Sunteți pe pagina 1din 1

Qual é o fundamento para aprovar o PL 122, num país em que os homossexuais têm liberdade total?

Uma lei contra a homofobia se justificaria, talvez, em Uganda, e não no Brasil, pois lá há muita violência contra os
homossexuais. Mas, naquele país, também há muitos crimes decorrentes da homossexualidade, como a efebofilia, o que
alimenta a homofobia e poderá fazer com que os homossexuais sejam condenados à morte. No Brasil, uma lei específica
para punir a homofobia não tem o menor cabimento.

Para os cristãos que seguem de fato a Bíblia, a homossexualidade, em qualquer país, sempre foi e sempre será uma
prática pecaminosa. Não porque eles sejam homófobos (ou homofóbicos), mas porque Deus, na sua Palavra — tanto no
Antigo Testamento (Gn 19.4,5; Lv 18.22; 20.13; Dt 23.17; 1 Rs 14.24; 15.12; Is 3.9), como nas páginas
neotestamentárias (Rm 1.27; 1 Co 6.9,10; 1 Tm 1.8-10; 2 Pe 2.6; Jd v.7) —, condena explicitamente a relação entre
pessoas do mesmo sexo.
Por outro lado, temos aprendido a ser moderados e a responder com mansidão e temor a todos que pedirem a razão da
esperança que há em nós (1 Pe 3.15). Não queremos medir forças com o movimento LGBTTTS (Lésbicas, Gays,
Bissexuais, Travestis, Transexuais, Transgêneros e Simpatizantes). Nosso Reino não é deste mundo, haja vista
obedecermos ao Senhor Jesus (Jo 18.36). À semelhança do nosso Mestre, vemos os pecadores como ovelhas sem pastor
(Mt 9.36).

Conquanto respeitemos as pessoas e suas opiniões, não somos obrigados a aceitar como não-pecaminoso aquilo que o
nosso Senhor considera abominável em sua Palavra. E, por isso mesmo, os políticos que conhecem os princípios bíblicos
travam agora uma batalha no Senado para impedir a aprovação do Projeto de Lei da Câmara, número 122, de 2006 —
conhecido como PLC 122/2006 ou simplesmente PL 122. Se o tal se transformar em lei, qualquer opinião sobre a
homossexualidade, mesmo que respeitosa, caracterizará crime de homofobia. Continua em:
http://salvacaoaoalcancedetodos.blogspot.com/2011/05/qual-e-o-fundamento-para-aprovar-o-pl.html

Jair Bolsonaro mandou imprimir 50 mil cópias de um panfleto contra o plano nacional que defende os direitos dos gays. O
deputado federal eleito pelo PP do Rio está distribuindo o material em residências e
escolas do Estado. Mas o principal alvo é o que o deputado chama de "kit gay", material didático antidiscriminação
preparado pelo Ministério da Educação que será distribuído a escolas públicas. No material há filmes em que adolescentes
descobrem que são gays.

Pior ainda...
"Querem, na escola, transformar seu filho de 6 a 8 anos em homossexual. Com o falso discurso de combater a
homofobia, o MEC, na verdade incentiva a homossexualidade nas escolas públicas do 1º grau e torna nossos filhos
presas fáceis para pedófilos", diz o panfleto do deputado. Texto completo em:
http://salvacaoaoalcancedetodos.blogspot.com/

O mundo está se transformando em Sodoma e Gomorra, e todos nós sabemos qual foi o seu fim...E temos que tolerar
essa situação, contra a lei de Deus, sem direito a defesa, o direito cristão vale menos que os diretos gays... Que Deus
tome de conta.