Sunteți pe pagina 1din 6

212

Incubo atacando uma virgem

IAH - Segundo a cabala hebraica, significa vida.

IAOS - Entre os caldeus, é o nome da divindade suprema. Também


significa alento de vida.

IATROQUÍMICA – Arte de preparar os medicamentos alquímicos.

ÍBIS: A Ibis, a garça, o falcão, a fênix, o cisne, o pato, o pavão, etc., têm
sido usados como modelos da Ave do Retorno, conhecidas nos Mistérios
Egípcios como a Ave Benu. A íbis é especialmente consagrada a Toth, o
Deus da Magia.

ICHTHYOMANCIA - Antigo sistema de adivinhação baseado na


interpretação de certos sinais observados nas entranhas dos peixes. 0
célebre Homero fala deste processo que caiu no esquecimento nos tempos
de Roma.

ICHTHYS - Palavra grega que significa peixe. 0 símbolo do peixe foi


atribuído a Jesus Cristo, porque as cinco letras gregas que compõem tal
palavra são as iniciais da seguinte frase grega: lesoús Christós Theoú Uiós
Sotér, que significa "Jesus Cristo, o Salvador, Filho de Deus". Por isso, o
peixe aparecia nos monogramas dos antigos cristãos.

213
ICURIN - É o inferno das antigas crenças gaulesas. Acreditava-se ser uma
região subterrânea e horrível, nunca banhada pelos raios do sol, em cujas
trevas moravam répteis, insetos venenosos, leões ferozes e lobos que
cravavam suas unhas e dentes no corpo do condenado.

ID – (latino, pronome neutro), “isto”. Em psicanálise é a parte da psique


tida como reservatório da libido e a fonte da energia instintiva. É dominado
pelo princípio do prazer e impulso instintivo, mas seus impulsos são
controlados pelo desenvolvimento do princípio superior, que é o ego ou
superego. Correspondente em parte à consciência elemental ou
subconsciente dos ocultistas e teósofos.

IDEOS - Nas obras de Paracelso, esta palavra tem o significado de caos, ou


mysterium magnum.

IESODE: A nona Sephira da Arvore da Vida. A Esfera da Lua que é o


símbolo astronômico da Mudança e, portanto, da Magia. Os mistérios do
Sexo estão particularmente atribuídos a esta Sefira, que é a esfera da
atividade dos Iezídes, ou adoradores de Shaitan.

IEVE – Tetragrama místico hebraico empregado para exprimir o nome da


divindade, sem o pronunciar. Escreve-se assim, porém em hebraico de trás
para frente: EVEI e pronuncia-se cada letra separadamente: Iod, He, Vô,
He que juntas podem ler-se: Iéve, Ióva, Jeovah. Nome santo, princípio da
vida e do amor, um dos mais misteriosos da teologia hebraica.

IEZIDE: 0 profeta dos Iezides, que precedeu a Maomé em muitos séculos e


que estabeleceu o culto de Shaitan na Suméria. Crowley era uma
reencarnação deste Profeta e 0 Livro da Lei foi o cumprimento da promessa
de "um livro escrito da eternidade", ou seja, de uma fonte extraterrestre. 0
místico centro de culto dos Iezides é a sefira lesode ou lezode, a Esfera da
Lua, que trata especialmente da Magia da Transformação. 0 número de
YZID é 31 que é o [número] de AL, de LA, de LAShTAL, de 0 Livro da Lei e
da Corrente Aiwaz.

IGNIS LEONIS - 0 leão de fogo é um fogo alquímico.

IGNIS OETHEREUS - Pedra infernal (nitrato de prata fundido).

I.H.V.H. - As potências masculino-feminina unidas num único Nome -


Iehovah (Iah-Hovah) - e que é impronunciável porque não pode ser falado.
Esta é a Palavra Silente, e seus efeitos são manifestados através de
vibrações. 0 número de Iehovah (IHVH) é 26, que é a soma dos números do
tronco (coluna central) da Árvore da Vida. IHVH também sintetiza os
Elementos Fogo, Água, Ar e Terra, nesta ordem. Eles são energizados pelo
Fogo (o Pai), e pela Água (a Mãe), e transmitidos através da atmosfera (Ar,

214
representado pelo Filho), e manifestados na carne (Terra, representada
pela Filha).

ILECH CRUDUM - Termo alquímico que expressa a combinação de um


corpo, formado por seus três princípios constituintes, representados pelo
sal, o enxofre e o mercúrio, ou seja: corpo, alma e espírito respectivamente
nos elementos da terra, da água e do fogo. (Paracelso).

ILECH MAGNUM - Expressão alquímica que significa o poder curativo da


medicina espagírica. (Paracelso).

ILECH SUPERNATURALE - Termo alquímico que indica a união das


influências astrais - superior e inferior. (Paracelso).

ILEIADES - 0 princípio vital.

ILIADOS - Segundo Paracelso, este termo tem o mesmo significado que


ideos, na matéria primordial.

ILIASTER - Em alquimia, significa o poder oculto da natureza, por meio do


qual todas as coisas crescem e se multiplicam. Matéria primordial;
matéria-prima.

ILIASTER PRIMUS - A vida: o bálsamo da natureza.

ILIASTER SECUNDUS - 0 poder da vida inerente à matéria.

