Sunteți pe pagina 1din 3

GLOSÁRIO:

ADULTO → O animal é dito adulto, a partir do momento em que se calcificam as epífises ósseas. (O desenvolvimento muscular
e o “alargamento” dos ossos persiste mesmo após esta calcificação.) Não é aconselhável o uso de anabolizantes, principalmente em
animais jovens, porque pode haver uma calcificação nas epífises ósseas, prejudicando assim o crescimento.

ANATOMIA → É o ramo da biologia que lida com a forma e a estrutura dos organismos. Está portanto em intima relação com a
fisiologia, que estuda as funções do organismo. Existem três métodos de estudo da anatomia: Sistemático, Topográfico e o aplicado.
Na abordagem sistemático, o corpo é visto como constituído de sistemas de órgãos ou aparelhos que são semelhantes em origem e
estrutura e estão associados na realização de certas funções. As divisões da anatomia sistemática são:
1) Osteologia - Descrição do esqueleto (osso e cartilagem) , cujas funções são apoiar e proteger as partes macias do corpo;
2) Sindesmologia - Descrição das junturas, cujas funções são dar mobilidade aos segmentos dos ossos rígidos e mante-los unidos,
através de fortes faixas fibrosas, os ligamentos;
3) Miologia - Descrição dos músculos e estruturas acessórias que funcionam para colocar os ossos e as articulações em movimento;
4) Esplancnologia - Descrição das vísceras (incluindo os aparelhos digestivo, respiratório e urogenital, o peritônio e as glândulas
endócrinas);
5) Angiologia - Descrição dos órgãos da circulação (coração, artérias, veias, linfáticos e baço);
6) Neurologia - Descrição do sistema nervoso. Sua função é controlar e coordenar todos os outros órgãos e estruturas;
7) Órgãos do Sentido - Órgãos que põem o indivíduo em contato com o meio;
8) Tegumento Comum - Que funcionam principalmente como um sistema protetor do corpo, como uma parte importante do sistema
regulador da temperatura, voltado para as sensações e com poderes limitados de excreção e absorção.

ANDALUZ (2) - Relativo a Andaluzia; Castelhano com variações regionais, falado em Andaluzia, parte da Estrematura e Murcia.
ANDALUZIA - Região histórica (87.268 Km²) do sul da Espanha. Sua economia e baseada no cultivo de cereais, frutas cítricas,
amêndoas e principalmente na produção de óleo de oliva e de dois vinhos famosos, o "Malaga" e o "Xerez". Comum a criação de
bovinos, suínos e eqüinos. As maiores cidades são Cordova e Cevilha.
APOIO → Todo que serve de sustentáculo ou suporte; (Arquit.) Qualquer elemento que funcione como suporte de carga - ex. pilares,
pilastras, colunas...
APTIDÃO → É a capacidade do animal de transformar o alimento em produto.
ARIANO (1) → (do sânscrito ARYA = nobre pertencente a uma casta superior). O grupo etnico dos árias, povos brancos de fala indo
européia que, possívelmente na primeira metade do segundo milênio A.C. invadiram a Pérsia e o norte da India, ali se fixando. De sua
denominação provem a de Irã (nome oficial da Pérsia).
ARIANO (2) → Supostamente haveria uma raça humana pré-histórica, de cujo idioma teriam se originado as línguas indo-européias,
cujos descendentes seriam os europeus do tipo nórtico.ARTE → Capacidade que tem o homem de por em prática uma idéia, valendo-se
da faculdade de dominar a matéria. - Atividade que supõe a criação de sensações ou de estados de espirito, de caráter estético
carregados de vivência pessoal e profunda, podendo suscitar em outrem o desejo de prolongamento ou renovação.
ARTELHOS → do latim - articulu = articulações

