Sunteți pe pagina 1din 17

PLANEJAMENTOPLANEJAMENTO FFÍÍSICOSICO DEDE UTIsUTIs

PLANEJAMENTO F F Í Í SICO SICO DE DE UTIs UTIs Projetos Projetos e e Consultoria

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

ConceitosConceitos

CTICTI == CentroCentro dede TratamentoTratamento Intensivo.Intensivo. ConjuntoConjunto dede UTIsUTIs agrupadasagrupadas numnum mesmomesmo local;local; UTIUTI == UnidadeUnidade dede terapiaterapia intensiva.intensiva. 1.1. UUnidadenidade queque abrigaabriga pacientespacientes dede requeiramrequeiram assistênciaassistência mméédica,dica, dede enfermagem,enfermagem, laboratoriallaboratorial ee radiolradiolóógicagica ininterrupta.ininterrupta. 2.2. UnidadeUnidade especespecííficafica dentrodentro dede umauma CTICTI (coronariana,(coronariana, neonatal,neonatal, pedipediáátrica,trica, etcetc))

neonatal,neonatal, pedipedi áátrica,trica, etcetc )) Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

ConceitosConceitos

AssistênciaAssistência mméédicadica 2424 hshs;; AssistênciaAssistência dede enfermagemenfermagem 2424 hshs;; AssistênciaAssistência laboratoriallaboratorial 2424 hshs;; AssistênciaAssistência dede imagemimagem 2424 hshs;; MMíínimonimo dede 55 leitos.leitos.

2424 hshs ;; MMíí nimonimo dede 55 leitos.leitos. Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

OntemOntem

HistHistóóricorico

LugarLugar parapara ““morrermorrer””;; CirculaCirculaççõesões perifperifééricas;ricas; PoucaPouca ouou nenhumanenhuma visita;visita; AmbienteAmbiente totalmentetotalmente fechado;fechado; ÁÁrearea restritarestrita semelhantesemelhante aa umum centrocentro circirúúrgico;rgico; PacientesPacientes inconscientes;inconscientes; UnidadeUnidade úúnica.nica.

UnidadeUnidade úúnica.nica. Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

HojeHoje

HistHistóóricorico

LugarLugar parapara ““sese recuperarrecuperar ee viverviver””;; CirculaCirculaççõesões internas;internas; VisitaVisita comocomo ajudaajuda terapêutica;terapêutica; AmbienteAmbiente comcom luzluz naturalnatural ee visãovisão exterior;exterior; ÁÁrearea acessoacesso restrito,restrito, masmas semsem necessidadenecessidade dede paramentaparamentaççãoão;; PacientesPacientes inconscientesinconscientes ee conscientes;conscientes; UnidadesUnidades especializadas.especializadas.

UnidadesUnidades especializadas.especializadas. Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

Fonte: HDR Architecture, Inc. Omaha, Nebraska, USA Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar Hospitalar

Fonte: HDR Architecture, Inc. Omaha, Nebraska, USA

Fonte: HDR Architecture, Inc. Omaha, Nebraska, USA Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar Hospitalar
Fonte: HDR Architecture, Inc. Omaha, Nebraska, USA Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar Hospitalar

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

NormasNormas

PortariaPortaria nnºº 3.432/GM,3.432/GM, dede 1212 dede agostoagosto dede 1998,1998, estabeleceestabelece critcritéériosrios dede classificaclassificaççãoão entreentre diferentesdiferentes unidadesunidades dede tratamentotratamento intensivointensivo –– UTI;UTI; ResoluResoluççãoão ANVISAANVISA RDCRDC 50/2002;50/2002; PortariaPortaria nnºº 332332 dede 28/03/2000.28/03/2000. AlteraAlteraççãoão dada PortariaPortaria nnºº 3.432/GM;3.432/GM; ConsultaConsulta PPúúblicablica ANVISAANVISA nnºº

21/2006;21/2006;

ResoluResoluççãoão Mercosul/XXVIIMercosul/XXVII SGTSGT NNºº 1111 dede 26/10/200626/10/2006

SGTSGT NN ºº 1111 dede 26/10/200626/10/2006 Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

Normas:Normas: RDCRDC 50/200250/2002

UNIDADEUNIDADE // AMBIENTEAMBIENTE

 

DIMENSIONAMENTODIMENSIONAMENTO

 

QUANTIFICAQUANTIFICAÇÇÃOÃO (min.)(min.)

DIMENSÃO(min.)DIMENSÃO(min.)

