Sunteți pe pagina 1din 4

EBD – A MORDOMIA DA IGREJA LOCAL – 4 DE AGOSTO DE

2019

1) Igreja – vêm do grego “ekklesia”, que significa “chamados para fora”,


dando a entender que é um grupo distinto selecionado e tirado para fora
de algo. Sempre era utilizado para se referir a um grupo cristão e não o
edifício em si (1 Co.14.9).

 Era formada nas casas comuns


 É Universal, ou seja, crentes de todas épocas e todo mundo.
 A formação da igreja se deu mesmo após a destruição do templo, pelos
Romanos, porém de forma tímida. Após a cristianização do império
romano, essa institucionalização ganhou grande força através de Cipriano
(258 D.C). Ele considerou os bispos/pastores como sucessores dos
Apóstolos.
 Na idade média, a Igreja Católica passou a conceituar “igreja” como
instituição hierárquica intermediadora da graça e das bênçãos divinas.
 Agostinho defendia que o Estado deveria ser submisso à Igreja, não
somente nas questões religiosas, mas também nas políticas.

 Através dela a multiforme de Deus é manifestada Ef. 3.10.

 Muitos debatem quando a igreja se iniciou. Uns entendem que foi


quando Jesus chamou seus primeiros discípulos, outros quando disse
para Pedro que sobre essa igreja estabelecia sua igreja, outros defendem
que foi após suas ressurreição e ascenção ao céu, outros quando da
descida do Espírito Santo, etc.

2) Tem suas divisões eclesiásticas:

1) Apóstolos,
2) profetas,
3) doutores,
4) milagres, dons de curar,
5) socorros (assistência),
6) governos,
7) variedades de línguas,
8) evangelistas,
9) pastores,
10) doutores,
Obreiros na obra do Senhor:
 Lealdade
 Amor
 Capacitação
 Sigiloso – Art. 154 CP - Revelar alguém, sem justa causa, segredo, de que
tem ciência em razão de função, ministério, ofício ou profissão, e cuja
revelação possa produzir dano a outrem:

Pena - detenção, de três meses a um ano, ou multa.

Prioridades na vida do obreiro:


 Seu relacionamento com o Senhor
 Sua família
 Seu ministério e trabalho.

Prioridades do Ministério
 Evangelização
 Discipulado
 Comunhão
 Assistência Social
 Treinamento de Obreiros
Ressocialização de pessoas

3) A mordomia e valorização da Palavra de Deus.

 É necessário ter primazia

 Ter esforço e profundidade

 Boa interpretação, a fim de evitar graves equívocos e heresias. Como


interpretá-la? Explicar um pouco a simplicidade que a reforma protestante
trouxe (somente as escrituras, pois a Igreja Católica Apostólica Romana
deu muita ênfase aos credos, leis papais, etc).

 Deve-se dar muita honra aos eruditos das escrituras sagradas, pois são
os que nos alimentam espiritualmente. Dizia um antigo provérbio:
“devemos honrar mais os nossos pastores//mestres do que os nossos
pais, pois esse nos traz a esse mundo e aqueles nos leva para a vida
eterna”.

4) A mordomia da evangelização e do discipulado


 A maior dificuldade e desinteresse dessa geração é fazer discípulos. Os
ministros e líderes estão querendo seguidores e não discípulos de Cristo.
Alguns tem receio de seus discípulos serem melhores do que ele.

 Quando pregamos apenas um Deus de amor, para aqueles que


continua a transgredir, tem como certo que homens e mulheres não
podem ser melhores do que são. Enfatizamos a grande fé da
humanidade em Deus, mas diminuímos a fé Divina na humanidade.
Quando pregamos um Deus de Lei, Ordem, isso leva as pessoas a
reconhecerem que suas bênçãos exigem obrigações, que privilégios
carregam responsabilidades. A pessoa se esforçará para dar o seu
melhor.

 Já imaginou o mundo sem a palavra de Deus? Como dizia


Dostoievsky: "Onde não há Deus, tudo é permitido". Viveríamos sob
opiniões subjetivas quanto a comportamentos desejados ou indesejados.
O certo e o errado seriam apenas eufemismos para o gosto pessoal: "se
você não gosta de roubar, então considera isso errado, se você gosta de
roubar, então considera isso certo". Não poderíamos dizer que os nazistas
estavam errados. A palavra do Eterno e suas regras, não são sugestões,
mas o Norte que rege todas as Nações, a regra de conduta, o manual do
cidadão herdeiro do céu, a Constituição Maior.

 Desde o Pentateuco, Deus revelou às gerações seus princípios, seus


fundamentos, os conceitos éticos e morais. Depois, houve o
aperfeiçoamento com o Amor de Cristo para a humanidade

 Deus deixou sua palavra porque o que fazemos ou deixamos de fazer


afeta a nós mesmo.

5) A mordomia da Assistência Social - Igreja que não tem aplicação social.


Suas palavras ficam vazias, pois não conseguem alterar o estado das
pessoas sem ajuda-las materialmente. Veja o exemplo da igreja primitiva
que se esforçava para nenhum dos seus membros passarem
necessidade.

6) A mordomia de congregar na igreja

 Por que as igrejas estão vazias? Será que todas são assim?