Sunteți pe pagina 1din 28
Quadros Interactivos Multimédia no 1º Ciclo Estratégias de utilização e criação de conteúdos
Quadros Interactivos Multimédia no 1º Ciclo Estratégias de utilização e criação de conteúdos

Quadros Interactivos Multimédia no 1º Ciclo

Estratégias de utilização e criação de conteúdos

Conteúdos 1. O quadro interactivo multimédia (QIM) Conceitos e tecnologias, princípios de funcionamento e regras

Conteúdos

1. O quadro interactivo multimédia (QIM)

Conceitos e tecnologias, princípios de funcionamento e regras de utilização em segurança.

2. Os QIM e as dinâmicas da comunicação e interacção na Educação

- O paradigma digital e as dinâmicas da comunicação e interacção;

- Os QIM e a aprendizagem colaborativa;

- Os QIM e a renovação dos espaços e tempos dos contextos de aprendizagem;

Conteúdos 3. As funcionalidades dos quadros interactivos no 1º Ciclo do Ensino Básico - Estratégias

Conteúdos

3. As funcionalidades dos quadros interactivos no 1º Ciclo do Ensino Básico

- Estratégias para a exploração dos mais variados recursos disponíveis;

- Exploração do software ActivInspire para a criação de conteúdos apropriados aos contextos educativos de cada professor.

4. Planificação de actividades, definição de estratégias e

construção de materiais/conteúdos para intervenção em contexto educativo:

- Definição de objectivos a atingir e competências a desenvolver;

- Desenvolvimento de materiais e estratégias pedagógicas de suporte à actividade do professor e de apoio à aprendizagem dos alunos.

Metodologias • Sessões de cariz teórico-prático; • Interacção entre a formação recebida e a prática

Metodologias

Sessões de cariz teórico-prático;

Interacção entre a formação recebida e a prática pedagógica executada na sala de aula;

Trabalhos individuais e de grupo ao longo das sessões;

Utilização de recursos informáticos e audiovisuais de apoio às sessões.

Avaliação A avaliação final dos formandos incidirá sobre: Sessões presenciais (25h) Assiduidade; Nível de

Avaliação

A avaliação final dos formandos incidirá sobre:

Sessões presenciais (25h)

Assiduidade;

Nível de participação e qualidade da intervenção nas sessões; Apresentação clara das ideias e resultados das actividades;

Problematização das situações em análise;

Adequação e pertinência do plano para aplicação na sala de aula dos

materiais construídos; Qualidade técnica e pedagógica dos trabalhos produzidos.

Avaliação Sessões não presenciais - trabalho autónomo • Apresentação das tarefas solicitadas; • Plano de

Avaliação

Sessões não presenciais - trabalho autónomo

Apresentação das tarefas solicitadas;

Plano de trabalho a desenvolver nas sessões presenciais; - Apresentação de documento de reflexão final que apresente e

reflicta sobre o trabalho conseguido ao longo das sessões.

Avaliação Os formandos serão sujeitos a uma avaliação quantitativa de 0 a 10 valores baseado

Avaliação

Os formandos serão sujeitos a uma avaliação quantitativa de 0 a 10 valores baseado nos seguintes critérios:

25% para a participação, a realização das tarefas nas

sessões e assiduidade/pontualidade

60% para a produção de trabalhos e/ou materiais, investigação e aplicação

15% para o trabalho final

O referencial da escala de avaliação é o previsto no n.º 2 do artigo 46º

O referencial da escala de avaliação é o previsto no n.º 2 do

artigo 46º do Estatuto da Carreira Docente, aprovado pelo

Decreto-Lei n.º 15/2007, de 19 de Janeiro:

Excelente de 9 a 10 valores

Muito bom de 8 a 8,9 valores

Bom de 6,5 a 7,9 valores

Regular de 5 a 6,4 valores

Insuficiente de 1 a 4,9 valores

Bibliografia ADAMS, M, Whiteboard guide. [http://www.interactive-whiteboards.co.uk], consultado em 03/07/2010. AUDAIN,

Bibliografia

ADAMS, M, Whiteboard guide. [http://www.interactive-whiteboards.co.uk], consultado em 03/07/2010.

AUDAIN, J. et al. (2006). You Can Use an Interactive Whiteboard for Ages 7-11. London: Scholastic

BARBER. D. et al. (2007). Learning and Teaching with Interactive Whiteboards: Primary and Early Years. Exeter: Learning Matters Ltd.

BEELAND, W. D, Student Engagement, Visual Learning and Tecnology: Can Interactive

Boards help?. [http://chiron.valdosta.edu/are/Artmanscrpt/vol1no1/beeland_am.pdf], consultado em 03/07/2010.

DIAS, P., OSÓRIO, A.J. e Ramos, A. (2009). O digital e o currículo. Braga: Centro de Competência da Universidade do Minho.

JONASSEN, D. (2007). Computadores, Ferramentas Cognitivas Desenvolver o pensamento críticos nas escolas. Porto:

Porto Editora.

