Sunteți pe pagina 1din 7

LOGÍSTICAS DE TRANSPORTE: PERCALÇOS NAS RODOVIAS

UTILIZADAS PELA EMPRESA “ROCHA TERMINAIS PORTUÁRIOS E


LOGÍSTICA S/A”

Nomes dos autores: Adryellen Ramilo Jardim, Alexia Lourenço Costa dos Santos,
Gabriel Piovesan de Souza Vieira, Jenyffer Martins de Morais Couto, Jeycellany
Dionisio da Conceição, Rayane Correa Moura Lima, Thays Pacífico da Silva.

RESUMO
A empresa Rocha Terminais Portuários e Logística S/A, apresenta sistema de
transporte rodoviário e intermodal adaptado aos demais serviços concedido pela
Rocha, operante nas regiões sul e sudeste, que acompanha todo o procedimento do
pedido, buscando resultados que atendam as necessidades do consumidor. O
objetivo desse trabalho foi analisar como os percalços nas rodovias podem
influenciar na logística de transporte da empresa. Nosso pesquisa retratou natureza
descritiva e bibliográfica. Coletamos os dados a partir de: artigos científicos, teses,
livros e slides. Os resultados da pesquisa emitiram que as vias de acesso por onde
percorrem os caminhões da empresa Rocha são afetadas por conta de seu fluxo
intenso de transporte. Esse impacto altera também a qualidade da paisagem, as
estruturas das residências dos moradores do bairro, e aos poucos a população vem
sendo gravemente afetada pelo avanço das atividades ligadas ao Porto.

Palavras-chave: Rocha Terminais Portuários e Logística S/A. Logística de


Transportes. Pesquisa. Rodovias.

ABSTRACT
The company Rocha Terminais Portuários e Logística S/A, presents road and
intermodal transport system adapted to the other services granted by Rocha,
operating in the south and southeast regions, which follows the entire order
procedure, seeking results that meet the needs of the consumer. The objective of this
work was to analyze how road mishaps can influence the company's transportation
logistics. Our research portrayed descriptive and bibliographic nature. We collect the
data from: scientific articles, theses, books and slides. The results of the research
issued that the access roads through which the rocha company trucks travel are
affected due to their intense flow of transport. This impact also alters the quality of
the landscape, the structures of the residences of the residents of the neighborhood,
and gradually the population has been severely affected by the advance of activities
related to Porto.

Key words: Rocha Terminais Portuários e Logística S/A. Transportation logistics.


Research. Highway.
INTRODUÇÃO

A Rocha Terminais Portuários e Logística atua no setor de logística portuária


e retro portuária, se destacando nos serviços de movimentação e armazenagem de
granéis sólidos e líquidos, de importação e exportação, produtos siderúrgicos,
celulose, cargas gerais conteinerizadas e big bags, bem como cargas de projeto,
seja através de unidades de negócios ou empresas investidas em que detém
participações societárias.
A empresa possui um sistema de transporte rodoviário e intermodal nacional
e internacional, oferece soluções de logística integrada com um amplo sistema
capaz de acompanhar todo o processo desde o pedido até a entrega de
mercadorias.
O objetivo desse trabalho é analisar como os percalços nas rodovias podem
influenciar na logística de transporte da empresa. Delimitamos o tema na matriz da
empresa Rocha Terminais Portuários e Logística S/A, localizada em Paranaguá, no
Paraná.
O tema é "Logística de transporte: percalços nas rodovias utilizadas pela
empresa Rocha Terminais Portuários e Logística S/A", um dos focos foi analisar todo
o processo que acontece em relação ao transporte de mercadorias que a empresa
realiza. Atentamos sobre o problema: "como os percalços das rodovias utilizadas
pela empresa podem afetar na logística de transporte da empresa “Rocha Terminais
Portuários e Logística S/A?"; E detivemos como uma hipótese que ao implementar
um menor intervalo de tempo para manutenção no asfalto das rodovias e maior
conservação do mesmo, para que a empresa não encareça ainda mais seu
processo logístico.
Um dos focos desse trabalho é esclarecer como as vias com uma
pavimentação ruim pode gerar gastos e acidentes a população.
O trabalho busca contribuir no âmbito acadêmico, podendo incentivar a
exploração de outros estudantes não só para a logística de transporte, como em
outras áreas da logística.
O estudo propõe também contribuir para a sociedade ajudando em melhor
qualidade nas rodovias.
LOGÍSTICA DE TRANSPORTE: PERCALÇOS NAS RODOVIAS
UTILIZADAS PELA EMPRESA “ROCHA TERMINAIS PORTUÁRIOS E
LOGÍSTICA S/A”

