Sunteți pe pagina 1din 35

UNIVERSIDADE PAULISTA

SEPI – SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL INTERATIVO

JUCIMAR CARMO DA SILVA

PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR V

SS COMÉRCIO DE COSMÉTICOS E PRODUTOS DE HIGIENE PESSOAL LTDA

MANAUS

2020
JUCIMAR CARMO DA SILVA

PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR V

SS COMÉRCIO DE COSMÉTICOS E PRODUTOS DE HIGIENE PESSOAL LTDA

MANAUS

2020
RESUMO

A Jequiti apresenta-se hoje em constante crescimento no mercado de


cosméticos, higiene pessoal, perfumaria e fragrâncias, está no mercado há 13 anos,
e neste período conquistou uma posição de destaque no Brasil.

A empresa tem como razão social: “SS Comércio de Cosméticos e Produtos


de Higiene Pessoal Ltda”, inscrita sob o número de CNPJ 07.278.350/0001-63, é
uma sociedade empresarial limitada, com supressão de subsidiária, trabalha através
de vendas diretas. A empresa foi aberta no ano de 2005 e colocada no mercado em
2006 por Íris Abravanel e Sílvio Santos, na Rua das Comunicações nº 927 – Galpão
Industrial Pavilhão B – Bairro Industrial Anhanguera, em Osasco-SP.

Sempre muito atencioso, o pai de uma família com seis filhas percebeu o
gosto das meninas pelos cosméticos. Durante algumas viagens, notou que o mesmo
interesse também era compartilhado por inúmeras outras mulheres e logo seu faro
empreendedor fez com que ele enxergasse um novo mercado promissor.

Com muito empenho e determinação, e apesar de alguns percalços no


caminho, Senhor Abravanel (Sílvio Santos) pôde realizar mais um de seus sonhos e
deu vida, em 2005, à empresa Jequiti. A marca de cosméticos e perfumaria do
Grupo Silvio Santos faz parte da vida de toda a família. Carrega consigo a força de
onde veio a sua inspiração, o Jequitibá: é uma empresa forte, poderosa, perene e
protetora.

São mais de 700 produtos sendo vendidos por mais de 170 mil consultores
em todo o país. Dessa maneira, a Jequiti espalha pelo Brasil sua postura de
empresa preocupada com o bem estar das pessoas, com o futuro do planeta e com
uma melhor qualidade de vida.

Palavras chaves: Centro de Distribuição, Finanças, Armazenagem


SUMÁRIO

1. INTRODUÇÃO ..................................................................................................... 5
2. CENTRO DE DISTRUIBUIÇÃO – ESTRATÉGIAS E LOCALIZAÇÃO................ 6
2.1. Modelos Logísticos ............................................................................................... 6
2.2.1. Estratégias de Logística ................................................................................. 7
2.2.2. Resultados ..................................................................................................... 7
2.3. Operações de recebimento................................................................................... 7
2.4. Armazenagem ...................................................................................................... 8
2.5. Separação ............................................................................................................ 9
2.6. Expedição ........................................................................................................... 10
3. MOVIMENTAÇÃO E ARMAZENAGEM ............................................................. 12
3.2. Movimentação .................................................................................................... 12
3.2.1. Embalagens de expedição e recebimento ................................................... 12
3.3. Armazenagem .................................................................................................... 12
4. MATEMÁTICA FINANCEIRA ............................................................................. 13
5. CONSIDERAÇÕES FINAIS ............................................................................... 14
6. REFERENCIAS .................................................................................................. 15
5

1. INTRODUÇÃO

Este trabalho descreve a importância do Centro de Distribuição – Estratégias


e Localização, Matemática Financeira para a empresa Jequiti que com 16 anos de
mercado e, em fase de crescimento, decidiu reposicionar-se após detectar falhas em
sua comunicação entre os seus centros de distribuições no ano de 2016. Em 2017 a
Jequiti chegou além com investimentos em tecnologia da informação e produtos
inovadores, aumentando a qualidade, credibilidade e confiança de seus funcionários
e consumidores. Também será apresentado neste trabalho uma análise do ramo de
cosméticos no Brasil, e quais são as principais concorrentes diretas da Jequiti que
trabalham com vendas diretas de cosméticos. Também qual é a nova visão, missão
e valores que a empresa pretende apresentar nos próximos anos.

Esta é a SS COSMÉTICOS. Fruto da determinação de um homem


empreendedor, Senhor Abravanel, que não se deixa desanimar pelas adversidades,
que de um simples camelô, desenvolveu empresas fortes, gerou milhares de
oportunidades de empregos, criou autonomia e independência financeira para
muitas famílias brasileiras e realizou sonhos de milhões de pessoas. A SS
Cosméticos é mais uma empresa do Grupo Silvio Santos: forte, poderosa, protetora
e perene, como o Jequitibá, árvore centenária da flora brasileira, inspiração para o
nome JEQUITI.
6

2. CENTRO DE DISTRUIBUIÇÃO – ESTRATÉGIAS E LOCALIZAÇÃO

A Jequiti, empresa de cosméticos do Grupo Silvio Santos, reduziu


drasticamente o volume de produção terceirizada inaugurando a sua primeira fábrica
no país em janeiro de 2013. Foi o maior investimento do grupo – entre R$ 60
milhões e R$ 80 milhões – desde a entrada da empresa na área de venda direta de
cosméticos, em 2006.

Localizado em um terreno de 100 mil metros quadrados que pertence ao


grupo, na Rodovia Anhanguera, em São Paulo, próximo à sede da rede de televisão
SBT. Esse espaço irá reunir também um novo Centro de Distribuição de atuação
nacional.

Apenas as linhas de maquiagem e de sabonetes devem continuar a ser


fabricadas por companhias terceirizadas. As linhas de cremes, perfumes, produtos
para cabelo e desodorantes (áreas que somam 40 marcas) serão produzidas na
unidade.

A Jequiti ainda abriu três novos CDs, além do que foi inaugurado na sede em
São Paulo. O primeiro começou a operar no início de 2011, em Porto Alegre, RS,
outro funciona em Maceió, AL, e um terceiro centro fica no Estado de Goiás. Com
esses investimentos, que somados podem ultrapassar R$ 100 milhões, a
concorrente direta de Natura e Avon busca ganhos de eficiência, com possível
queda no prazo de entrega de produtos ao cliente.