InternaInternaççãoão intensivaintensiva-- UTIUTI // CTICTI

ÉÉ obrigatobrigatóóriaria aa existênciaexistência emem hosphosp terciterciááriosrios ee emem secundsecundááriosrios comcom cap.cap. 100100 L.,L., bembem comocomo nosnos especializadosespecializados queque atendamatendam pacientespacientes gravesgraves ouou dede riscorisco ee emem EASEAS queque atendamatendam gravidezgravidez /parto/parto dede altoalto risco.risco. NesteNeste úúltimoltimo casocaso oo EASEAS devedeve dispordispor dede UTIsUTIs adultoadulto ee neonatal.neonatal.

 

PostoPosto dede enfermagemenfermagem // áárearea dede serviserviççosos dede enfermagemenfermagem

11 parapara cadacada áárearea coletivacoletiva ouou conjuntoconjunto dede quartos,quartos, independenteindependente dodo nnºº dede leitos.leitos.

AoAo menosmenos umum dosdos postospostos (quando(quando houverhouver maismais dede um)um) devedeve possuirpossuir 6,06,0 mm²²

ÁÁrearea parapara prescpresc MMéédicadica

 

1,51,5 mm

QuartoQuarto (isolamento(isolamento ouou não)não)

MMíínimonimo dede 55 leitosleitos podendopodendo existirexistir quartosquartos ouou ááreasreas coletivas,coletivas, ouou ambosambos aa critcritéériorio dodo EAS.EAS. OO nnºº dede leitosleitos dede UTIUTI devedeve correspondercorresponder aa nono mmíínimonimo 6%6% dodo totaltotal dede leitosleitos dodo EAS.EAS.

10,010,0 mm²² comcom distânciadistância dede 11 mm entreentre paredesparedes ee leito,leito, excetoexceto cabeceiracabeceira ee ppéé dodo leitoleito == 1,21,2 m.m.

ÁÁrearea coletivacoletiva dede tratamentotratamento (( excetoexceto neonatologianeonatologia ))

DeveDeve serser

previstoprevisto

umum

quartoquarto dede

9,09,0 mm²² porpor L.L. comcom distânciadistância dede 11 mm entreentre paredesparedes ee L.,L., excetoexceto cabeceira,cabeceira, dede 22 mm entreentre L.L. ee ppéé dodo L.=L.= 1,21,2 mm (o(o espaespaççoo destinadodestinado aa circulacirculaççãoão dada unidadeunidade podepode estarestar incluincluíídodo nestanesta distância)distância)

isolamentoisolamento parapara cadacada 1010 leitosleitos dede UTI,UTI, ouou frafraçção.ão.

SalaSala dede higenizahigenizaççãoão ee preparopreparo dede equip./equip./ matmat

1.1. DispensDispensáávelvel sese estaesta atividadeatividade ocorrerocorrer nana CMECME

4,04,0 mm²² comcom dimdim mmíínimanima == 1,51,5 mm

SalaSala dede entrevistasentrevistas

 

6,06,0 mm²²

de de entrevistas entrevistas   6,0 6,0 m m ² ² Projetos Projetos e e Consultoria

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

Normas:Normas: RDCRDC 50/200250/2002

AMBIENTESAMBIENTES DEDE APOIO:APOIO:

--SalaSala dede utilidadesutilidades --SalaSala dede esperaespera parapara acompanhantesacompanhantes ee visitantesvisitantes --QuartoQuarto dede plantãoplantão --SecretariaSecretaria --RoupariaRouparia --DepDepóósitosito dede materialmaterial dede limpezalimpeza --DepDepóósitosito dede equipamentosequipamentos ee materiaismateriais --CopaCopa --BanheiroBanheiro parapara quartoquarto dede plantãoplantão --SanitSanitááriosrios comcom vestivestiááriosrios parapara funcfunc (mas.(mas. ee femfem.).) --SanitSanitááriorio parapara pacientespacientes (geral).(geral). PodePode serser substitusubstituíído,do, quandoquando sese fizerfizer usouso dede quartosquartos individuais,individuais, porpor equipamentoequipamento ouou bancadabancada contendocontendo lavatlavatóóriorio ee baciabacia sanitsanitááriaria juntos.juntos. **--ÁÁrearea dede estarestar parapara equipeequipe dede sasaúúdede **--SanitSanitááriorio parapara ppúúblicoblico (junto(junto àà salasala dede espera)espera)

blicoblico (junto(junto àà salasala dede espera)espera) Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

DistânciasDistâncias nosnos leitosleitos

BoxBox==

nono

mmíínimonimo

33

metrosmetros

dede

largura.largura.

