Sunteți pe pagina 1din 13

Liderança Cristã

APRESENTAÇÃO

Professor Roney Ricardo

roneycozzer@hotmail.com
99773-4158 / 98854-3678

Blog Fundamentos Inabaláveis


APRESENTAÇÃO
Modelos de Liderança no
Antigo e Novo
Testamentos

Professor Roney Ricardo


roneycozzer@hotmail.com
99773-4158 / 98854-3678
Blog Fundamentos
Inabaláveis
APRESENTAÇÃO

No Antigo Testamento

Professor Roney Ricardo


roneycozzer@hotmail.com
99773-4158 / 98854-3678
Blog Fundamentos
Inabaláveis
Modelo Patriarcal

O patriarca era um “Pai e chefe de uma


família, tribo ou raça. São chamados de
patriarcas alguns antepassados dos
israelitas, como, por exemplo, Abraão (Hb
7.4), os filhos de Jacó (At 7.8-9) e Davi (At
2.29)” – Dicionário da Bíblia de Almeida 2ª edição, SBB.
Modelo Patriarcal

O período patriarcal dura aproximadamente


286 anos – de 1921 a 1635 a.C., de Abraão a
José. Os patriarcas adoravam a Deus
construindo altares e a eles, o Senhor
prometeu a terra de Canaã por herança.
Modelo Teocrático (Juízes)
O período dos Juízes de Israel vai da morte de Josué até o
fim do governo do profeta Samuel. De 1425 a 1095 a.C.,
portanto, mais de 300 anos.
Foi, sem dúvida, um dos períodos mais tristes da história de
Israel; assim se pronuncia o cronista sagrado: “Naquela
época não havia rei em Israel; cada um fazia o que lhe
parecia certo” (Jz 21.25).
Modelo Teocrático (Juízes)
“Muitos perguntam, 'Onde estão as Déboras?'
Porém, uma questão de maior relevância
hoje é: onde estão os Baraques, Lapidotes e os 10.000
homens que querem deixar Deus usar Suas
Déboras?”
Modelo Monárquico (Reis)
Este período vai do primeiro rei de Israel Saul até o cativeiro
babilônico (importante distinguir entre o Reino Unido e o
Reino Dividido). Período: 1095-975 a.C. - 120 anos.
O governo regido por um monarca. Quando o rei era bom e
temente a Deus, a nação seguia nessa direção; quando o
contrário, a nação, igualmente, se corrompia.
APRESENTAÇÃO

No Novo Testamento

Professor Roney Ricardo


roneycozzer@hotmail.com
99773-4158 / 98854-3678
Blog Fundamentos
Inabaláveis
Liderança pelo Presbiterato

“De acordo com o Novo Testamento, os presbíteros são


responsáveis pela liderança e supervisão de uma igreja
local. A função e o papel de um presbítero é bem resumida
por Alexander Strauch em seu livro Biblical Eldership: “Os
presbíteros lideram a igreja [1Tm 5.17; Tito 1.7; 1 Pedro 5.1-
2], ensinam e pregam a Palavra [1 Timóteo 3.2; 2 Timóteo
4.2; Tito 1.9], protegem a igreja de falsos mestres [Atos
20.17, 28-31], exortam e admoestam os santos na sã
doutrina [1 Timóteo 4.13; 2 Timóteo 3.13-17; Tito 1.9],
visitam e oram pelos doentes [Tiago 5.14; Atos 20.35], e
julgam questões doutrinárias [Atos 15.16]. Em terminologia
bíblica, presbíteros pastoreiam, supervisionam, lideram e
cuidam da igreja local” (FONTE: site Monergismo).
Liderança pelo Presbiterato

“Presbítero” e “pastor” não são dois ofícios diferentes.


Como John Piper argumenta na seção cinco do livreto
“Biblical Eldership”, essas são simplesmente duas palavras
diferentes para o mesmo ofício. Ele dá três razões. Primeiro,
em Atos 20.28, os presbíteros são encorajados nos deveres
“pastorais” de supervisionar e pastorear. Segundo, em 1
Pedro 5.1-2, os presbíteros são exortados a “pastorear” o
rebanho de Deus que está aos cuidados deles, papel que é
de um pastor.” (FONTE: site Monergismo).
Liderança pelo Presbiterato

“Terceiro, em Efésios 4.11, a única vez que a palavra pastor


ocorre no Novo Testamento, os pastores são tratados como
pertencendo ao mesmo grupo dos mestres. Isso sugere que
o papel principal do pastor é alimentar o rebanho por meio
do ensino, que é um dos papeis principais dos presbíteros
(Tito 1.9). Dessa forma, o Novo Testamento parece indicar
que “pastor” é outro nome para “presbítero”. Um presbítero
é um pastor, e um pastor é um presbítero” (FONTE: site
Monergismo).
Liderança Familiar

“e alguém não cuida de seus


parentes, e especialmente dos
de sua própria família, negou a
fé e é pior que um descrente”

1 Timóteo 5:8