ILIASTER TERTIUS - 0 poder astral do homem.

IMAGEM ASTRAL – Princípio que dirige o duplo do homem ou de qualquer


outro ser físico.

IMAGINAÇÃO - Em ocultismo não deve ser confundida com a fantasia, já


que a imaginação é o poder plástico da alma, produzido pela consciência
ativa, o desejo e a vontade.

IMPRESSÃO - Uma má impressão é o efeito de uma imaginação daninha


que pode ocasionar sérios transtornos corporais e mentais.

INCENSO - Goma-resina que é extraída do Junipenas thurifera e que vem


da África em forma de grãos de diversos tamanhos. Esta substância tem
diversas aplicações medicinais, mas é mais conhecida desde a antiguidade
como purificadora dos ambientes dos templos para as cerimônias
religiosas sob a forma de fumaça.

215
INCONSCIENTE – Princípio que dirige os órgãos ou seres fora da
consciência

INCUBOS - Demônios que seduziam as mulheres. Contam que eles


praticavam o ato carnal sem que produzisse na vítima uma verdadeira
satisfação, mesmo que o incubo assumisse a forma do homem querido. 0
espasmo venéreo determinava uma forte ejaculação seminal, que a mulher
sentia como se penetrasse em seu interior uma violenta corrente de gelo.
Este demônio também teria uma potência extraordinária, que lhe permitia
repetir o coito um ilimitado número de vezes.

INDIVIDUALIDADE – Este termo indica o fragmento divino encarnado no


homem, a parte imperecível e imortal. Distingue-se assim da personalidade
que perece todas as vezes que o homem abandona a existência física.

INDIVIDUALIZAÇÃO – É a lei do progresso e da evolução que faz do ente


um poder cada vez mais consciente e livre das leis fatais dos planos
inferiores. É pela individualização que os animais passam para o plano
humano e os homens passam para o plano divino, pois esta faculdade
aumenta cada vez mais seu poder consciente.

INFLUÊNCIAS MÁGICAS - Os magos, reconhecendo o grande princípio da


constante influência que tudo exerce reciprocamente na natureza,
estudaram com muita atenção as que atuam no homem de modo favorável
ou adverso, e dividiram-nas, segundo sua origem, em influências dos
astros ou astrológicas, naturais ou dos seres e das coisas, influências da
vontade, do amor ou do ódio, e influências sobrenaturais dos bons e maus
espíritos.

INICIAÇÃO – Espécie de educação gradual, na qual o discípulo instruído


primeiramente nas suas possibilidades por meio de uma exposição
dogmática e ainda hipotética, desenvolve em si por seus próprios esforços
faculdades transcendentes das quais não possui agora senão o germe.

INICIADO – É o que tem conhecimento dos mistérios ou seja passou pelas


iniciações.

INSENSIBILIDADE - Existem muitos indícios de que certos bruxos sabiam


preparar pomadas e misturas capazes de produzir um estado de
insensibilidade que lhes permitia sofrer sem grandes dores todas as
crueldades da tortura. Nisso não há nada de estranho, se de fato eles
conheciam os poderes dos narcóticos e anestésicos existentes em algumas
plantas, mesmo antes de elas serem aproveitadas pela ciência.

INTUIÇÕES - Nome dado aos pressentimentos, ou melhor, ao fenômeno


bastante freqüente de que num determinado instante o sujeito sente o que

216
vai acontecer, ou que está acontecendo num lugar distante de onde está.
Até há pouco tempo, o fato da intuição era quase impossível de se explicar.
Mas as conquistas realizadas no campo das descobertas psicológicas e
magnéticas deram origem aos curiosíssimos estudos da telepatia, onde fica
evidente a possibilidade da transmissão de idéias de cérebro para cérebro,
consciente ou inconscientemente. Portanto, é bem natural a produção dos
pressentimentos, ficando descartada toda hipótese que pretende apoiar-se
no extra físico e maravilhoso.

INVISIBILIDADE - Os grimórios costumam trazer diversos segredos cujo


uso torna a pessoa invisível. Não é preciso dizer que é uma das
preocupaç5es humanas carentes de qualquer fundamento.

INVOCAÇÃO - Ao invocar, o mago busca e pede a proteção das potências,


valendo-se das palavras e das fórmulas invocatórias como o melhor meio
para conseguir o poder que deseja. Estudando a fundo o verdadeiro valor
das palavras invocatórias, chegamos a compreender que se as fórmulas
dadas têm uma ação eficaz - a que se associa o valor dos pensamentos que
encerram e o efeito astral dos sons das letras, cuja modulação contém
ações especiais no campo do invisível - isto não impede que o iniciado,
conhecedor dos mistérios de ambas as ações, não possa improvisar uma
invocação ou modificar qualquer outra segundo lhe aconselhem as
condições da experiência realizada.

IOGUE – Devoto que pratica Ioga.

IOD - Princípio, manifestação, honra viril, falo, cetro paternal. Quando é


vogal, simboliza a divindade; é a imagem da manifestação potencial,
duração espiritual, eternidade, poder ordenador. Se torna consoante,
designa duração material.

IPCACIDOS - Pêlos da barba de um bode (termo goético).

ISWARA – O logos de onde são emanadas todas as individualidades.


Palavra sânscrita que significa Senhor.

217