2.1. Modelos Logísticos

A Jequiti teve sua estruturação baseada na contratação de profissionais de


renome do mercado de cosméticos, recrutando profissionais da concorrência e o
resultado não poderia ter sido melhor.

A venda direta via catálogo é um sistema de comercialização de bens de


consumo e serviços, realizado por meio de contato pessoal entre o vendedor e o
consumidor fora do estabelecimento comercial da empresa.
7

A partir dos Centros de Distribuição, é feita a distribuição dos produtos para


seus revendedores espalhados por todo o país, uma demanda bastante pulverizada.

A empresa possui um dos maiores Centros de Distribuição das Américas,


tanto na parte de assessoria aduaneira para a utilização dos benefícios fiscais, com
liberações parciais, substituindo 30 transportadoras de ineficientes aos olhos do
gestor de logística Carmo Junior, com isso contratando novas transportadoras. Com
isso, reduzindo o prazo de entrega ao consumidor em 40%.

O próximo passo da empresa é melhorar a infraestrutura de seus CD’s,


atualmente a empresa trabalha com sua produção terceirizada na área logística,
está previsto a inauguração de um novo Centro de Distribuição em Recife (PE) e em
Boa Vista (RR), com essas providencias a empresa adquire forças necessárias para
enfrentar em melhores condições as concorrentes.

2.2.1. Estratégias de Logística

• Foram substituídas 30 transportadoras ineficientes por 7 grandes


empresas do ramo;

• Disso resultou em 40% de redução no prazo de entrega ao


consumidor;

2.2.2. Resultados

• O faturamento da Jequiti foi multiplicado por 10 dentro do curtíssimo


período de 02 anos;

• O faturamento em 2019 chegou à R$ 209 milhões.

2.3. Operações de recebimento

A atividade de recebimento é a primeira etapa da trajetória do produto no CD.


Essa etapa é essencial para a realização das outras atividades, envolvendo o
descarregamento das cargas e a conferência da quantidade e da qualidade dos
produtos entregues pelos fornecedores.
8

A carga já vem paletizada da maioria dos fornecedores e boa parte dos


fornecedores já tem qualidade assegurada, o que agiliza ainda mais esse processo,
todos os paletes são enviados para o almoxarifado central (armazém vertical) um
dos mais avançados do Brasil, considerado toda logística envolvida nos processos
de fabricação e distribuição.

2.4. Armazenagem

O hub de Itupeva, no interior de São Paulo, ocupa um prédio com 35 mil m²,
com 90 mil posições pallets, 13 corredores com trans-elevadores, 35 mil posições de
caixa (armazém de caixa), dois robôs despaletizadores, dois robôs de paletizadores,
carreta automática e esteira telescópica para granel.

Trata-se de um conceito inovador em nível mundial que trouxe os seguintes


benefícios:

✓ Redução de 72% de mão de obra;

✓ Fim da armazenagem externa;

✓ Expedição automatizada (expedição sem conferência);

✓ Sistema de despaletização (zero pessoa com trabalho manual e tudo


de forma integrada através de esteiras e um sistema WCS);

✓ Sistema de paletização;

✓ Granel na metade do tempo e com a metade das pessoas;

✓ Atendimento ao Centro de Distribuição (CD) de São Paulo mais


próximo de Itupeva em três horas;

✓ Looping do armazenamento de caixa.

O CD de São Paulo é a segunda sede da empresa, ocupa 26 mil m², abriga


as áreas comercial, de TI e administrativa e uma central de monitoramento online.
Tem a seguinte estrutura:
9

✓ Capacidade de estoque de três dias com captação estendida no hub;

✓ 74 mil posições de caixas disponíveis para linha de picking;

✓ Recebimento automático dos 48 pallets de forma rápida;

✓ Expedição rápida automática com dois robôs de despaletização;

✓ Expedição automática com dois robôs paletizadores;

✓ Estações para fracionamento e packing para atender e-commerce;

✓ Descentralização do WMS para permitir melhor rastreabilidade;

✓ Interfaces são intuitivas para incluir 18% de pessoas com deficiência;

✓ Gestão de performance individual;

✓ Pré-separação dos pedidos (picking antecipado);

✓ Rastreabilidade de lote para o consumidor final.

2.5. Separação

O modelo ideal para a operação depende de uma série de fatores, tais como:

• Unidades de separação (se os pedidos são separados em pallets,


caixas, fracionados, por peso etc.)

• Quantidade de pedidos processados no dia

• Quantidade e diversidade de SKUs no armazém

• Tempo estimado para a separação do pedido

• Tipos de produtos armazenados (sua forma, grau de fragilidade etc.)

• Facilidade ou dificuldade na unitização de cargas

• Dimensões e layout operacional do armazém


10

• Volume de estoque

• Sazonalidade nas vendas.

Após a separação e conferência dos produtos, são formados paletes e é


fechada a carga que vão para mais de 5 mil municípios em todas as regiões do
Brasil e países da América Latina. As consultoras Jequiti são atendidas por um
sistema de operações e logística que integra materiais, produtos e pessoas.

A Jequiti utiliza do modelo de crossdocking, técnica logística derivada da


administração just in time, a qual determina que seus produtos e matérias-primas
estejam disponíveis no estoque a partir do momento em que forem necessárias.

Pois são mercadorias que já possuem demandas para saída. Com isso, além
de se manter um nível baixo de estoque no Centro de Distribuição (capital investido),
não se gasta tempo, mão de obra e nem espaço armazenando produtos com
expedição imediata.

Com isso há uma redução no manuseio de produtos, pois não serão


armazenados e posteriormente separados, com redução do tempo de entrega ao
cliente, pois não se gasta tempo com o preparo dos pedidos, redução do capital de
giro, pois as compras só são executadas quando há um planejamento de vendas,
redução de custos logísticos, uma vez que não existem despesas com mão de obra,
equipamento e área de armazenagem. Estoque zero, ou seja, eliminam-se as
preocupações com o estoque parado, com a falta do produto em estoque (stockout)
e com a previsão de demanda.