LOGÍSTICA

Logística é uma área de estudo muito interessante, principalmente no século


21 onde empresas entendem que essa gestão é de suma importância em uma
empresa.
“um processo que integra, coordena e controla a movimentação de
materiais, o inventário de produtos acabados e as informações relacionadas
(dos fornecedores), através de uma empresa para satisfazer às necessidades
dos clientes”.(IMAM, 2000) 1

“A logística é um curso irreversível nas empresas nos dias de hoje,


acerca de uma administração de excelência, agregando valor em todos os
processos da cadeia de suprimentos, desde a compra da matéria-prima até o
produto acabado.”2

"Logística é a parte do Gerenciamento da Cadeia de Abastecimento


que planeja, implementa e controla o fluxo e armazenamento eficiente e
econômico de matérias-primas, materiais semi-acabados e produtos
acabados, bem como as informações a eles relativas, desde o ponto de
origem até o ponto de consumo, com o propósito de atender às exigências
dos clientes" (CARVALHO, 2002, p. 31)3

Pode-se concluir que, a logística de fato é de grande importância na área


empresarial. E uma boa gestão da mesma pode significar a diferença entre o
prejuízo ou lucro de uma empresa. Uma das áreas mais importantes e estudadas da
logística é a de transporte. Nos dias de hoje, com a globalização da economia, os
conhecimentos de logística são de fundamental importância para as empresas. É
necessário que a logística esteja inserida no processo de planejamento de negócio
da organização e alinhada com os demais esforços para atingir sucesso no seu
segmento de atuação. Um dos objetivos mais importantes da logística é conseguir
criar mecanismos para entregar os produtos ao destino final num tempo mais curto

1
(Instituto de Movimentação e Armazenagem de Materiais – IMAM, 2000)
2
https://logisticatotal.com.br/logistica-de-transporte/ Acesso em: 23 mai 2020
3
https://administradores.com.br/artigos/logistica-e-distribuicao Acesso em: 23 mai 2020
possível, reduzindo os custos. Com o desenvolvimento do capitalismo mundial,
sobretudo a partir da Revolução Industrial, a logística tornou-se cada vez mais
importante para as empresas num mercado competitivo. Nos dias de hoje, com a
globalização da economia, os conhecimentos de logística são de fundamental
importância para as empresas.

LOGÍSTICA DE TRANSPORTE

O item Transportes é uma das diversas atividades dentro de uma cadeia


logística que consiste na movimentação física dos produtos entre pontos de
armazenagem, vendas e/ou consumo. As principais funções do transporte na
Logística estão ligadas basicamente às dimensões de tempo e lugar, ou seja, é
fundamental para que o produto esteja disponível na hora certa, no lugar certo, ao
menor custo possível (BALLOU, 2001). O mesmo autor ainda identifica que o custo
de transporte representa aproximadamente entre um e dois terços do total dos
custos logísticos, tornando-se, assim, um dos elementos mais importantes dos
custos logísticos. Nazário (2000) complementa que o valor de frete pode variar entre
4% e 25% do faturamento bruto que, em muitos casos, supera o lucro operacional.
No entanto, Rocha (no prelo) observa que estes percentuais dependem de outras
variáveis, como o valor da carga, seu volume, peso, entre outras.

Ballou (2001) identifica a atividade de transporte como fundamental para uma


economia desenvolvida, conforme pode ser observado na citação abaixo:

“Basta comparar as economias de uma nação desenvolvida e de outra


em desenvolvimento para enxergar o papel do transporte na criação de alto
nível de atividade na economia. Nações em desenvolvimento têm,
normalmente, produção e consumo ocorrendo no mesmo lugar, com boa parte
da força de trabalho engajada na produção agrícola e porcentagem menor da
população vivendo em áreas urbanas. À medida que serviços de transporte
mais baratos vão-se disponibilizando, a estrutura econômica começa a
assemelhar-se à de uma economia desenvolvida: grandes cidades resultam a
partir da migração para os centros urbanos, regiões geográficas limitam-se a
produzir um leque menor de itens e o nível de vida médio começa a elevar-se.
Especificamente, o melhor sistema de transporte contribui para (1) aumentar a
competição no mercado, (2) garantir a economia de escala na produção e (3)
reduzir preços das mercadorias”. (Pág 119).4

A melhor forma de transportar mercadorias varia de acordo com a carga e de


país para país. As características geográficas e econômicas podem influenciar na
matriz de transportes de cada localidade. Existem cinco modais para o transporte de
cargas: rodoviário, ferroviário, aquaviário, aéreo e dutoviário.

O transporte é uma das principais finalidades logística, apresenta grandes


índices de parcelas de custo logístico em grande parte das empresas. Tem como
conduta fundamental o melhor desempenho e desenvolvimento em diversas
medidas do serviço ao cliente.

