Sunteți pe pagina 1din 3

O rito da estrita observância

Barão von Hund


ÍNDICE DE HISTÓRIA
ARS QUATUOR CORONATORUM
ÍNDICE DE TRABALHOS
.
O rito da estrita observância
Muito foi escrito - tanto por pedreiros quanto por não pedreiros - sobre as supostas raízes
da Maçonaria nos Cavaleiros Templários das Cruzadas. De onde veio essa ideia? O
cavaleiro Andrew Michael Ramsay (1686/06 / 09-1743 / 05/06) promoveu a idéia de uma
origem dos cruzados, mas ele não foi o primeiro, nem destacou os Templários.
Embora o verdadeiro criador da teoria nunca possa ser conhecido, são creditados três
promotores: CG Marschall von Bieberstein, Karl Gotthelf Hund , Barão von Hund e
Alten-Grotkau (1722/09/01 - 1776/10/28) e Johann Auguste von Starck (1741/10/29 -
1816/03/13). Gould também observa: "Em 1743, os maçons de Lyon inventaram o grau
Kadosch, compreendendo a vingança dos templários, e assim estabeleceram as bases para
todos os ritos templários". 1 Dentre todos, Von Hund e seu Rito de Estrita Observância
tiveram a maior influência na Maçonaria de seu tempo e em graus adicionais aos dias
atuais.
Da estrita observância, Gould diz: "Durante vinte anos, desde o seu nascimento, ele
permaneceu adormecido ou fez apenas um progresso infinitesimal; durante os próximos
vinte anos, permeou toda a Europa continental até quase toda a exclusão de todos os
outros sistemas; nos dez próximos praticamente deixou de existir ... Todo o sistema se
baseava na ficção de que, na época da destruição dos Templários, um certo número de
Cavaleiros se refugiava na Escócia, e lá preservava a existência da Ordem. " 2
O historiador maçônico francês Claude Antoine Thory escreveu que Von Hund se formou
em templários no Chapitre de Clermont, estabelecido pelo Chevalier de Bonneville em 24 de
novembro de 1754, mas isso é comprovadamente falso. Von Hund deixou a França pela
última vez em 1743 e montou seu primeiro capítulo de Templer em Unwurde, em 1751. 3
Enquanto Gould, e a maioria dos estudiosos maçônicos, desconsidera as alegações de
Hund de ter sido iniciada nos Templários por volta de 1742, o tópico permanece
controverso. Ele pode muito bem ter sido o engano involuntário da intriga de Stuart em Paris
e um esquema jacobita que entrou em colapso após a derrota em Culloden em 1746. Ele
certamente recebeu suas primeiras instruções de Lord Kilmarnock, de modo que não foi o
criador dessa Ordem Templária, mas seu promotor. e desenvolvedor.
O precursor de Hund na Alemanha fora o sombrio CG Marschall von Bieberstein, que
fundou duas lojas, a Loja dos Três Martelos em Naumberg, em 1749, e a outra em Dresden,
de onde vêm os primeiros registros da concessão de títulos de cavalaria. Hund reconheceu
a precedência de Marschall e não assumiu o cargo de grão-mestre provincial até depois da
morte de Marschall.
A Guerra dos Sete Anos de 1756 a 1763 atrasou o progresso da ordem e, no final da
guerra, não havia mais de trinta Cavaleiros.
Em 1763, um Johnson, "um trapaceiro consumado e um vagabundo sem mitigação" - que
provavelmente se chamava Becker ou Leucht, um criado de Mr. Johnson que havia
recebido certos graus templários - convenceu o Capítulo Clermont em Jenna de que ele era
um emissário de a Ordem do Templo, encarregada de organizar a Ordem na Alemanha.
Hund estava inclinado a acreditar nele e publicou seu reconhecimento da posição de
Johnson em 3 de janeiro de 1764. A impostura continuou até o convento de Altenberg, em
26 de maio de 1764, quando Hund foi nomeado por Johnson como futuro superior. Hund,
que não era charlatão nem tolo, expôs a fraude de Johnson, prendeu-o em 24 de fevereiro
de 1765 e, embora nunca tenha sido levado a julgamento público, confinado em Wartburg
em 18 de abril, onde morreu em 13 de maio de 1775.
O convento reconheceu a autoridade de Hund e a ordem cresceu até que houvesse filiais
na Rússia, Holanda, França, Itália e Suíça com membros que continham muitos dos
príncipes da Alemanha, que estavam preparados para jurar lealdade à Ordem, aos
superiores desconhecidos e ao provincial. Grão-mestre, Von Hund.