Gerando resultados desejados com pois as operações são muito bem


sincronizadas, seguindo perfeitamente o Just in time da empresa.

2.6. Expedição

A expedição é a última etapa a ser realizada no CD. Consiste basicamente na


verificação e no carregamento dos produtos nos veículos, podendo envolver
algumas atividades como:

✓ Conferência do pedido;
11

✓ Preparação dos documentos de expedição e pesagem da carga para


determinação do custo de transporte.

Na Jequiti toda a carga é montada fora do caminhão e depois, através de um


sistema de esteiras motorizadas e elevadores, transporta-se tudo para o interior da
carreta. Esse processo de retirada ou abastecimento de produtos da carreta leva
cinco minutos. Expedição automatizada (expedição sem conferência).
12

3. MOVIMENTAÇÃO E ARMAZENAGEM

3.2. Movimentação

Segundo Moura (1998), o tipo de equipamento utilizado na movimentação de


materiais afeta a eficiência e o custo de operação do CD.

A tecnologia usada na Jequiti, é bastante similar à de suas concorrentes e


tem como diferencial o armazenamento de caixas e paletes, a montagem de paletes
mistos e a ordem de atendimento de pedidos é pela ordem de chegada (FIFO).

O investimento em equipamentos conta com 10 trans-elevadores, 10 navettes


para armazenagem de caixas, quatro robôs de paletização automática e dois de
despaletização automática. Com isso, o circuito de movimentação de São Paulo na
área logística é 100% automatizado.

3.2.1. Embalagens de expedição e recebimento

✓ Os produtos são protegidos com bolhas e/ou sacos de plástico para


garantir sua entrega em perfeito estado;

✓ Os produtos são acondicionados nas caixas – de modo a garantir o


peso máximo estabelecido;

✓ A carga já vem paletizada da maioria dos fornecedores.

3.3. Armazenagem

Para garantir boas condições de estocagem, a Jequiti conta com o armazém


vertical que é totalmente climatizado e automatizado. O sistema de gerenciamento
permite a sua organização de acordo com a frequência de uso, a validade e a
disponibilidade de cada produto, embalagem ou matéria-prima.

Integrada ao seu sistema de gestão, permite o desenvolvimento de rotinas de


reabastecimento automático para todos os setores. Os produtos são estocados fora
do chão e longe o suficiente da s paredes possibilitando inspeção e controle de
pragas.
13

4. MATEMÁTICA FINANCEIRA

A empresa do Grupo Silvio Santos ganha produtividade e reduz custos


adotando a internalização de mão de obra, enquanto algumas empresas, para tentar
automatizar alguns processos e reduzir custos no setor de Recursos Humanos,
recorrem ao outsourcing - ou terceirização garantindo assim bons resultados.

O setor de RH, é terceirizado como recrutamento e seleção além de outras


áreas da empresa, como jurídico e tecnologia digital.

Esses processos na Jequiti reduziram custos e o turn over (rotatividade de


pessoal) da empresa.

Com essa redução de custos a empresa pode investir em outras melhorias


sem aumentar suas despesas. A contabilidade da empresa é auditada por auditores
independentes, e é conduzida de acordo com as normas brasileiras e internacionais
de auditoria.

A companhia Jequiti encerrou o exercício fiscal de 2019 com um lucro líquido


de R$ 491,59 milhões. No dia 30 dezembro 2019, a empresa possuía um ativo total
de R$ 12,84 bilhões e um patrimônio líquido de R$ 4,27 bilhões.

Todos estes dados referem-se à consolidação do resultado financeiro da


companhia Natura com o resultado financeiro de todas as suas companhias
subsidiárias. Com conhecimento adequado se tem melhor controle quanto aos
investimentos realizados, ao controle de materiais, ao melhor tipo de empréstimo
etc.

O gerente financeiro da empresa prepara os relatórios gerenciais para


diretoria e holding, com as explicações das variações entre real versus orçado
versus ano anterior, gestão das áreas de Crédito e Cobrança, administrando a
carteira de inadimplentes e responsável pelo Fluxo de Caixa e sua projeção.

Analisa financeiramente a empresa, verificando todas as entradas versus tudo


o que deve ser pago, negociar com os fornecedores e com o Banco para obter
recursos.
14

5. CONSIDERAÇÕES FINAIS

Com base no que foi estudo, observou-se que no ramo de cosméticos vemos
que há empresas que se destacam, como por exemplo, a Natura e a Avon, mas com
o passar dos anos o mercado cresce e surgem mais empresas, dentre elas em 2006
surgiu à empresa Jequiti fundada pelo empresário Silvio Santos, após ter feito uma
viagem no qual percebeu que mulheres cercavam os balcões de perfume e
cosméticos como abelhinhas ao redor do mel. Sua inspiração foi através uma arvore
centenária existente no Brasil, a Jequitibá arvore forte. A divulgação dos produtos
Jequiti são feitas por consultoras com a venda porta a porta, por comerciais na rede
de televisão do empresário Silvio Santos SBT, e no programa Roda a Roda Jequiti.

Para que uma empresa entre no mundo dos negócios e possa ser bem vista e
admirada pelo público, é necessário buscar a eficiência nas vendas, ou seja, através
de pesquisas de mercado onde o consumidor pode expressar a sua opinião e em
um curto ou longo período obter o resultado de sua manifestação.

É importante que a empresa Jequiti, busque novas formas de estratégias para


alcançar o objetivo desejado, nem sempre a estratégia que foi utilizada há um ano,
por exemplo, que deu certo, possa ser que não obtenha o mesmo resultado daqui a
um ano.
15

6. REFERENCIAS

LOGÍSTICA, Mundo. Natura. Centro de distribuição em Itupeva. 2015.


<http://www.revistamundologistica.com.br/portal/noticia.jsp?id=2145>. Acesso em
14/02/2020.

LOGÍSTICA, Blog. Exemplo de logística. Natura 2014.


<https://www.bloglogistica.com.br/mercado/exemplo-de-logistica-natura/>. Acesso
em 14/02/2020

BUCCINO, Rosa. As tecnologias da Natura. Redução de custos na logística


2018. <https://blueprintt.co/blog/reducao-de-custos-na-logistica/>. Acesso em
14/02/2020.