BELEZA → Beleza é uma percepção subjetiva que desperta o sentimento agradável e positivo. Ordem, harmonia e proporções forma,
sempre, os critérios principais para classificar beleza, seguindo-se o ritmo e o equilíbrio, por fim, a força e o vigor.
Obs. A harmonia não se mede, porém as proporções podem ser determinadas através de réguas, compassos, esquadros, etc. Foi
partindo daí que chegou-se à “ lei de ouro”, critérios matemáticos universais da harmonia. Os gregos já mencionavam os “números de
ouro” por volta de 500 a.C. . No entanto, estes critérios só podem ser utilizados em animais com a mesma finalidade.
BELEZA ZOOTÉCNICA → É a harmonia entre a beleza e a função. Beleza do ponto de vista produtivo. Harmonia entre conformação
e função.
BÉRBERES (1) → Mais antiga língua do norte da África, falada atualmente desde o Marrocos ate o "Oásis de Sivah", no Egito,
concorrendo com a árabe.
BERBERES (2) → Grupo étnico Norte Africano, de raça e língua "camitica", habita principalmente regiões montanhosas, seus membros
jamais conseguiram constituir-se em um estado unitário pôr causa do acentuado espirito tribal. Sofreram varias dominações: Fenícios e
posteriormente Árabes (VII D.C.). Na idade moderna foi sucessivamente conquistada pela Turquia, França, Itália e Espanha. Hoje os
berberes são na maioria agricultores e criadores de gado.
BIOMECÂNICA → Estudo dos fundamentos mecânicos das atividades biológicas, em especial as musculares.
BIOMETRIA → Ramo da ciência que estuda a mensuração dos seres vivos. / Cálculo da duração provável da vida.
CAMITICA → Antigo grupo de línguas faladas no norte da Ásia e Eurasia, formada principalmente pelos Egípcios, Etíopes, Libios ou
Berberes. São chamadas de camiticas pôr suporem alguns que este povo descenda de Cam, segundo filho de Noé.
CELTAS → Povo de raça caucásica que habitavam a Gália, estendendo-se depois a Espanha e outros países europeus. Habitavam o oeste
e norte da Europa, e no auge do poder seus domínios iam do norte da Escócia até as praias setentrionais da Espanha e Portugal; do norte
da Alemanha até a capital romana; era delimitado no oeste pelo atlântico e no leste pelo mar mediterrâneo. Sua religião era o druísmo
praticavam sacrifícios humanos e colecionavam as cabeças dos inimigos vencidos.
CICLO ESTRAL - CLASSIFICAÇÃO QUANTO AO:
a) Policíclicas - Fêmeas de espécies que ciclam durante todas as estações do ano. ( ex. vaca, porca )
b) Estacionárias - Vários ciclos dentro de estações definidas, dependendo do meio. ( ex. égua, ovelha )
c) Dicíclicas - Ciclam duas vezes ao ano. ( ex. cadela )
d) Monocíclicas - Ciclam uma vez ao ano.
CLASSE → Estilo. Envolve as atitudes e a estética de suas partes e do seu conjunto. Principalmente na desenvoltura durante o seu
deslocamento.
COLAGÊNIO → (quím.) Proteína formada por uma hélice tríplice de cadeias de polipeptídeos, e que é o constituinte mais importante
dos tecidos conectivos dos animais.
COLÁGENO → (histol.) Substância que constitui as fibras do tecido conjuntivo.

COLUNA - PROBLEMAS DE:

Cifose Lordose Escoliose


( dorso de carpa ) ( cilhão )