11

metrometro emem cadacada laterallateral ee

maismais cama;cama;

11

metrometro

parapara

aa

EntreEntre

leitos=leitos=

nono

mmíínimonimo

22

metrosmetros

comcom

separaseparaççãoão ““movmovééll”” entreentre eles;eles;

PPéé dada cama=cama= 1,21,2 metro;metro;

EntreEntre

paredes=paredes= nono mmíínimonimo 11 metro.metro.

leitosleitos

ee

nono mmíínimonimo 11 metro.metro. leitos leitos e e Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

mmíínimonimo 11 metro.metro. leitos leitos e e Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar Hospitalar

Geral:Geral: uumm lavatlavatóóriorio aa cadacada 55 (cinco)(cinco) leitosleitos dede nãonão isolamentoisolamento Neonatal:Neonatal: umum lavatlavatóóriorio aa cadacada 44 (quatro)(quatro) berberçços;os; TorneirasTorneiras ouou comandoscomandos dodo tipotipo queque dispensemdispensem oo contatocontato dasdas mãosmãos quandoquando dodo fechamentofechamento dada áágua,gua, sabãosabão llííquidoquido degermantedegermante,, ee papeleirapapeleira parapara secagemsecagem dasdas mãos,mãos, alaléémm dede provisãoprovisão dede antianti--sséépticoptico juntojunto asas torneirastorneiras dede lavagemlavagem dasdas mãos.mãos.

torneirastorneiras dede lavagemlavagem dasdas mãos.mãos. Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

LavatLavatóóriosrios

dasdas mãos.mãos. Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar Hospitalar Lavat Lavat ó ó rios rios

InstalaInstalaççõesões eleléétricastricas

SistemaSistema dede emergênciaemergência

ÁÁrearea parapara prescriprescriççõesões mméédicas,dicas, salasala dede serviserviççoo ee demaisdemais salassalas dede apoio:apoio:

GrupoGrupo 0,0, ClasseClasse >> 15;15; PostoPosto dede enfermagem:enfermagem: GrupoGrupo 1,1, ClasseClasse

15;15;

ÁÁreasreas ee quartosquartos dede pacientes:pacientes: GrupoGrupo 2,2, ClasseClasse 1515 ee 0,50,5 parapara equipamentosequipamentos eletromeletroméédicosdicos

equipamentosequipamentos eletromeletrom éédicosdicos Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

InstalaInstalaççõesões eleléétricastricas

IluminaIluminaççãoão

iluminailuminaççãoão geralgeral emem posiposiççãoão queque nãonão incomodeincomode oo pacientepaciente deitado;deitado; iluminailuminaççãoão dede cabeceiracabeceira dede leitoleito dede paredeparede (arandela);(arandela); iluminailuminaççãoão dede exameexame nono leitoleito comcom lâmpadalâmpada fluorescentefluorescente nono tetoteto e/oue/ou arandela;arandela; ee iluminailuminaççãoão dede vigvigíílialia nasnas paredesparedes (a(a 5050 cmcm dodo piso)piso) inclusiveinclusive banheiros.banheiros.

cmcm dodo piso)piso) inclusiveinclusive banheiros.banheiros. Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

InstalaInstalaççõesões eleléétricastricas

TomadasTomadas

88 tomadastomadas parapara equipamentoequipamento porpor leito,leito, berberççoo ouou incubadora,incubadora, alaléémm dede acessoacesso àà tomadatomada parapara aparelhoaparelho ransportransportáávelvel dede raiosraios XX distantedistante nono mmááximoximo 15m15m dede cadacada leitoleito (RDC(RDC 50/2002);50/2002); Sugestão:Sugestão: nono mmíínimonimo 1212 tomadas;tomadas; DeveDeve--sese levarlevar emem contaconta oo fatofato dede existênciaexistência dede ambasambas asas voltagens,voltagens, 110v110v ee

220v.220v.

ambasambas asas voltagens,voltagens, 110v110v ee 220v.220v. Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

InstalaInstalaççõesões gasesgases

LOCALLOCAL

 

NNÚÚMEROMERO DEDE POSTOSPOSTOS

 
 

OxigênioOxigênio

ÓÓxidoxido

VVáácuocuo

 

ArAr

NitrosoNitroso

ClClííniconico

ComprimidoComprimido

MedicinalMedicinal

UTIUTI neonatalneonatal

22 parapara cadacada

--

11 porpor berberççoo

22

parapara

cadacada

berberççoo

ouou

berberççoo

ouou

incubadoraincubadora

incubadoraincubadora

UTIUTI

22 parapara cadacada leitoleito

--

11 porpor leitoleito

22 parapara cadacada leitoleito

por leito leito 2 2 para para cada cada leito leito Projetos Projetos e e Consultoria

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

NBRNBR 72567256

ClimatizaClimatizaççãoão

AMBIENTESAMBIENTES

NNíívelvel

SituaSituaççãoão

Temp.Temp.