JEQUITI, site oficial, https://www.jequiti.com.br/ Acesso em 14/02/2020.

ISSU, Revista Logística, https://issuu.com/publicare/docs/178_setembro-2010


acesso em 14/02/2020.
UNIVERSIDADE PAULISTA

SEPI – SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL INTERATIVO

JUCIMAR CARMO DA SILVA

PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR VI

SS COMÉRCIO DE COSMÉTICOS E PRODUTOS DE HIGIENE PESSOAL LTDA

MANAUS

2020
JUCIMAR CARMO DA SILVA

PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR VI

SS COMÉRCIO DE COSMÉTICOS E PRODUTOS DE HIGIENE PESSOAL LTDA

MANAUS

2020
RESUMO

A Jequiti apresenta-se hoje em constante crescimento no mercado de


cosméticos, higiene pessoal, perfumaria e fragrâncias, está no mercado há 13 anos,
e neste período conquistou uma posição de destaque no Brasil.

A empresa tem como razão social: “SS Comércio de Cosméticos e Produtos


de Higiene Pessoal Ltda”, inscrita sob o número de CNPJ 07.278.350/0001-63, é
uma sociedade empresarial limitada, com supressão de subsidiária, trabalha através
de vendas diretas. A empresa foi aberta no ano de 2005 e colocada no mercado em
2006 por Íris Abravanel e Sílvio Santos, na Rua das Comunicações nº 927 – Galpão
Industrial Pavilhão B – Bairro Industrial Anhanguera, em Osasco-SP.

Sempre muito atencioso, o pai de uma família com seis filhas percebeu o
gosto das meninas pelos cosméticos. Durante algumas viagens, notou que o mesmo
interesse também era compartilhado por inúmeras outras mulheres e logo seu faro
empreendedor fez com que ele enxergasse um novo mercado promissor.

Com muito empenho e determinação, e apesar de alguns percalços no


caminho, Senhor Abravanel (Sílvio Santos) pôde realizar mais um de seus sonhos e
deu vida, em 2005, à empresa Jequiti. A marca de cosméticos e perfumaria do
Grupo Silvio Santos faz parte da vida de toda a família. Carrega consigo a força de
onde veio a sua inspiração, o Jequitibá: é uma empresa forte, poderosa, perene e
protetora.

São mais de 700 produtos sendo vendidos por mais de 170 mil consultores
em todo o país. Dessa maneira, a Jequiti espalha pelo Brasil sua postura de
empresa preocupada com o bem estar das pessoas, com o futuro do planeta e com
uma melhor qualidade de vida.
SUMÁRIO

1. PLANO DE NEGÓCIOS ....................................................................................... 5


1.1. Descrição do Negócio ........................................................................................... 5
1.2. Análise de Mercado .............................................................................................. 6
1.2.1. Consumidor Final ........................................................................................... 6
1.3. Produtos e Serviços .............................................................................................. 7
1.3.1. Proposta do Produto ...................................................................................... 8
1.3.2. Processo Industrial ......................................................................................... 8
1.4. Mercado Concorrente ........................................................................................... 8
1.4.1. Avon ............................................................................................................... 9
1.4.2. O Boticário...................................................................................................... 9
1.5. Análise estratégica................................................................................................ 9
1.6. Plano de Marketing ............................................................................................. 10
1.6.1. Promoções ................................................................................................... 10
1.6.2. Colaboradores .............................................................................................. 11
2. TECNOLOGIA PARA PLANEJAMENTO E OPERAÇÕES LOGISTICAS ........ 12
2.1. Missão logística .................................................................................................. 12
2.2. Sistema logístico empresarial ............................................................................. 12
2.3. Tecnologias aplicadas à logística venda e produção .......................................... 13
2.3.1. Remodelando a área logística para acompanhar o crescimento.................. 13
2.3.2. Investimentos em pesquisa .......................................................................... 13
2.3.3. Resultado e prêmios .................................................................................... 13
2.4. Gestão de estoques ............................................................................................ 14
2.5. Armazenagem e separação ................................................................................ 15
2.6. Tecnologia sustentável ....................................................................................... 16
2.6.1. Projeto Jequiti ReColhe ................................................................................ 16
3. ÉTICA E LEGISLAÇÃO: TRABALHISTA E EMPRESARIAL ........................... 17
3.1. Pessoal Interno ................................................................................................... 17
3.2. Qualidade e Ética ............................................................................................... 18
4. CONSIDERAÇÕES FINAIS ............................................................................... 19
5. REFERENCIAS .................................................................................................. 20
5

1. PLANO DE NEGÓCIOS

1.1. Descrição do Negócio

Este plano de negócios tem como objetivo apresentar estudos e pesquisas na


viabilidade de produção da implantação de um artigo na coleção “Ellas” de batons da
Jequiti, onde a inovação está em novas tonalidades, na maior hidratação (de até 08
horas), no Fator de Proteção Solar (FPS) e na nova embalagem.

O objetivo principal deste empreendimento está na inovação da coleção de


batons “Ellas”, que é a principal marca de maquiagens do seguimento na empresa,
ressaltando que os batons são o artigo de maquiagem mais vendido no Brasil. Os
batons são unanimidade entre as brasileiras, em 2019 os batons foram responsáveis
por 34% da receita na categoria de maquiagem, e movimentou cerca de R$ 805
milhões.

A venda direta é o principal canal de distribuição do artigo atualmente, conta


com 85% do mercado, a Avon, o Boticário e a Jequiti são as líderes de venda. As
maquiagens Jequiti estão em constante crescimento e segundo estudos cresceu
cerca de 6,7 % em 2019 em relação a 2018, os batons Jequiti são os artigos de
maquiagem com maior aceitação entre as brasileiras.

A proposta desde plano de negócios também envolve o investimento em


pesquisas de promover novas tecnologias em batons, com funcionários capacitados,
o PGD – Processo de Gerenciamento de Desempenho é uma abordagem dinâmica
e constante voltada ao planejamento, desenvolvimento e acompanhamento do
desempenho do colaborador e do seu progresso pessoal e profissional. Este
processo se baseia em mapear os RH da empresa, identificar funcionamento
diferenciado e estimular uma cultura de alto desempenho este programa auxilia a
empresa a adequar seus funcionários e colaboradores com suas respectivas
funções.