COMPRESSÃO → Processo em que se aumenta a pressão num sistema pela ação de agentes externos.
CROMOSSOMAS → são filamentos largos e escuros subdivididos em pequenos compartimentos chamados locus , onde se alojam os
genes. Nas células somáticas (corporais) os cromossomos se apresentam aos pares. (Cada par é formado por dois Cromossomos
homólogos, não sendo necessariamente iguais.)
CONSTITUIÇÃO → Resultado do conjunto do organismo e das relações mutuas das suas partes, das quais depende o comportamento
do indivíduo diante das condições ambientais.
ESPÉCIE → Grupo de animais com as mesmas características morfológicas que devem fundamentalmente serem fecundos entre si.
( exceções são dromedário x camelo; bos taurus x bos indicus)
ETOLOGIA → Ciência dos costumes, que tem por base a observação do comportamento animal.
EZOOGNÓSIA → Ciência que se preocupa com a descrição metódica da morfologia exterior dos animais.
FADIGA → .... Diminuição da resistência de um material por efeito de solicitações repetidas.
FILOGENIA → A história ancestral das espécies, e estudo da modificação evolutiva que sofreu, mostrada pelos registros geológicos.
FUNDO → Capacidade de resistência a esforço prolongado. (Indispensável condição física ideal, aprumos corretos, boa organização
nervosa, aparelho respiratório e circulatório bem desenvolvidos.)
HARAS → De conformidade com a Organização Sul Americana de Fomento do Puro-sangue-de-carreira, são classificados
como “HARAS” os estabelecimentos que possuam no mínimo 12 éguas e um garanhão, ou então contar com um posto de
monta ou outro haras para fazer a fecundação dessas éguas. O haras deve contar com instalações para pelo menos 12 éguas e
seus produtos, ou seja 30 cocheiras e cerca de 36 hectares de pastagens, instalações adequadas para os cavalariços,
administração, etc.
IBÉRICO (1) → Da Ibéria antigo nome da Espanha e antigo pais da Ásia
IBÉRICO (2) → Pertencente a península ibérica, constituída pôr Espanha e Portugal
MIOGLOBINA → Pigmento respiratório intracelular presente nos músculos, especialmente nos destinados a repetidas
contrações. Quimicamente é uma proteína ligada a um grupo prostético ferroso semelhante a hemoglobina. A mioglobina
funciona como reserva de oxigênio.
MÚSCULOS → Os músculos são massas de tecido que envolvem os ossos e são responsáveis pela contração e relaxamento (parte
ativa do movimento). Os músculos são feixes compostos pelas células musculares. Como em caso dos ossos dividem-se em grupos:
a) Musculatura Cardíaca - Músculo estriado, involuntário e só se encontra no coração.
b) Musculatura Lisa - Músculo liso (sem estrias), involuntário e encontrado nas vísceras (sistema digestivo, respiratório, encobrindo
órgãos).
c) Musculatura Esquelética - Músculo estriado, voluntário e temeste nome por encontrar-se sempre ligado ao esqueleto. É
responsável pelos movimentos do cavalo.
ONTOGENIA → Estudo do desenvolvimento total do indivíduo.
PERISTODACTYLA → Mamíferos ungulados de dedos impares, grandes pernas; longas; pé com número ímpar de artelhos*, cada um
dentro de um casco córneo; o eixo funcional da perna passa através do artelho médio (3°); estômago simples, Eoceno a Recente; Eurásia,
África e América tropical.
PLACENTA - CLASSIFICAÇÃO QUANTO AO TIPO (de implantação):
a) Difusa - Apresentam vilosidades que se disseminam por todo o córion. (ex. égua e porca)
b) Discóide - (ex. rata)
c) Zonaria - (ex. carnívoros)
d) Cotiledonária - (ex. ruminantes)
PROTO → elemento grego que significa primeiro
RAÇA → Subdivisão da espécie, possuem características produtivas transmissíveis geneticamente, que possam ser diferenciadas. Para
ser considerado raça é necessário que um grupo de criadores crie o standar racial, e preocupem-se com a melhoria das características
produtivas desejáveis.
RUSTICIDADE → É a capacidade de adaptação de um indivíduo ou grupo de indivíduos, a situações ecológicas extremamente
desfavoráveis.
SELO RACIAL → Exemplo de standar racial bem definido, é uma garantia de que o animal analisado produzira no mínimo o seu
fenótipo. (É modernamente chamada de caracterização racial..)
SUB-RAÇA → Animais dentro de uma raça, que aperfeiçoam outra aptidão, modificando determinada característica externa, alterando
sua produção. Ex. vaca holandesa e vaca MRY
SUJEITAR → Tornar obediente ou dependente; dominar, subordinar, subjugar; conformar-se obedecendo; tornar sujeito o que era
livre;
SUSTENTAÇÃO → Ato ou efeito de sustentar.
SUSTENTAR → Agüentar, impedir que caia, suportar, apoiar, segurar por baixo, servir de escora.
SUSPENDER → Fixar, suster, pendurar no ar, deixar pendente
SUSPENSÃO → Gancho ou objeto apropriado para suspender.
VARIEDADE → Animais que se diferenciam do padrão racial original apenas pôr alguma característica morfológica , sem alterar em
nada nos índices de produção. Ex. “aberdeen” e “red angus” Obs. Pelagem não é caract. morfológica (do grego morfé = forma).
TECIDOS DOS LOCOMOTORES → Ossos, tendões, cartilagens e cascos.
TENSÃO → .... Retesamento de músculos estriados esqueléticos.
TIPO → Conjunto dos caracteres morfológicos do animal em relação à sua finalidade produtiva.
TIPO RACIAL → Resulta da presença dos atributos por meio dos quais as raças se caracterizam: perfil, peso, proporções;
conformação, altura, pelagem, espessura da pele, constituição, temperamento e mesmo aptidão dominante.
TIPO ZOOTÉCNICO → Conjunto de características que revelam aptidão do indivíduo a determinada produção.
TRAVAGEM → quando a gengiva nivela-se com os incisivos. Faz com que o animal tenha dificuldade de engorde.
Arestas, CRISTAS DENTÁRIAS ou MOLARES SUPERIORES CORTANTES EXTERNAMENTE = dificuldade de mastigação
(fezes com grãos inteiros, provenientes da ração) e reações ao freio. Deve-se limar os molares e pré-molares inferiores na face externa.
VOLUME SITÓLICO → Quantidade de sangue que chega no ventrículo a cada sístole ventricular.
ZOOFANIA → É a encarnação de uma alma humana no corpo de um animal, de acordo com a carga de faltas cometidas na terra.
Segundo algumas culturas antigas e suas derivações como o budismo e outras religiões orientais.
ZOOGENIA → Preocupa-se com a geração dos animais
ZOOGNOMIA → Procura conhecer o íntimo dos animais com base nos traços morfológicos e na sua evolução sobre a terra.
ZOOMORFISMO → Culto religioso de deuses em forma da animais.
ZOOPATIA → Assimilação da natureza animal pelos seres humanos treinados. (Sentir o mesmo que os animais.)
ZOOPNEUSTIA → Ciência comum a uma época em que o ser humano convivia normalmente com os animais, como em uma única
família.