LEVY, P. (1997), Cibercultura, Lisboa, Instituto Piaget

MAWER, K (2006). You Can Use an Interactive Whiteboard for Ages 4-7. London: Scholastic consultado em 03/07/2010

OSÓRIO, A.J. e Puga, M.P.V. (2006). As Tecnologias de Informação e Comunicação na Escola Volume 01. Braga:

Universidade do Minho Centro de Investigação METAFORMA.

OSÓRIO, A.J. e Puga, M.P.V. (2006). As Tecnologias de Informação e Comunicação na Escola Volume 02. Braga:

Universidade do Minho Centro de Investigação METAFORMA.

PRENSKY, M. (2006). Don’t bother me Mom – I’m Learning! How computers and video games are preparing your kids to the 21th century success and how you can help! St. Paul Minnesota: Paragon House.

http:// moodle.casadoprofessor.pt Palavra-Chave para entrar na disciplina: interactivos

http://moodle.casadoprofessor.pt

Palavra-Chave para entrar na disciplina:

interactivos

Qualquer dúvida: lucianasilvaferreira@hotmail.com
Qualquer dúvida: lucianasilvaferreira@hotmail.com

Qualquer dúvida:

lucianasilvaferreira@hotmail.com

Quadros Interactivos Multimédia no 1º Ciclo Estratégias de utilização e criação de conteúdos
Quadros Interactivos Multimédia no 1º Ciclo Estratégias de utilização e criação de conteúdos
Quadros Interactivos Multimédia no 1º Ciclo Estratégias de utilização e criação de conteúdos

Quadros Interactivos Multimédia no 1º Ciclo

Estratégias de utilização e criação de conteúdos

Quadros Interactivos Multimédia no 1º Ciclo Estratégias de utilização e criação de conteúdos
Quadros Interactivos Multimédia no 1º Ciclo Estratégias de utilização e criação de conteúdos
Quadros Interactivos Multimédia no 1º Ciclo Estratégias de utilização e criação de conteúdos
Não fiz o meu trabalho de casa porque o meu computador tinha um vírus assim
Não fiz o meu trabalho de casa porque o meu computador tinha um vírus assim

Não fiz o meu trabalho de casa porque o meu computador tinha um vírus assim como todos os meus lápis e canetas.

Professor, fiz análises ao sangue. Tal como suspeitava, no meu A.D.N falta o gene da
Professor, fiz análises ao sangue. Tal como suspeitava, no meu A.D.N falta o gene da

Professor, fiz análises ao sangue.

Tal como suspeitava, no meu A.D.N falta o gene da

Matemática.

Tens de marcar presença nas aulas. Não podes simplesmente seguir-me no Twitter.
Tens de marcar presença nas aulas. Não podes simplesmente seguir-me no Twitter.

Tens de marcar presença nas aulas. Não podes simplesmente seguir-me no Twitter.

Quadro Interactivo Recurso essencial

Quadro Interactivo

Recurso essencial

Quadro Interactivo Recurso essencial

Quadro Interactivo para:

Inovar

Quadro Interactivo para: Inovar

Quadro Interactivo para:

Acompanhar evolução dos tempos

Quadro Interactivo para: Acompanhar evolução dos tempos
Quadro Interactivo para: Acompanhar evolução dos tempos
Quadro Interactivo para: Acompanhar evolução dos tempos
Quadro Interactivo para: Acompanhar evolução dos tempos
Quadro Interactivo para: Acompanhar evolução dos tempos
Quadro Interactivo para: Acompanhar evolução dos tempos
Quadro Interactivo para: Acompanhar evolução dos tempos

Quadro Interactivo para:

Valorizar as tecnologias como ferramentas educativas e cognitivas

Quadro Interactivo para: Valorizar as tecnologias como ferramentas educativas e cognitivas

Quadro Interactivo: constrangimentos e potencialidades

Quadro Interactivo: constrangimentos e potencialidades
http:// interactsite.blogspot.com

http://interactsite.blogspot.com

http:// interactic.ning.com Comunidade de Partilha na Educação 2.0 Registe-se para aceder, participar e receber toda

http://interactic.ning.com

Comunidade de Partilha na Educação 2.0

Registe-se para aceder, participar e receber toda a informação útil à docência. Debata-se Educação!

http:// www.prometheanplanet.com/pt Comunidade virtual concebida especialmente para fornecer aos professores de todo o

http://www.prometheanplanet.com/pt

Comunidade virtual concebida especialmente para fornecer aos professores de todo o mundo, a habilidade de:

Partilhar lições novas e inovadoras com outros educadores

Aceder a uma ampla biblioteca de recursos pedagógicos

Trocar opiniões com outros membros no Fórum online.

http:// www.prometheanplanet.com/pt Instalação do programa ActivInspire

http://www.prometheanplanet.com/pt

Instalação do programa ActivInspire

http:// www.prometheanplanet.com/pt Instalação do programa ActivInspire

Trabalho Autónomo

Trabalho Autónomo http:// www.prometheanplanet.com/pt

http://www.prometheanplanet.com/pt

Trabalho Autónomo http:// www.prometheanplanet.com/pt
O caminho faz- se caminhando…

O caminho faz-se caminhando…