Inovação é uma das características da Jequiti, a empresa está sempre


preocupada em lançar novidades no mercado, interessada nas necessidades do
consumidor. A empresa se compromete com a tecnologia de seus produtos, a
6

geração de novos conceitos, desenvolvimento de produtos, de novos modelos e


métodos para garantir a segurança dos produtos.

Em 2018 a empresa destinou o equivalente a 2,6% de sua receita líquida em


produtos novos e relançamentos, seu índice de inovação foi de 70%.

1.2. Análise de Mercado

No ramo de maquiagem para os lábios em cada 10 produtos comprados,06


foram batons e 03 foram gloss, o restante foram lápis labial, entre outros.

A venda direta é o principal canal de distribuição (85%), onde a Jequiti, o


Boticário e a Avon aparecem com os líderes no mercado. O crescimento em valores
tem sido maior que em unidades vendidas, significando que os batons estão mais
sofisticados, que são o resultado da busca por maquiagens que agreguem
tecnologia e investimento feitos pela indústria para acompanhá-la. O batom é um
dos carros chefes de vendas da Jequiti, e garante boa parte de sua receita líquida.

1.2.1. Consumidor Final

O consumidor final da linha de batons “Ellas” são mulheres de 15 a 30 anos


na sua maioria, das classes sociais B e C. No Brasil a preferência destas mulheres
são batons em tonalidades mais claras (tons rosados e nude), e a compra ocorre no
ano todo, sem uma preferência sazonal expressiva.

Estas consumidoras buscam atualmente batons com características


específicas como: cremosidade, fator de proteção solar, hidratação e brilho. Outro
aspecto que estas mulheres levam em consideração é o preço do produto.

O fato de o produto ser oferecido à suas clientes através da venda direta é um


diferencial positivo, pela comodidade e pelo prazo de pagamento. O ponto negativo
seria a consumidora em potencial não poder experimentar na sua pele no ato da
escolha do produto, já que o mostruário dos batons Jequiti são através das revistas
de venda direta, desta forma a distribuição de amostras grátis do batom da linha
“Ellas” às consultoras Jequiti seria um modo de aplacar esta deficiência, mais isso
também já foi pensado e já está sendo distribuído para as consultoras as amostras.
7

1.3. Produtos e Serviços

A linha “Ellas”, é uma linha de batons desenvolvida para a mulher brasileira,


onde oferece qualidade e preços acessíveis. Possui cores vivas e tons coloridos.
Esta linha está nos catálogos Jequiti há algum tempo, inspirado na beleza da
brasileira, pensando na miscigenação da população, levando em consideração
também o clima tropical do país, que requer maquiagens com texturas e fórmulas
adequadas para o clima do Brasil.

É uma linha desenvolvida para o inverno, mas também usada no verão. A


linha de batons é a linha de maior potencial de vendas, com cores vivas e diferentes.
É a marca de maquiagens que mais vende na empresa Jequiti e é uma linha que
está em constante renovação, sempre lançando novos produtos para a inovação dos
ciclos.

Com este pensamento a empresa propõe para o próximo ciclo uma nova
cartela de batons para a linha “Ellas”, com novidades nas embalagens, e na
formulação.

Novidades na formulação:

➢ Ingredientes naturais que contribuem para um sensorial diferenciado;

➢ Complexo de emolientes que mantém a hidratação natural da pele;

➢ Espalhabilidade e maciez nas aplicações;

➢ Proteção FPS para os lábios;

➢ Nova cartela de cores.

Novidades nas embalagens:

➢ Design orgânico e sofisticado;

➢ Exclusividade misturada com contemporaneidade;

➢ Sustentabilidade na redução da emissão de CO2.


8

1.3.1. Proposta do Produto

A proposta para a linha “Ellas” de batons Jequiti, são para os batons


hidratantes FPS 8.

Batons Hidratantes FPS 8:

➢ Hidratação por até 8 horas;

➢ 14 opções de cores dentre eles e com suas variações: nude, marrom,


coral, laranja, vermelho, vinho e rosa.

Para a produção dos novos batons a empresa já possui toda a infraestrutura


tecnológica, necessitando apenas dos novos insumos.

1.3.2. Processo Industrial

➢ Matéria prima: Ceras (origem renovável vegetal e vegetal natural),


óleos emolientes e manteigas, pigmentos, antioxidantes, conservantes,
aroma e FPS;

➢ Tempo de fabricação: Quantidade estimada em 05 mil unidades por


hora;

➢ Linha de produção: A massa branca que é base de todo batom,


possui óleos emolientes e ceras vegetais e sintéticas, FPS. Esta massa
é derretida e recebe o pigmento e em seguida o aroma. A mistura é
esfriada dentro de uma câmara, até adquirir a textura de uma massa
modelar. Após 6 horas, vai para o envase. A massa passa por um fusor
é aquecida novamente para ir para os moldes e ficar no formato de
bala e finalizado por um processo de ganho de brilho característico.

1.4. Mercado Concorrente

A linha de batons “Ellas”, da Jequiti, atualmente possui 02 concorrentes


diretos:

Avon e o Boticário.
9

1.4.1. Avon

A Avon Cosméticos é uma empresa Norte Americana, fundada em 1886 por


David McConnell na Califórnia, no Brasil ela começou a ser comercializada em 1959.
Trabalha com sistema de venda direta como a Natura. A Avon produz perfumes,
maquiagens, cremes, loções, produtos para o cabelo, pele e cuidados diários etc.
Suas pesquisas são testadas nos mais avançados laboratórios internacionais e
seguem as normas do FDA (Food and Drugs Administration), órgão oficial de
controle de qualidade dos Estados Unidos. Possui vários produtos considerados
carros chefes entre eles os batons da linha Color Trend, creme de silicone para
mãos e pós-compacto Color Trend.

É uma marca de grande aceitação no mercado brasileiro, pela tradição e


pelos preços acessíveis. Os batons Avon variam entre R$ 8,00 a R$ 109,00 reais. É
o maior concorrente da Jequiti, pois a cada 02 batons vendidos no Brasil 01 é Avon,
disputa diretamente com a Jequiti por trabalhar através de vendas diretas também,
possui uma cartela variada de marcas de batons, com variedade de preços.