Mas a harmonia não prevaleceu. Um dos principais promotores da ordem naquele
momento, Johann Wilhelm von Zinnendorff (1731/08 / 10-1782 / 06/06) renunciou em 16 de
novembro de 1766 para promover o sistema sueco que mais tarde se tornou a Grande Loja
Nacional de Berlim, e um poderoso rival da estrita observância.
Também nesse ponto, os membros da estrita Observância se cansaram de esperar por
instruções nos ensinamentos secretos dos superiores desconhecidos. Hund foi honesto
demais para inventar algo, mas estava esperando por algum sinal. Em 17 de fevereiro de
1767, uma nova ordem, Clerici Ordinis Templarii, tentou preencher o vácuo. Entre outros,
[Jean Auguste] Starck (1741-1816), estabeleceu em Wismar a Loja dos Três Leões e criou
a ficção de que os Cavaleiros Templários eram divididos em membros militares e
sacerdotais, sendo que este último possuía um aprendizado místico secreto que eles
tinham. preservado. Starck afirmou ser o emissário desses templários clericais. Hund
acreditava nele e foi proposta uma aliança formalizada no convento de Kohlo, de 2 a 24 de
junho de 1772. Em 1775, alguma incerteza sobre a autoridade de Hund e uma insatisfação
com o fracasso dos clérigos em revelar seu conhecimento místico levaram a um convento
em Brunswick, 23 de maio a 6 de julho de 1775.
O convento se dissolveu com insatisfação geral e determinação em investigar a descida dos
templários, preparando o terreno para mais um impostor, Gugumos, que apareceu pela
primeira vez no convento de Brunswick, dando dicas de conhecimentos especiais. Em 19 de
abril de 1776, ele fez um convite para um convento em Wiesbaden, a ser realizado em 15
de agosto de 1776, onde fez um discurso longo e obscuro sobre a prática das ciências
ocultas. O convento terminou em 4 de setembro de 1776, com muitos membros pagando
grandes quantias para serem reiniciados e apresentados com novos acessórios e jóias,
enquanto outros insistiam que ele demonstrasse suas habilidades pela primeira vez. Sua
fraude logo exposta, Gugumos fugiu para a Holanda, morrendo em Munique em 1818.
Von Hund morreu em 28 de outubro de 1776, suas propriedades pessoais bastante
reduzidas por seus gastos em promover e apoiar a Ordem.
Deputados da Grande Loja da Suécia reuniram-se com deputados do Diretório de
Observância Rigorosa em Hamburgo em 28 de abril de 1777 para promover a eleição do
Duque de Sudermania, Karl, como Vice-Grão-Mestre da Estrita Observância, ele já sendo
Grão-Mestre do Grão-Mestre. Loja da Suécia.
Um convento foi realizado em Wolfenbüttel, de 28 de julho de 1778 a 27 de agosto de 1778,
onde o ato de união foi confirmado e Karl eleito. Os clérigos se retiraram do sistema,
enquanto as lojas sob a Grande Loja dos Três Globos se retiravam da Estrita Observância.
Mas algumas lojas dinamarquesas, assim como outros capítulos, protestaram e outra
reunião foi realizada em Brunswick, de 24 de agosto a 9 de dezembro de 1779, onde o Ato
de União foi substituído por um pacto de amizade e reciprocidade.
Os superiores desconhecidos ainda não haviam se revelado, os grupos rosacruzes estavam
seduzindo seus membros e o duque de Sudermania renunciou em 20 de abril de 1780. Um
convento em Wilhelmsbad, de 16 de julho de 1782 a 1 de setembro de 1783, resolveu e
declarou que os maçons não eram os sucessores de os Templários, e que o jogo dos
Cavaleiros Templários seria interrompido. Resultou em uma reformulação geral do ritual e,
com efeito, a estrita observância deixou de existir.

1 . Robert Freke Gould, História da Maçonaria , vol v, p. 141. Ver também Claude Antoine
Thory (1759/05/26 - 1827/10 /?), Acta Latomorum, ou Cronologia da História da França -
Maçonnerie Française et Érangère ... ouvir ornamentos de figuras. Paris, 1815. vol. eu p. 52
2 . Gould , vol. V. P. 99. Ver também as páginas 100-113.
3 . Gould , vol. 94. Cf. Georg Burckhardt Franz Kloss (1788-1854 / 02/10 ), Geschichte der
Freimaurerai in Frankreich , Alemanha: aus ächten Urkunden dargestellt. (1725-1830)
Darmstadt: G. Jonghaus, 1852. vol.