UmidUmid

VazãoVazão

VazãoVazão mmíín.n. dede ArAr Total.Total. (m(m 33 /h)/h) //

NNíívelvel

FiltragemFiltragem

NNíívelvel

dede riscorisco

aa

((°°C)C)

relativarelativa

mmíín.n. dede

dede

mmíínimanima

dede

controlarcontrolar

(%)(%)

ArAr exterexter

pressãopressão

Insuflam.Insuflam.

ruruíídodo

(m(m 33 /h)/h) //

dB(A)dB(A)

mm

22

mm

22

InternaInternaççãoão intensivaintensiva (UTI/CTI)(UTI/CTI)

               

QuartoQuarto ouou áárearea coletivacoletiva

22

AgBAgB

2121

-- 2424

4040 --

66

1818

(+)(+)

G3G3 ++ F7F7

 

6060

QuartoQuarto parapara isolamentoisolamento dede TMOTMO ee outrosoutros transplantadostransplantados

33

AgBAgB

2121

-- 2424

4040

66

1818

(+)(+)

G3G3 ++ F7F7 ++ A3A3

 

6060

QuartoQuarto parapara isolamentoisolamento dede pacientepaciente comcom infecinfecççãoão transmitidatransmitida pelopelo arar

33

AgBAgB

2121

-- 2424

4040

 

1818

((--))

G4G4

 

6060

–   18 18 ( ( - - ) ) G4 G4   60 60 Projetos

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar

ArqArq°° FlFlááviovio dede CastroCastro BicalhoBicalho

Fl Fl á á vio vio de de Castro Castro Bicalho Bicalho Arquiteto Arquiteto pela pela

ArquitetoArquiteto pelapela UniversidadeUniversidade dede BrasBrasíílialia--UnBUnB (1982).(1982). EspecialistaEspecialista emem SaSaúúdede coletiva/Vigilânciacoletiva/Vigilância sanitsanitááriaria emem serviserviççosos dede sasaúúdede pelapela UnBUnB (2002).(2002). Trabalho,Trabalho, entreentre 19831983 ee 2007,2007, nono MinistMinistéériorio dada SaSaúúdede // ANVISA,ANVISA, nana áárearea dede planejamentoplanejamento ffíísicosico dede sasaúúdede ee qualidadequalidade dodo arar interior,interior, ondeonde foifoi umum dosdos coco--autoresautores dasdas atuaisatuais normasnormas parapara projetosprojetos dede estabelecimentosestabelecimentos assistenciaisassistenciais dede sasaúúdede (Resolu(Resoluççãoão ANVISAANVISA RDCRDC nnºº 50/2002).50/2002). PresidentePresidente--futurofuturo dada AssociaAssociaççãoão BrasileiraBrasileira parapara DesenvolvimentoDesenvolvimento dodo EdifEdifííciocio HospitalarHospitalar--ABDEH.ABDEH. ProfessorProfessor dosdos cursoscursos dede especializaespecializaççãoão emem controlecontrole dede infecinfecççãoão hospitalar,hospitalar, administraadministraççãoão hospitalarhospitalar ee auditoriaauditoria dada UniversidadeUniversidade CatCatóólicalica dede GoiGoiáás/Centros/Centro dede EstudosEstudos dede EnfermagemEnfermagem ee NutriNutriççãoão--CEEN.CEEN. ProfessorProfessor convidadoconvidado dodo cursocurso dede especializaespecializaççãoão emem arquiteturaarquitetura dede sistemassistemas dede sasaúúdede dada UniversidadeUniversidade FederalFederal dada Bahia.Bahia. ProfessorProfessor dodo CursoCurso dede EspecializaEspecializaççãoão emem ArquiteturaArquitetura dede SaSaúúdede dodo UNIEURO,UNIEURO, AutorAutor ee consultorconsultor dede vvááriosrios projetosprojetos dede hospitaishospitais ee clclíínicasnicas privadasprivadas nono PaPaíís.s.

e.e.mailmail:: flavio@criararquitetura.comflavio@criararquitetura.com

flavio@criararquitetura.com flavio@criararquitetura.com Projetos Projetos e e Consultoria Consultoria Hospitalar

ProjetosProjetos ee ConsultoriaConsultoria HospitalarHospitalar