1.4.2. O Boticário

O Boticário é uma empresa brasileira, fundada em 1977 em Curitiba-PR,


surgiu como farmácia de manipulação por Miguel Krigsner. Trabalha por meio de
varejo e franquias em todo o Brasil. Existem mais de 03 mil lojas no país e em
Portugal e representantes nos Estados Unidos, Japão e Europa. Possui um
crescimento anual de 20% no setor de maquiagens. Mas o carro chefe da empresa
são os perfumes.

Os batons da marca variam entre R$ 12,00 a R$ 33,00. Investe pesado no


marketing, tem grande aceitação das consumidoras, mas os batons ainda não são
considerados os preferidos entre as brasileiras.

1.5. Análise estratégica

A estratégia adotada para a conquista do mercado frente aos concorrentes


está no nome da empresa Jequiti, que já é uma marca conhecida e respeitada no
10

mercado dos cosméticos, que tem como abordagem principal a sustentabilidade


como inovação e geração de novos negócios, a Jequiti trabalha com insumos
naturais e não testam seus produtos em animais, características que aparecem
como diferenciais na abordagem ao cliente, e a marca “Ellas” é a marca mais
vendida da empresa no campo de maquiagens.

Quanto ao produto em si, o batom “Ellas” possui uma cartela de novas cores
da temporada, o FPS 8, boa hidratação ao longo do dia e nova embalagem para
deixar o produto visualmente mais atraente, e preço compatível aos concorrentes.

1.6. Plano de Marketing

Na atualidade a Jequiti, juntamente com o Boticário e Avon, são as maiores


empresas brasileiras de cosméticos, a Jequiti, pelo segundo ano consecutivo, esteve
entres as três empresas com mais vendas no segmento. Nos últimos 06 anos, a
participação da empresa no mercado brasileiro foi de 12% para 28,5%.

Produtos Jequiti são classificados como bens de conveniência, que podem


ser adquiridos pelo consumidor com frequência e sua compra não exigem grandes
esforços. A venda direta beneficia o consumidor na forma de pagamento, com
negociação na hora da compra e com atendimento personalizado através da
consultora.

A empresa trabalha com catálogos que são lançados em ciclos de 21 em 21


dias, no caso de um lançamento como seria o caso do novo batom da linha “Ellas”, a
empresa costuma realizar promoções de lançamento com até 20% de desconto no
valor do produto, para tornar a venda e a apresentação do novo artigo mais atraente
aos olhos do cliente.

1.6.1. Promoções

A empresa desde sua fundação possui comerciais em TV aberta, este tipo de


marketing é a principal via de acesso ao conhecimento do produto em questão.
11

A empresa é patrocinadora oficial de programas na TV aberta, o que traz mais


visibilidade para os produtos Jequiti. Desde 2006 a empresa procura o
Merchandising Editorial nas novelas do SBT.

Mas a principal ferramenta de promoção da Jequiti é a venda pessoal através


das consultoras, onde o atendimento é personalizado.

1.6.2. Colaboradores

A empresa possui alcance nacional e internacional e têm mais de sete mil


colaboradores e mais de 170 mil profissionais autônomos, consultoras e consultores,
que levam até os clientes os produtos Jequiti.

O sistema de vendas diretas, com vendas “porta-a-porta” permite o contato


direto e personalizado da empresa com seus consumidores. As consultoras Jequiti
são o principal elo da empresa com o consumidor final, porém a empresa aderiu ao
público de e-commerce e colocou a disposição um site para vendas on-line,
aumentando os seus lucros e a comodidade e praticidade para seus clientes.
12

2. TECNOLOGIA PARA PLANEJAMENTO E OPERAÇÕES LOGISTICAS

2.1. Missão logística

A Natura tem como objetivo atender de forma plena a demanda dos produtos
e serviços, desta forma garante à empresa um diferencial competitivo por conta de
sua flexibilidade na cadeia logística com padrões de qualidade, serviço e custo, que
mostrem o compromisso da empresa com o desenvolvimento sustentável para a
satisfação dos clientes.

2.2. Sistema logístico empresarial

O sistema logístico da empresa é similar a das suas concorrentes e, incorpora


todas as atividades de apoio necessárias para que a empresa planeje e controle a
aquisição, o desenvolvimento, o desdobramento, a utilização e a alocação dos seus
recursos relativos à informação.

O processo de transformação se inicia junto à sua fonte de recursos naturais


em seguida a matéria prima é armazenada e encaminhada à unidade
transformadora de sua fábrica.

Uma vez transformada a matéria-prima em produto acabado, este é colocado


em embalagens adequadas para sua proteção e transporte, para ser enviado ao
centro de distribuição.

A cadeia logística da Jequiti é formada por um conjunto de redes logísticas


internas da empresa, e os fluxos dessas redes são agregados às etapas do
processo de transformação.

A empresa para conseguir gerenciar os fluxos de materiais e informações e


aumentar a competitividade no mercado sabe da necessidade de recorrer a uma
rede de planos fundamentados nas decisões de curto, médio e longo prazos.
13

2.3. Tecnologias aplicadas à logística venda e produção

2.3.1. Remodelando a área logística para acompanhar o crescimento

Após reestruturar sua área de logística com desenvolvimento de várias ações


visando atender o mercado com produtos e serviços de qualidade, a unidade de
cosméticos do grupo Silvio Santos já é reconhecida nacionalmente pela qualidade e
pelo uso de alta tecnologia industrial. Essa nova performance impulsionou a
conquista do Marketing Best, o mais importante prêmio de marketing do país.

A empresa entendeu que um dos pontos essenciais para fortalecer sua


estrutura era a operação logística, que permitiria organizar os estoques de forma a
ter disponibilidade de produtos e fazer com que chegassem mais rápido ao cliente,
com um índice mínimo de erros. Toda esta reestruturação fez da empresa, uma das
maiores do Grupo Silvio Santos, um case de sucesso no segmento.