LOGÍSTICA DE TRANSPORTE DA EMPRESA ROCHA

A empresa Rocha Terminais Portuários e Logística, apresenta sistema de


transporte rodoviário e intermodal adaptado aos demais serviços concedido pela
Rocha, operante nas regiões sul e sudeste, que acompanha todo o procedimento do
pedido, buscando resultados que atendam as necessidades do consumidor.

A empresa é experiente no transporte de se destacando nos serviços de


movimentação e armazenagem de granéis sólidos e líquidos, de importação e
exportação, produtos siderúrgicos, celulose, cargas gerais conteinerizadas e big
bags, bem como cargas de projeto, seja através de unidades de negócios ou
empresas investidas em que detém participações societárias é apta pela receita
federal para a realização do transporte de mercadorias.5

Esse processo ocorre com a transferência do produto para um dos armazéns


da Rocha credenciado para a atuação da envase. Depois do recebimento do
produto, que é adequadamente armazenado, inicia-se a atividade de envase (por em
um recipiente fechado).

Dedica-se nesta categoria de procedimento com o conceito “just in time” (na


hora certa), de forma com que o que é envasado em um dia seja transportado no dia
seguinte, por meio de disponibilização de veículos.
4
https://www.maxwell.vrac.puc-rio.br/11587/11587_3.PDF Acesso em: 31 mai 2020
5
http://www.rochalog.com.br/ Acesso em: 31 mai 2020
A competição cada vez mais acirrada obriga as empresas a buscarem formas
de se diferenciarem uma das outras. Uma das estratégias de sucesso tem sido
oferecer um alto padrão de qualidade em serviços (RUDIE e WANSLEY, apud
Parasuraman et al., 1988). Controlar qualidade em serviços é mais difícil que em
bens tangíveis por causa de diversos fatores, conforme identificados por Zeithaml e
Bitner (2003).

São eles: Intangibilidade, Heterogeneidade, Simultaneidade entre produção e


consumo, Perecibilidade.

Cronin e Taylor (1992) definem qualidade em serviços como sendo uma


atitude de longo prazo, enquanto que satisfação do consumidor é um julgamento
transitório, formado a partir de um encontro específico na realização de um serviço.
Sharma, Grewal e Levy (1995) identificam o conhecimento das expectativas dos
clientes como um elemento essencial para ganhar vantagem competitiva, e definem
qualidade de serviços como sendo a medição do quanto o serviço prestado se
adequa a essas expectativas previamente identificadas. Segundo Parasuraman et al
(1985), os critérios para avaliar qualidade de serviços independem do tipo de
serviço.

A partir de pesquisa exploratória, estes autores identificaram uma série de


discrepâncias entre percepção e expectativa dos clientes em relação a aspectos da
prestação de serviços, desenvolvendo assim a teoria conhecida como “modelo de
gaps”. Através deste modelo foi possível identificar cinco discrepâncias entre tarefas
associadas à prestação dos serviços e a percepção da qualidade dos serviços.

PAVIMENTAÇÃO

As vias de acesso de Paranaguá PR por onde passam os caminhões da


empresa Rocha são bastante afetadas por conta de seu fluxo intenso de transporte.

O armazenamento do Pátio Algoper suporta 377 caminhões por dia, o que é


uma grande quantidade de frota e que gera complicações na pavimentação de ruas
da cidade, dando uma péssima qualidade de habitabilidade aos moradores do
bairro, e as principais vias afetadas pelo fluxo de caminhões são:
Cruzamento da Rua Professor Cleto com Rua Francisco Machado;

Cruzamento da Avenida Bento Rocha com Rua Professor Cleto.

Esse impacto altera também a qualidade da paisagem, as estruturas das


residências dos moradores do bairro, e aos poucos a população vem sendo
devastada pelo avanço das atividades ligadas ao Porto.

Os pavimentos rígidos, de acordo com o Manual de Pavimentação do DNIT


(2006), são aqueles em que o pavimento tem uma elevada rigidez em relação às
camadas inferiores, e, portanto, absorve praticamente todas as tensões
provenientes do carregamento aplicado. Enquanto os pavimentos flexíveis são
aqueles em que todas as camadas sofrem deformações elásticas significativa sobre
o carregamento aplicado e, portanto, a carga se distribui em parcelas
aproximadamente equivalentes entre as camadas. Os pavimentos flexíveis aceitam
maiores deformações sem se romper e são dimensionados de acordo com as
características geotécnicas dos materiais a serem usados.6

6
http://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/eng/article/download/1606/1240 Acesso em: 31 mai 2020