V C= I a corrente como referência
diagrama!
jωC
V S =V R+V L +V C ∴ I=3 ∠ 45 °( A )
1. TRAÇAR TODOS V R=12 ∠ 45°(V )
OS FASORES (Pitagoras)
|V L|>|V C | V C =6 ∠ −45 °
EXEMPLO
ACHAR A FREQUÊNCIA NA QUAL v(t ) E i(t )
ESTÃO EM FASE
i. e . , Os fasores para i(t ), v (t ) são colineares
1
C V= I + jω LI + RI
+
jωC
v(t ) L
Note que I foi
− Diagrama Fasorial escolhido
R como referência
jLI 1
V I  jLI  RI
jC

1 RI I
I
j C

1 2 1
V e I são colineares se jωL+ =0 ⇒ω =
jωC LC
2 1 9 4
ω = −3 −6
=10 ⇒ ω=3 . 162×10 ( rad / s )
10 ×10
ω
f= =5 . 033×103 Hz

EXEMPLO Traçar o diagama fasorial ilustrando todas as tensões e correntes

−j4 4 ∠ −90 ° Divisor de Corrente


I 1= I= 4 ∠ 45°
2− j 4 4. 472 ∠ −63 .435 °
I 1=3 .578 ∠ 18 . 435 °( A )
ANÁLISE BÁSICA VIA LEIS DE KIRCHHOFF

ESTRATÉGIA PARA SOLUÇÃO DO PROBLEMA


Para circuitos relativamente simples, usar:

Lei de Ohm para análise AC ; i .e., V =IZ


As regras para combinar Z e Y
LCK e LKT
Divisor de Corrente e de Tensão
Para circuitos mais complexos usar:

Análise Nodal
Análise de Malha
Sobreposição
Transformação de fonte
Teoremas de Thevenin e Norton
MATLAB
EXEMPLO CALCULAR TODAS AS TENSÕES E CORRENTES

Calcule I1
Use um divisor de corrente para I2 , I 3
Lei de Ohm para V 1 , V 2

V 1 =6 ∠ 90 ° I 2 V 2 =4 ∠ −90 ° I 3
Z eq=4 +( j6||8− j 4 )
V 1 =16 .26 ∠ 78. 42 °(V )
24+ j 48 32+ j 8+24+ j 48
Z eq=4 + = V 2 =7 .28 ∠ 15 °(V )
8+ j 2 8+ j 2
56+ j56 79.196 ∠ 45°
Z eq= = =9.604 ∠ 30.964°(%OMEGA )
8+ j 2 8.246 ∠ 14.036°
V S 24 ∠ 60 °
I 1= = =2. 498 ∠ 29 . 036 °( A )
Z eq 9 . 604 ∠ 30 . 964 °
j6 6 ∠ 90°
I 3= I 1= 2.498 ∠ 29. 036( A )
8+ j2 8.246 ∠ 14. 036
8− j 4 8.944 ∠ −26.565°
I 2= I 1= 2. 498 ∠ 29. 036°( A )
8+ j 2 8.246 ∠ 14. 036°
I 1=2. 5 ∠ 29 . 06 ° I 2=2. 71 ∠ −11. 58 ° I 3 =1 . 82 ∠ 105 °
EXEMPLO SE V O =8 ∠ 45 ° , CALCULE V S

Passos...

CALCULE I3
CALCULE V 1
CALCULE I2 ,I 1
CALCULE V S
VO
I 3= ( A )=4 ∠ 45 ° ( A )
2
V 1 =(2− j2 )I 3 = √8 ∠ −45 °×4 ∠ 45°
V 1 =11. 314 ∠ 0 °(V ) V S =2 I 1 +V 1 =2(2 . 828− j 2 . 829)+11. 314 ∠ 0 °
V 1 11. 314 ∠ 0 ° V S =16 . 97− j 5 . 658(V )
I 2= = =5 . 657 ∠ −90 °( A )
j2 2 ∠ 90 °
V S =17 . 888 ∠ −18 . 439°
I 1=I 2 + I 3 =5 . 657 ∠ −90 °+ 4 ∠ 45 °
I 1=− j 5 . 657+(2 .828 + j 2 . 828)( A )
I 1=2. 828− j2 . 829( A )
EXEMPLO Traçar o diagama fasorial ilustrando todas as tensões e correntes

−j4 4 ∠ −90 ° Divisor de Corrente


I 1= I= 4 ∠ 45°
2− j 4 4. 472 ∠ −63 .435 °
I 1=3 .578 ∠ 18 . 435 °( A )