2.3.2. Investimentos em pesquisa

A Jequiti quadruplicou os valores anuais investidos em pesquisa que hoje


atingem a marca dos R$ 120 milhões. O alto índice de satisfação das consultoras e
consumidores que encontram na marca uma nova opção de produtos que oferecem
qualidade, inovação e preços acessíveis, foram essenciais para esta iniciativa e
consequente crescimento. Para definir lançamento, a empresa realiza mensalmente
“Focus Groups” com consultores e consumidores, além de consultar pesquisas e
seguir tendências. “Na venda direta é essencial o contato constante com nossos
consultores e consultoras. Eles nos ajudam a definir lançamentos e a entender o que
de fato faz a diferença”, explica Lázaro do Carmo Junior, diretor da SS Cosméticos.

2.3.3. Resultado e prêmios

Todos estes investimentos fazem da Jequiti um potencial para se tornar uma


das maiores empresas do Grupo Silvio Santos. E para 2013, com fábrica própria a
expectativa é de que ela consolide a primeira posição, com participação de 8% a 9%
do mercado, e supere a marca de 1 bilhão em faturamento. Dados que
impulsionaram a conquista do Marketing Best, o mais importante prêmio de
14

marketing do país, que homenageia empresas que por meio da utilização das
ferramentas de marketing, possam ser reconhecidas por seu desempenho e/ou
produtos e serviços. Outros dois importantes prêmios do setor também foram
conquistados: A Jequiti foi eleita a empresa com o 4º melhor perfume do mercado, o
Uzon, na Feira Cosmética 2010, e na mais importante feira de design do país
ganhou com a linha Erva Doce Mais. Participa do Prêmio Atualidade Cosmética
2010, em sete categorias, entre elas “Melhor Empresa” e “Profissional do Ano”.

2.4. Gestão de estoques

É reconhecido que seu processo da cadeia de abastecimento contribui sobre


maneira para a redução de custos, gerando impactos positivos no crescimento das
vendas e dos lucros, por meio da diminuição de ciclos e do aumento da flexibilidade.
Buscando a vantagem competitiva a Jequiti atende as todos os processos que
compõem a cadeia de abastecimento integrada de forma que afete o ecossistema
organizacional.

Tais processos divergem de segmento para segmento. Sistemas de


manufaturas com produção para o estoque difere de sistemas com produção
realizada mediante pedidos, que, por sua vez, diferem de projetos. A Jequiti possui
suas particularidades em relação a suas concorrentes, mas possui canais de vendas
distintos.

Abaixo verá alguns processos internos da empresa para a gestão de


estoques.

✓ Ferramenta SAP®: Na SS Comércio (Jequiti) a SAP® tem como


objetivo: a revisão dos perfis de acesso, com perfis estruturados de
acordo com a função dos colaboradores, a implantação da Solução SAP
GRC e a conscientização dos colaboradores com sessões de
treinamentos conceituais e práticos na utilização da ferramenta SAP
GRC.

✓ Warehouse Management: A WMS ou Sistema de Gerenciamento de


Armazém, é utilizada para o gerenciamento do armazém com a finalidade
de aproveitar melhor o espaço físico, a forma de armazenamento, o
15

picking, a distribuição interna, o endereçamento de forma inteligente,


entre outras funções. Na SS Comércio (Jequiti) a WMS é utiliza da em
seus CDs e armazéns.

✓ Product Planning (PP – Planejamento de Produto): O PP é uma


extensa solução de operações para automatizar e integrar o
desenvolvimento de produtos e manufatura. Ela pode transformar passos
manuais que consomem muito tempo em processos integrados online,
para melhorar o planejamento empresarial como um todo, apoia o
planejamento e desenvolvimento dos recursos durante todo seu ciclo de
vida e reduz tempo de ciclos de pedidos e inventários em excesso,
permite uma visibilidade de toda a empresa, previsões e gerenciamento
de desempenho, reduzindo ciclos de planejamento e prazos, permite
melhorias contínuas de processos e respostas mais rápidas a novas
oportunidades.

2.5. Armazenagem e separação

Utilizando tecnologia industrial de ponta na logística de transporte com o que


há de mais avançado no mercado, a Jequiti instituiu há um ano o sistema de
radiofrequência que evita erros de separação mesmo em produtos leves como os de
Villa Jequiti (bijuterias, lingeries, por exemplo), além de viabilizar a separação de 12
mil pedidos ao dia e armazenar até 1.500 itens. E este processo viabiliza e agiliza as
entregas dos produtos para as consultoras.

De 40 transportadoras, a empresa passou a atuar com apenas 10 grandes


empresas que fazem a distribuição dos produtos. Com isso, a Jequiti diminuiu o
prazo de entrega. “Com esta mudança, reduzimos o tempo de entrega para 24 horas
em São Paulo e média de três dias e meio nos demais estados. Antes, em São
Paulo, entregávamos em até três dias e para o resto do Brasil, em média, era em até
cinco dias”, diz o diretor geral da SS Cosméticos (Jequiti), Lázaro Carmo Jr. Com
isso, a Jequiti reduziu em até 30% o custo do frete e o prazo de entrega em 40%, e
hoje cerca de 80% de tudo o que é comercializado segue por rodovia.
16

2.6. Tecnologia sustentável

2.6.1. Projeto Jequiti ReColhe

Fonte: https://institucional.jequiti.com.br/blog/conheca-o-projeto-jequiti-recolhe-677

A Jequiti é uma empresa que preza pela sustentabilidade e sempre procura


alternativas ecológicas em seus processos de produção. É com este pensamento
que nasce o Jequiti ReColhe. O projeto coleta materiais recicláveis nos bairros
próximos à sede da Jequiti, evitando assim que os resíduos sejam destinados
incorretamente em aterros, lixões ou até mesmo no meio ambiente. Além de ser
sustentável, este projeto também auxilia na geração de trabalho e renda para a
população local.

