Sunteți pe pagina 1din 3

MATEMÁTICA

RAZÃO E PROPORÇÃO

Proporcionalidade é um dos conteúdos da Matemática bastante utilizado na vida diária. Estamos constantemente comparando variações de preços, massa, velocidade, tempo, formas, tamanhos, enfim, tudo o que nos cerca. Essas comparações, muitas vezes, nos facilitam na tomada de decisões. Veja, por exemplo, quando você vai ao supermercado e vê uma oferta de dois potes de margarina de 250 g por R$ 0,87, enquanto que o pote de 500 g, fora da oferta, custa R$ 1,54. O que você faz para saber qual é a compra mais econômica: os dois potes da oferta ou um pote de 500 g?

Situação - 1

Com o uso de régua meça os retângulos abaixo e escreva na tabela as medidas
Com
o
uso
de régua meça os retângulos abaixo e escreva na tabela as medidas
encontradas.
B
6
A
1
2
3
3
C
9
Medidas em cm
A
B
C
Largura
Comprimento
Quociente entre largura e comprimento

O quociente entre a largura e o comprimento de cada retângulo pode ser representado de

diferentes maneiras. Veja:

Retângulo A 1

ou 1 : 3

 

3

Retângulo B

2

ou

2 : 6

6

Retângulo C

3

ou 3 : 9

9

A divisão é uma das formas que usamos para comparar dois números. A cada quociente

damos o nome de razão. Dizemos que entre a largura do retângulo A e o seu comprimento é de

1

ou 1 : 3, que se lê “um está para três” ou seja, para cada centímetro na largura do retângulo A, temos 3 cm no comprimento. De maneira análoga pode ser feita a leitura das razões das dimensões do retângulo A e retângulo B. As razões ou quocientes 2 e 3 podem ser escritas na forma simplificada.

 

6

9

Assim:

2

=

1

e

3

=

1

6

3

9

3

Como você deve ter notado, em todos os retângulos, da situação 1, a razão entre a largura

e o comprimento de seus lados é equivalente a

1

3

Então, podemos dizer que

1

=

2

=

3

são frações equivalentes.

3

6

9

Com frações equivalentes sempre podemos formar proporção:

1

=

2

2

=

3

1 =

3

3

6

6

9

3

9

Observe que multiplicando “cruzado” obtemos sempre o mesmo valor:

1

=

2 {1 . 6 = 2 . 3

2 =

3

{2 . 9 = 6 . 3

3

6

6

9

1

= 3

{1 . 9 = 3 . 3

3

9

À igualdade entre duas razões chamamos de proporção.

RAZÃO

“Razão entre dois números racionais (o segundo diferente do primeiro) é o quociente do primeiro pelo segundo.”

Assim a razão entre os números 3 e 2 é

3 que se lê: razão de três para dois.

2

O primeiro número é chamado ANTECEDENTE e o segundo CONSEQÜENTE.

3

antecedente

2

conseqüente

••••RAZÕES INVERSAS

Considerando as razões

4 e 5 vemos que o antecedente de uma é o conseqüente da outra e vice-versa.

5

4

Vemos também que o produto das duas é igual a 1

(

4

.

5

=

1 )

5

4

duas é igual a 1 ( 4 . 5 = 1 ) 5 4 Das duas

Das duas razões nessas condições são chamadas inversas.

Observação:

A razão de antecedente 0 não possui inversa.

RAZÕES IGUAIS

Tomando-se as razões

6

e

9 , verificamos que

6

=

3

e

9

=

3 ,

8

12

8

4

12

4

isto é, as frações que representam são equivalentes. Neste caso, diz-se que as razões são iguais e se indica

 

6

=

9

 

8

12

Então: “Duas razões são iguais quando as frações que as representam são equivalentes.”

No exemplo dado,

6

=

9 , veremos que:

8

12

6

antecedente

de uma

x

12

=

conseqüente

de outra

9

x

antecedente

de uma

8

conseqüente

de outra

Logo: “Nas razões iguais, os produtos do antecedente de uma pelo conseqüente de outra são iguais.”

PROPORÇÕES

É

a igualdade entre 2 razões. =

3

EXEMPLO:

6 (lê-se 3 está para 2 assim como 6 está para 4)

2

4

O primeiro número (3) e o último número (4) são os EXTREMOS e o segundo número (2) e o terceiro

número (6) são os MEIOS.