O primeiro Ponto de Entrega Voluntária de recicláveis foi instalado em 10/05


no Centro Educacional Unificado Vila Atlântica, no bairro Pirituba. O lançamento do
PEV foi marcado por uma palestra de capacitação dos gestores e professores do
CEU e por oficinas para as crianças confeccionarem brinquedos com materiais
reaproveitados. O projeto é uma parceria com a Cooperativa de Reciclagem
Crescer, que contribui com as ações do projeto e será responsável pela coleta e
destinação dos recicláveis.
17

3. ÉTICA E LEGISLAÇÃO: TRABALHISTA E EMPRESARIAL

A Jequiti sempre se preocupa em aperfeiçoar os sistemas de valores éticos


da empresa visando o melhoramento do desempenho dos funcionários. A ética
associada ao maior empenho em busca da qualidade, do cumprimento da
legislação, a satisfação do consumidor e do compromisso da empresa, que mostra o
comprometimento da Natura com seus colaboradores e consumidores.

A marca Jequiti é registrada perante o INPI, e a sua utilização e ou


associação, inclusive na web, para comercialização dos produtos, sem a expressa
autorização da SS Cosméticos, configura infração cível e penal puníveis na forma da
lei.

3.1. Pessoal Interno

De acordo com os princípios de relacionamento da SS Cosméticos (Jequiti),


assim como, as suas concorrentes no segmento de cosméticos visa buscar construir
um ambiente de trabalho estimulante e criativo, no qual os colaboradores sintam-se
respeitados em sua individualidade, reconhecidos por suas contribuições,
estimulados a aceitarem desafios e buscarem o novo em exercício diário.

Estabelecendo o diálogo aberto e honesto com os gestores e suas equipes,


estimulando a diversidade no quadro de colaboradores, respeitando à
individualidade, com um tratamento justo para todos, com a valorização do trabalho
em equipe, reconhecimento e recompensa com a contribuição de cada um, com
base no cumprimento de metas e competências. Buscando sistemas de
remuneração que permitam uma justa distribuição de resultados da empresa.

A busca da capacitação individual e das equipes para o pleno exercício de


suas funções, atuação em conformidade com as políticas, normas e procedimentos
da organização e aperfeiçoamento desse conjunto e diretrizes, respeito à
confidencialidade das informações pessoais de cada colaboradores é um direito de
privacidade. Não violação de correspondências ou comunicações, sejam elas
eletrônicas, pessoais ou telefônicas, salvo casos aprovados pelo Comitê de Ética,
referentes à apuração judicial ou investigação de denúncia.
18

3.2. Qualidade e Ética

Priorizar a ética, o profissionalismo, a responsabilidade socioambiental, com


práticas coerentes e direcionadas para o desenvolvimento do ser humano.

Portanto a empresa se compromete com a legislação aplicável à organização


e a seus produtos, processos e serviços, de acordos e princípios voluntariamente
subscritos pela empresa.

As decisões são tomadas a partir da visão e das necessidades do cliente,


com isso a empresa adota princípios de pro atividade, rapidez, flexibilidade,
inovação e criatividade, com um rígido controle de qualidade.

Atenção quanto ao aperfeiçoamento de todas as suas atividades e da


qualidade de seus processos, produtos e serviços, com atenção no desenvolvimento
sustentável. Promoção da qualidade das relações através de um comportamento
empresarial baseado no diálogo, na ética e na transparência.
19

4. CONSIDERAÇÕES FINAIS

Este Projeto visou estudar toda a estrutura interna e externa da empresa


Jequiti Cosméticos que estavam relacionadas à cadeia logística, antes e depois do
seu reposicionamento, os elementos estratégicos usados e as expectativas futuras.

Através de toda a análise conclui-se que a Jequiti tem todo o potencial para
atingir o primeiro lugar no mercado nacional de cosméticos, dando o seu melhor
investindo em tecnologia e inovações para assim atender todas as necessidades de
seus clientes e consultores.

É necessário muito estudo para que isto aconteça, mas o caminho e as


tomadas de decisões foram as melhores possíveis, sendo colocando acima de tudo
o bem estar de todos envolvidos dentro da campanha seja funcionários da empresa
Jequiti ou das colaboradoras que fizeram a pesquisa e desenvolverão todo o projeto,
para que seu reposicionamento acontecesse.

Ainda se faz necessário algumas mudanças no comportamento da empresa,


em relação a veiculação de suas campanhas, apesar de serem fortes, se restringem
a serem veiculadas em um canal de televisão e tem pouco foco de expansão para
outros meios, como a empresa está crescendo é necessário está pronto para
expandir também sobre o público a ser atingido, levando em conta que nem todos
assistem o SBT.
20

5. REFERENCIAS

CALAZANS, F. (2001) - Centros de distribuição. Gazeta Mercantil: agosto


2001.

HONG, Yuh C. (1999) – Gestão de estoques na cadeia de logística integrada:


supply chain. 1ª ed. São Paulo: Atlas, 182p.

LIMA, Maurício P. (2002) - Armazenagem: considerações sobre a atividade de


Picking. Centro de Estudos em Logística (CEL), COPPEAD/UFRJ.

MOURA, Reinaldo A. (1998) – Sistemas e técnicas de movimentação e


armazenagem de materiais. 4ª ed. São Paulo: IMAM, 452 p. (Série manual de
logística; v.1).

TOMPKINS, J. A. (1996) - Facilities planning. 2ª ed. New York: John Wiley &
Sons.

ROSA, H; MAYERLE, S. F; GONÇALVES, M. B. Controle de estoque por


revisão contínua e revisão periódica: uma análise comparativa utilizando simulação.
Produção, Out./de z. 2010, v.20, n.4, p. 626 - 638.

VAZ, TATIANA. Produtos Natura. O caminho da fabricação ao consumo. 2016


<https://exame.abril.com.br/negocios/o-caminho-dos-produtos-da-natura-da-
fabricacao-ao-consumo/>. Acesso em 23/02/2020

LOGÍSTICA, Mundo. Natura. Centro de distribuição em Itupeva. 2015.


<http://www.revistamundologistica.com.br/portal/noticia.jsp?id=2145>. Acesso em
23/02/2020.

LOGÍSTICA, Blog. Exemplo de logística. Natura 2014.


<https://www.bloglogistica.com.br/mercado/exemplo-de-logistica-natura/>. Acesso
em 23/02/2020

BUCCINO, Rosa. As tecnologias da Natura. Redução de custos na logística


2018. <https://blueprintt.co/blog/reducao-de-custos-na-logistica/>. Acesso em
23/02/2020.